Category Archives: CAXIAS

“Quem ganha é o povo de Caxias”, diz prefeito Fábio Gentil sobre parceria com Flávio Dino

“O Governo do Estado chega com essa parceria, com esse apoio no momento em que mais precisamos, isso traz uma alegria muito grande.”. Assim o prefeito Fábio Gentil, de Caxias, definiu o resultado da audiência realizada com o governador Flávio Dino na tarde desta sexta-feira (20), no Palácio dos Leões.

Governador Flávio Dino recebe prefeito de Caxias, Fábio Gentil (Gilson Teixeira)

De acordo com o prefeito, no atual cenário de cortes de recursos federais, os programas e convênios implementados pelo Governo do Maranhão têm possibilitado a continuidade das ações municipais.

“Nós que somos gestores públicos municipais sabemos da dificuldade, da quase impossibilidade de administrar um município sozinho, e eu tenho certeza que essa parceria será salutar e o município irá desenvolver em todos os aspectos”, disse.

A manutenção da maternidade Carmosina Coutinho é um dos exemplos que, de acordo com o prefeito Fábio Gentil, demonstram o sucesso da aproximação entre as gestões. “Tivemos há algum tempo uma conversa com o governador e ele se comprometeu em dar uma contrapartida para a manutenção da maternidade, que é macrorregional de Caxias, tem UTI e assim foi feito”.

Além disso, o governo também mantém o Hospital Macrorregional de Caxias e investimentos em saúde que já somam mais de R$ 24 milhões aplicados apenas em 2017. Inaugurado no passado, o hospital já realizou mais de 1 milhão de atendimentos.

“Caxias é uma macrorregional que inclui 50 municípios. Consequentemente com essa conversa com o governador, a gente pode encontrar um entendimento que beneficia toda a região. Quem ganha nessa história toda é o povo do Maranhão, é o povo de Caxias”, afirmou.

Também participaram da audiência o secretário de Governo, Antônio Nunes, o ex-deputado José Gentil Rosa e o deputado federal Cléber Verde.

SECAP/Texto: Izabella Silveira

‘Operação Com todo Gás’ apreende 41 botijões de gás em Caxias para combater revenda clandestina

O Instituto de Promoção e Defesa do Consumidor do Maranhão (Procon/MA) deu continuidade, na última quinta-feira (17), na cidade de Caxias, às operações ‘Com Todo Gás’ e ‘Chama Azu’, esta última em parceria com o Corpo de Bombeiros, em conjunto com as polícias Civil e Militar. Na ação, foram fiscalizados vários pontos clandestinos de revenda de Gás GLP, e apreendidos 41 botijões.

No comércio MC Paulo Guedes, localizado no povoado Brejinho, foram apreendidos 19 botijões. O estabelecimento estava praticando a revenda de gás GLP sem autorização da Agência Nacional do Petróleo (ANP), como resultado, foi lavrado auto de infração e auto de apreensão do local.

O comércio Quitanda Nova, no mesmo povoado, que também estava praticando a revenda de gás GLP sem autorização da ANP foi autuado.  Os botijões encontrados foram apreendidos. “Nosso objetivo é diferenciar o bom do mau empresário, orientando os primeiros e combatendo as irregularidades praticadas pelos últimos, a fim de garantir um serviço com segurança, qualidade e preços justos em todo o Estado”, disse o presidente do Procon/MA, Duarte Júnior.

Já em Caxias foram vistoriados 11 estabelecimentos, sendo que 5 estavam revendendo gás GLP de forma irregular, sem autorização da ANP e sem estrutura para tal prática. Por esta razão, foram apreendidos 15 botijões de gás.

Os botijões foram encaminhados para o Fiel Depositário, uma revenda autorizada, onde permanecerão à disposição da Justiça. O proprietário da revenda clandestina tem 30 dias para se regularizar, sendo que esse prazo pode ser renovado por 2 vezes, totalizando 90 dias. Somente após regularização, o fornecedor poderá reaver os produtos apreendidos.

PROCON MA

CAXIAS – Maranet beneficia população com internet gratuita

O décimo primeiro ponto da Rede de Internet Gratuita do Maranhão, Maranet, foi inaugurado na última quarta-feira (26) no município de Caxias pelo secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Jhonatan Almada. A rede permitirá a moradores acesso à internet de boa qualidade com capacidade de conexão de até 1.200 pessoas, simultaneamente.

CAXIAS

O toten, de quatro metros de largura e seis de altura, instalado na Praça São Judas Tadeu, no bairro Ponte, tem um raio de alcance de 400 metros.

Em agosto a Maranet deve chegar aos municípios de Codó, Coroatá e Timon. “A Maranet tem como objetivo democratizar o acesso à internet em áreas públicas para que mais maranhenses sejam incluídos nesse mundo digital e tenham acesso ao conhecimento hoje disponibilizado na rede mundial. A Rede já está presente em São Luís, Vitória do Mearim, Pinheiro, Pindaré-Mirim e Arari e até o final do ano deve chegar a novos municípios, incluindo cidades maranhenses com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH)”, contou Jhonatan Almada, que estava acompanhado do secretário-adjunto de Cidadania Digital da Secti, Nivaldo Muniz.

O evento contou com a participação de populares e de vereadores. O presidente da Associação dos Moradores do bairro Ponte, Danilo Nunes, contou que a chegada da internet no bairro é uma grande novidade para os moradores. “A gente ouvia falar que ela seria implantada aqui, mas não acreditava muito não. Para nossa alegria estamos aqui vendo ela funcionando no meio da praça, onde todos os moradores podem acessar”, disse feliz.

Quem também ficou feliz com a novidade foi a dona Maria de Jesus Santos Oliveira. “Aqui é um bairro com muita gente. A população é grande e precisa muito de ações como essa que beneficiam a população”, disse. “Eu não sei usar isso direito não, mas os meus netos sabem e estão muito feliz com a novidade”, completou Raimunda Bispo dos Santos, também moradora do bairro.

SECAP

Governo do Estado anuncia instalação do IML de Caxias solicitado por Humberto Coutinho

O Governo do Estado anunciou importante benefício para Caxias: a instalação de uma unidade do Instituto Médico Legal (IML) no município. A conquista é fruto de um empenho do presidente da Assembleia, deputado Humberto Coutinho (PSB), junto ao governador Flávio Dino (PCdoB).

O IML irá funcionar no prédio anexo aos cursos de Medicina e Enfermagem da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e põe fim a uma antiga reclamação dos cidadãos caxienses.

Atualmente, a Delegacia Regional de Polícia Civil encaminhava as demandas para o município de Timon, o que acaba gerando custos para quem necessitava. Dentro dos serviços que serão oferecidos, a instalação de um IML em Caxias irá facilitar o acesso a perícias, exames de corpo de delito, necropsia e laudos cadavéricos.

A instalação do órgão agradou os Caxienses. Na opinião de Antônio Silva, trabalhador autônomo, o “IML será muito bom para toda a população de Caxias”. A administradora de empresas Silvana Silva também partilha de pensamento semelhante e elogiou a implantação do IML no município. “Caxias precisa. Faz tempo que está nessa luta e eu estou radiante com a notícia. Parabéns mesmo quem teve a boa ação de trazer o IML pra Caxias”, destacou a administradora.

O deputado Humberto Coutinho, que lutou para a instalação do IML de Caxias, explicou como se encaminhou o pleito. “Eu sugeri ao secretário de Saude, Dr Lula, que enquanto não construísse um prédio, que alugasse, que fizesse convenio com alguma funerária, como era antigamente. Para que os corpos com mortes recentes recebessem cuidados em Caxias, para que só fossem para Timon corpos já em estado de decomposição. Corpos com acidentes recentes eu acho uma injustiça levar para Timon”, destacou.

De acordo com Dr Humberto, o processo seletivo simplificado para contratação de pessoal já foi aberto e, em pouco tempo, o serviço deverá estar funcionando. “O governador está sensível a isto e o secretário também; e inclusive já encerrou o concurso para seleção para os técnicos especializados que irão trabalhar no IML”, disse o presidente da Assembleia.⁠⁠⁠⁠

FONTE: Site da Assembleia Legislativa

Governo do Maranhão recupera MA-034 entre Caixas e Baú

O deputado federal Rubens Junior (PCdoB) confirmou, na tarde de ontem, segunda-feira (10), que o Governo do Maranhão iniciou a recuperação de mais um trecho da MA-034, que liga Caixas ao povoado Baú. Serão recuperados 40 kms de estrada. “Esta é mais uma importante iniciativa do governador Flávio Dino para a região, garantindo desenvolvimento, além de emprego e renda”, comemorou Rubens.

A atual gestão do Governo já realizou o serviço de conservação e manutenção em três mil quilômetros da malha viária do Maranhão, o que representa 60% dos 5 mil de rodovias estaduais. As ordens de serviços seguem um plano de pavimentação realizado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra). Para continuar melhorando a malha asfáltica, o Governo do Maranhão anunciou, para o ano de 2017, investimento na ordem de R$ 100 milhões em obras de manutenção.

Segundo o governador Flávio Dino, a construção civil é um setor de enorme importância econômica e social no Maranhão, por movimentar centenas de empresas e milhares de empregos. “Essa é uma das razões pelas quais tenho me dedicado tão intensamente a um alto número de obras sendo iniciadas, concluídas e inauguradas, apesar da escassez financeira vigente no país”, destacou.

O Maranhão possui uma malha viária de 5.228,22 quilômetros. Devido à falta de cuidados adequados por um longo tempo, a gestão do governador Flávio Dino encontrou as estradas em péssimas condições precisando, assim, de investimentos acentuados para restaurá-las.

“Desde 2015 temos feito um esforço muito grande para manter o tráfego em nossas rodovias. Recebemos o pavimento com um nível alto de degradação, o tráfego é intenso na maior parte dessas rodovias, e, neste ano, tivemos 40% a mais do volume de chuvas no Maranhão. Mas estamos de prontidão, tanto para as recuperações preventivas, conservação e manutenção, quanto para as recuperações emergenciais, quando há pontos críticos, atingidos pelas chuvas, para que não haja nenhum corte nas rodovias”, explica o secretário de Estado da Infraestrutura do Maranhão, Clayton Noleto.

Os serviços nas estradas atingem diversos níveis de intervenção, dentre eles, drenagem, pavimentação, recapeamento, inserção de sinalização vertical e horizontal, limpeza de sarjeta e acostamento, regulamentação das lombares, resultando em mobilidade adequada aos transeuntes.

Caxias recebeu III seminário Revitalização dos rios maranhenses e suas nascentes

A cidade de Caxias- MA sediou na manhã desta última sexta-feira (07), no auditório da escola São José, a III edição do seminário “Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes”. O seminário é uma das ações do programa SOS Águas do Maranhão, idealizado pelo senador Roberto Rocha (PSB) em parceria com o Instituto Cidade Solidária e o MEA- Movimento Ensinando e Aprendendo. O objetivo é discutir e fomentar políticas públicas que possibilitem revigorar todas as bacias hidrográficas do estado maranhense.

O evento teve grande adesão dos caxienses, que lotaram o auditório para trocar experiências com especialistas e autoridades na área ambiental. “A Bacia do Itapecuru- Sua Importância e Propostas Para a Sua Revitalização”, foi um dos temas abordados durante as atividades técnicas. Os ministradores foram o desembargador, Dr. Arthur Almada Lima (presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias) e o coordenador do Comitê das Bacias Hidrográficas do Itapecuru, Carlos Benedito Maciel. A chefe da Unidade de Meio Ambiente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba- CODEVASF- Ericka Cunha, explicou a sobre o planejamento da Companhia para a Bacia Hidrográfica do Itapecuru.

As atividades técnicas estimularam os debates e promoveram a interação dos participantes, por meio de perguntas e repostas. Elas foram coordenadas pelo vice-prefeito de Caxias, Paulo Marinho Jr. e a Prfª da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Joseleide Teixeira Câmara.

A mesa de abertura foi composta pelo senador Roberto Rocha; o prefeito de Caxias, Fábio Gentil; o vice-prefeito Paulo Marinho Júnior; Liviomar Macatrão, representando o Instituto Cidade Solidária; o presidente da Câmara Municipal de Caxias, Antônio José Bittencourt; o diretor da Área de Revitalização de Bacias Hidrográficas da Codevasf, Inaldo Guerra; Carlos Benedito Maciel, coordenador do Comitê das Bacias do rio Itapecuru; TEN. Sonny, do 2º Batalhão de Engenharia de Construção do Exército; o presidente estadual do PRTB, Márcio Coutinho e a gerente executiva da Caixa Econômica Federal, Regina Célia Barbosa.

Durante o seu pronunciamento, o senador Roberto Rocha anunciou medidas concretas para a revitalização do rio Itapecuru. Entre elas, a liberação de 5 milhões para que a UEMA faça o Plano de Recursos Hídricos do Itapecuru e o projeto de estação de monitoramento para que as águas do rio sejam monitoradas permanentemente. Roberto Rocha destacou, também, que conseguiu junto ao governo federal que o Exército Brasileiro realize o trabalho de desassoreamento dos rios maranhenses. Lembrou que já viabilizou recursos de R$ 2,5 milhões para que a Codevasf faça todo o diagnóstico do rio Itapecuru, e que a sua primeira emenda como senador da República foi destinada para revitalização desse rio, que, segundo ele, deveria estar sob cuidados do governo do estado.

“ O rio Itapecuru é eminentemente estadual, e deveria ser cuidado pelo poder executivo do nosso estado. O governo do Maranhão está convidado para, se assim desejar, participar deste esforço, que não é o esforço de um senador, de um prefeito, ou de uma só pessoa. É um esforço de um estado que procura se levantar para, pela primeira vez, ouvir a voz dos rios que pedem socorro”, disse Roberto Rocha.

Na oportunidade, o senador entregou ao prefeito, Fábio Gentil, uma placa simbolizando o início do projeto “Adote Uma Nascente”, cuja finalidade é incentivar a participação voluntária da classe empresarial e da comunidade no processo de gestão ambiental, por meio de ações de recuperação e revitalização de nascentes dos rios.

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil, elogiou a iniciativa do seminário, que resgatou o debate sobre o problema do rio Itapecuru: “Caxias é uma cidade de águas, e trazer para a nossa cidade este seminário é motivo de muito orgulho, pois ele se propõe a melhorar a nossa vida, porque água é vida”, ressaltou.

Para o presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias, desembargador Arthur Almada Lima, o seminário Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes já merece um registro especial na história de Caxias. “Hoje é um dia ímpar na história de nossa cidade, pois o senador Roberto Rocha, por meio deste evento, nos traz a certeza de que a bacia do nosso Itapecuru será, de fato, revitalizada, depois de tantos anos de degradação”, disse.

Como ocorreu nos outros dois seminários, o Instituto Cidade Solidária, representado pelo Sr. Liviomar Macatrão, fez a doação dos alimentos não perecíveis arrecadados durante o evento. Em Caxias, a instituição beneficiada foi a Fazenda da Esperança, comunidade terapêutica que abriga jovens dependentes químicos que desejam se livrar do álcool e das drogas.

De acordo com o Comitê organizador, o próximo seminário está previsto para ocorrer no mês de agosto, na cidade de Grajaú.

EMPREGO: Riachuelo tem 53 vagas abertas em Caxias

A Riachuelo, maior empresa de varejo de moda do Brasil, está com 53 vagas de emprego abertas para a nova loja que será inaugurada no Caxias Shopping Center, na cidade de Caxias, no Maranhão.

As oportunidades são para as áreas de Vendas e Merchandising, Atendimento, Perfumaria, Eletrônicos, LPR (estoque), Patrimônio, Caixa e Base Operacional, incluindo pessoas com deficiência (PCD).

Os principais pré-requisitos são disponibilidade de trabalho aos finais de semana e feriados e afinidade com moda e varejo.

Os currículos podem ser enviados até o dia 20 de julho para o endereço de e-mail caxiascenter@riachuelo.com.br

Beatriz Secco
Assistente

Feirantes de Caxias serão capacitados em empreendedorismo

Produtores rurais e artesãos da cidade de Caxias passarão por uma série de cursos que visam o aperfeiçoamento de técnicas empreendedoras. As capacitações fazem parte do projeto “Feirinha da Gente”, uma ação da prefeitura municipal, que tem o apoio do Sebrae, por meio da regional de Caxias. A expectativa é que a Feirinha inicie a partir do dia 23 de julho, na Praça São Benedito, sendo realizada semanalmente nas manhãs de domingo.

Reunião definiu estrategias para realização da Feirinha

No último dia 28, uma comitiva da prefeitura se reuniu com o gerente regional do Sebrae em Caxias, César Guimarães e com o gestor de projetos do Sebrae, Stenio Pinheiro, alinhando estratégias para realização da Feirinha, que vem com a proposta de estimular a comercialização de produtos agrícolas e artesanais produzidos no município.

O grupo discutiu sobre as etapas do projeto, que inclui levantamento e cadastro de produtores e artesãos, estrutura física, cursos e oficinas, dentre outros processos. Neste sentido, o Sebrae será responsável pela capacitação dos feirantes, levando à eles cursos da área de atendimento, vendas e gestão financeira.

“O Sebrae vai oferecer capacitações aos feirantes, mostrando as melhores formas de empreender e assim gerar lucros significativos para os seus negócios. Além disso, quando dispomos esses tipos de treinamentos estamos também proporcionando ao público da Feira um serviço diferenciado, uma vez que receberão um atendimento de qualidade e voltado especificamente para esse tipo de ação”, explicou o gerente regional do Sebrae em Caxias, César Guimarães.

Fizeram parte da comitiva, a secretária da mulher, Taniery Catalice; o assessor executivo, Renato Menezes; o coordenador de turismo, Fernando Santos e o coordenador de indústria e comércio, Expedito Motta, além do diretor administrativo do Balneário Veneza, Antonione dos Santos; o representante da Igreja Católica local, Padre Ribamar.

“A intensão é dinamizar a região trazendo produtos direto do produtor rural para comunidade. Além disso, transformar o local em um ponto turístico e de encontro de famílias em um local agradável, seguro e de fácil acesso”, explicou o coordenador municipal de turismo, Fernando Santos.

ASCOM Caxias

Governo do Estado já investiu este ano mais de 24 milhões na saúde de Caxias

O Governo do Maranhão já investiu, em 2017, mais de R$ 24 milhões em Saúde no município de Caxias. Os recursos têm sido aplicados na assistência de média e alta complexidade do Hospital Macrorregional Dr. Everaldo Aragão, em exames complexos como ressonâncias, Samu e Farmácia Básica, dentre outros serviços assistenciais. Além deste repasse, o município recebe mensalmente mais de R$ 5 milhões federais para o manejo de serviços de saúde.

“Hoje, a ressonância que é feita pelos caxienses é paga pelo Governo do Maranhão. Os exames que são feitos nos hospitais credenciados do estado são pagos pelo Governo do Maranhão. Então é falsa a ideia que o Governo não investe no município de Caxias. Pelo contrário, hoje o município de Caxias é proporcionalmente um dos municípios que mais recebem recursos da gestão estadual”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Além do auxílio mensal fornecido pelo Estado ao município, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) propôs agregar o gerenciamento da Maternidade Carmosina Coutinho ao rol de unidades coordenadas pelo Estado, ficando responsável pelo custeio integral e a gestão da Maternidade. A proposta do Estado traria ao município uma economia mensal de até R$ 1,5 milhão.

“Nós conversamos com o prefeito, perguntamos o maior gasto da Prefeitura com a Saúde e ele respondeu que seria a Maternidade. Nossa proposta foi negada pelo município, o que gerou nosso estranhamento, considerando que o município alega falta de recursos”, pontuou Lula.

Já o Hospital Macrorregional Everaldo Aragão, outro investimento consolidado do Governo em Caxias, conta com mais de 100 leitos, diversas especialidades médicas e tem recebido pacientes de Caxias e região de portas abertas. Além dos serviços já oferecidos na unidade, o Governo implantará o serviço de oncologia, inédito na região.

“A oncologia é outra novidade que a gente traz em 90 dias. A unidade passará a ser o hospital regional que tem maior leque de serviços, a partir de então. Vamos fazer alguns ajustes prediais, sabemos do problema que temos no leste maranhense em relação a essa assistência, e, portanto, passaremos a dispor desse serviço de urgência e emergência em Caxias”, comenta Carlos Lula

FONTE: SES

Caxias vai sediar o mais importante seminário sobre a revitalização dos rios maranhenses

A preservação da Bacia do Itapecuru será a pauta principal do seminário que ocorrerá no próximo dia 07 de julho, das 8:00h às 12:30h, no auditório da escola São José, em Caxias- MA. Com o tema ”Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes”, o evento vai reunir profissionais que são referências na área de sustentabilidade ambiental, para discutir e buscar alternativas para a recuperação do rio Itapecuru.

O seminário é uma realização do Instituto Cidade Solidária e do senador Roberto Rocha (PSB), com co-realização do MEA- Movimento Ensinando e Aprendendo.

A cerimônia de abertura está marcada para as 8:00h, e contará com a presença do senador Roberto Rocha e de outras lideranças políticas do estado

Na oportunidade, a chefe da Unidade Regional de Meio Ambiente da CODEVASF- MA, Éricka Cunha, irá apresentar o planejamento da Companhia para a Bacia Hidrográfica do Itapecuru. A programação terá mesa redonda com o tema “Bacia do Itapecuru – Sua Importância e Propostas para Sua Revitalização”. Os ministradores serão Arthur Almada Lima, presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias e Carlos Benedito Maciel, coordenador do Comitê da Bacia do Itapecuru.

Serviço:

Evento: Seminário Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes.

Data: 07 de julho de 2017, das 8:00h as 12:30h.

Local: Auditório da escola São José, localizado na Praça do Pantheon, 03, Centro de Caxias-MA