Category Archives: Esporte

ESPORTE – Realizada reunião com equipes que participarão do 4º COPÃO BARRACÃO E REGIÃO

Foi realizado no último fim de semana no povoado BARRACÃO  a reunião para se discutir os últimos detalhes do 4º COPÃO BARRACÃO E REGIÃO que este ano deve ter mais de 20 equipes de futebol.

Reunião no Barracão

“Discutirmos a melhora do torneio, né, como vai acontecer. Basicamente desde o começo é o mesmo regulamento por isso que a gente tem que ir aprimorando, melhorando, foi basicamente isso”, explicou Ronaldo Moura, organizador do evento esportivo que sempre teve  o apoio do deputado estadual César Pires.

Este ano acontecerá após a Copa do Mundo e já tem data marcada para o torneio início – 22 de julho de 2018.

BRASILEIRÃO SÉRIE D – Cordino empata com Ferroviário em 3 a 3

Ferroviário e Cordino acabaram se reencontrando ontem, 3, à tarde, no Leandrão,  logo no início da nova fase da Série D.

Os dois  times  iniciaram, com esta partida,   a temida fase do mata-mata. Cada equipe tem três confrontos pela frente que se transformam em seis jogos por causa das idas e voltas. Só quem vencer todos estes jogos seguirá na competição.

Cordino e Ferroviário no Leandrão

Em casa,  o Cordino  se sentiu mais à vontade para abrir o placar. Aos 9 minutos de bola rolando o atacante Ulisses pegou de primeira e fez Cordino 1 a zero. Aos 24 minutos Edson Cariús, camisa 9 do Ferroviário,  aproveitou  o passe de Sávio e deixou tudo igual, 1 a 1.

ATAQUE E CONTRA-ATAQUE

No final do primeiro tempo após jogada iniciada por Ulisses pelo lado esquerdo de seu ataque a bola foi parar na cabeça de  Kelson, mas a finalização não foi a esperada. A resposta foi imediata, Edson Cariús entrou na grande área escolheu o canto e o goleiro Pablo,  do Cordino,  já havia ficado sem chance mas a bola bateu na trave e foi pra fora.

NO SEGUNDO TEMPO

Segundo tempo ainda mais disputado.  Aos sete minutos Mateus cruzou e Pedro Igor, que havia acabado de entrar, deixou o CORDINO na frente novamente,  de cabeça fez – Cordino Dois a 1.

Mas nem deu tempo de comemorar, no minuto seguinte o inspirado Edson Cariús tratou  de deixar tudo igual novamente 2 a 2.


A POLÊMICA DO JOGO

No desempate  a grande polêmica do jogo – Janeudo chutou de dentro da grande área, a bola bateu no travessão e desceu. A duvida é – foi gol?  O árbitro disse que sim, com isso houve mudança no placar –  Ferroviário 3, Cordino 2. a reclamação foi geral dentro e fora de campo.

“Na minha opinião e na opinião dos torcedores ali não foi gol (…) o juiz e o bandeirinha erram na nossa opinião aqui dos torcedores”, reclamou o membro da Fúria da Onça Francildo Silva.

Perguntado sobre o mesmo assunto, Sávio, jogador do Ferroviário, respondeu que não viu.

“Mas se for erro o arbitro vai ver o vídeo e vai corrigir pra não acontecer isso mais pra não prejudicar  o nosso time nem prejudicar o time adversário”, afirmou

O EMPATE

Polêmica à parte, o jogo seguiu e coube ao lateral  ANDRÉ RADIJA fazer o terceiro do Cordino de falta,  do jeitinho que passou a semana treinando.

“Os companheiros todos sabem que sempre quando acaba os treinamentos  eu fico trabalhando com o professor lá e isso me ajuda bastante nas bolas paradas”

Aos 33 minutos da etapa final o Ferroviário ficou sem  André Lima, expulso após falta violenta no zagueiro DA SILVA, mas segurou o placar em 3 a 3 até o final.

“Estamos de parabéns muito difícil jogar contra o Cordino aqui, agora e decidir dentro de casa’, analisou  Esquerdinha, jogador do Ferroviário

Quase no mesmo tom, Ulisses, goleador do Cordino, falou.

“Saber lidar com este empate lá que eles fizeram aqui, ne, por isso  precisamos fazer um grande jogo la e, quem sabe, trazer nossa classificação”, frisou

ESPORTE – 22 escolas de Codó receberam kits de material esportivo

O prefeito de Codó, Francisco Nagib entregou ontem, 25, na Associação Comercial de Codó, kits esportivos para 22 escolas da rede pública municipal.

Representantes de todas as escolas contempladas estiveram no evento que também marcou a abertura dos Jogos Escolares Codoenses edição 2018.

Em entrevista ao blogdoacelio o superintendente de esportes Junior Goiabeira e o prefeito Francisco Nagib deram detalhes sobre esta ação e o seu alcance social.

FUTEBOL – Peneira do Santa Cruz de Recife ocorrerá em Codó dias 26 e 27 de maio

Os garotos que sonham em ser jogadores de futebol terão a chance de começar pelo time do SANTA CRUZ, de Recife,  cuja peneira será realizada dias 26 e 27  de maio, no Campo do Vasco, bairro Nova Jerusalém.

Meninos  de 13 a 18 anos de idade podem participar. Tião Santos, entrevistado pelo cronista esportivo, Hélcio Costa, informou que as inscrições podem ser feitas no bairro Nova Jerusalém com o cigano Edison Cobel e na Av. Dr. José Anselmo, na antiga casa dos Idosos.

TIMBIRAS – Encerrado o ciclo de 20 anos da COPA JUPIRA

No último dia 13 de maio, em que se comemora o Dias das Mamães, comemorou-se também os 20 anos da Copa JUPIRA, evento esportivo realizado no Bairro S. Sebastião, que homenageia um falecido desportista amante do futebol, morador do Alto Fogoso.

Foram 20 anos de altas e baixas, em razão de períodos políticos eleitoreiros, quando se tem maior ou menor participação de pré-candidatos como patrocinadores do evento, que é beneficente já que são distribuídos, por sorteio, muitos brindes doados pelos mesmos, às mamães presentes no Alternativo Bar. A festa foi animada pela Banda Forró Suado que botou todo mundo pra dançar nos ritmos atualizados.

Os organizadores do Bahia Futebol Clube anunciaram o encerramento do ciclo da Copa Jupira e lançaram a Copa SACI de Futebol, a ser realizada nos mesmo moldes da Copa Jupira, ou seja no segundo domingo de maio, Dia das Mães, durante 20 próximos anos, se Deus permitir.

Esta edição teve como vencedor o time do Cruzeiro das 7 Casas e vice-campeão o recém criado time do Sr. Antonio Bandeira, que gentilmente cedeu o seu campinho de futebol para a realização do torneio, que teve como destaque o goleiro Manoel da Foforica, defendendo até pênalti.

Ao campeão foi entregue um lindo troféu doado pela Secretaria Municipal de Esportes além de 01 cx. de cerveja doada pelo Raimundinho do Bar; ao vice-campeão foi entregue outro bonito troféu, doado pelos organizadores.

Parabéns a todos.

Por Flávio Almeida

Cordino e 4 de Julho empatam no Leandrão e maranhense segue vice-líder na Série D

A fiel torcida do Cordino  compareceu ao Leandrão onte à tarde com vontade de ver repetida a boa atuação do time no Piauí contra o mesmo 4 de julho. Ouça o placar, inicialmente,   apontados pelos torcedores Pedro Silva e Francisco Andrade

“Uns dois a zero…DE NOVO? De novo”, Pedro Silva

 “Três pra frente, no mínimo, porque  nós estamos jogando em casa e nosso time tem vários jogadores e destaque como Ulisses”, completou Francisco Andrade.

Como o jogo só começou mesmo  às 4 da tarde, os times tiveram tempo pra fazer pelo menos  45 minutos de aquecimento.

Há de se considerar que Começar já com bom ritmo de jogo é importante principalmente quando o resultado final requer isso. O 4  DE JULHO  havia perdido  partida anterior, em casa,  por dois a zero, lá no Piauí, com gols de Ulisses. Ontem os dois times começaram  com a mesma pontuação ( 4 pontos) e com um objetivo em comum, passar para a próxima fase do campeonato.

Começaram bem aquecidos sim, mas de nada adiantou.

No primeiro tempo, a única chance real de gol foi aos 14 minutos, numa cabeçada de CRIS, do Cordino, mandando bola na trave do adversário – mas ele já estava impedido.

No segundo tempo, só Ulisses levantou a torcida com duas cabeçadas perigosas, numa delas Jonatan, zagueiro do Cordino,  acabou pisando na mão do goleiro Tom, do 4 de Julho.

Jogo parado, ambulância em campo até que o goleiro, ainda machucado,  resolveu seguir na partida que só no último lance Cleitinho, que entrou no segundo tempo conseguiu fazer Pablo, goleiro do Cordino,  trabalhar, sem muito esforço.

QUÊ  que aconteceu Cleitinho?

 “A gente combinou ali a jogada, eu chutei só que o goleiro tava esperto”, respondeu o atacante do time de Piriripiri-PI.

Com o zero a zero os dois times foram a 5 pontos, mas só o Cordino é vice-líder do grupo 4 da Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol.  Nas avaliações finais, Junior Negrão, o valente camisa 5 do Cordino, disse que faltou aproveitar as oportunidades.

“A gente faltou mais aproveitar a chance ali, jogo truncado aonde você aproveitasse a única chance do jogo, venceria o jogo, então a gente deixou a desejar um pouco na frente”, frisou

O próximo jogo será também no Leandrão, no próximo domingo,  contra o INTERPORTO. O técnico Marlon Cutrim prometeu buscar os 3 pontos da partida seguinte.

 “E um campo da dimensão reduzida como é o Barra do Corda a gente não pode tá errando esses passes e com certeza nós saímos devendo hoje pra nossa torcida, agora é trabalhar no jogo de domingo contra o Interporto pra poder buscar esses três pontos aí”, disse Marlon

MATÉRIA PARA RÁDIO

ESPORTE – Campeonato da LIFAC reúne 22 equipes e segue revelando novos talentos

O jornalista esportivo Hélcio Costa esteve com o Galiléia, organizador há mais de 15 anos do Campeonato da Liga Codoense de Futebol Amador – LIFAC.

A competição este ano começou dia 28 de abril, no campo do Tiro de Guerra. Jogaram na abertura o 11 Velozes (antigo Palmeiras, do São Francisco) contra o Cruzeiro do Raimundão que venceu por 3 a 1 (Velozes perdeu na abertura).

O Campeonato movimenta nada menos que 22 equipes de bairro e já chegou a ter mais competidores.

“Nós temos realizando esta competição de bairro com a participação de muitas equipes, graças a Deus. Nós já chegamos a realizar esta competição até com a participação de 32 equipes, anos atrás. Hoje nós estamos realizando ela, demos o pontapé inicial dia 28 no campo do Tiro de Guerra, com a participação de 22 equipes de bairros”

O cronista esportivo destacou na entrevista que esta competição amadora já projetou vários jogadores codoenses que atualmente estão até no exterior.

Jackson (fez gol pelo Cruzeiro) e Pimentel (pelo time do Mutirão), que estão de volta à competição, são ótimos exemplos de resultados positivos do Campeonato da LIFAC.

“Já participaram grandes atletas que já saíram, até como você já falou, pro futebol nacional  como Marcos Pimentel, Célio Codó, Jonatan, Rodrigo, Quintanilha que também está fora do país hoje, então esta competição é uma base, base da garotada nova que tá chegando, participando”

A competição acontecerá durante 4 meses no Campo do Vasco, campo do Fabril, Tiro de Guerra e no campo do Parque Eldorado.

OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA

AÇÃO E AVENTURA:Dia 13 de maio Codó sediará a primeira TRILHA LOBOS DO MATO

Dia 13 de maio acontecerá um grande evento esportivo para os amantes das trilhas feitas e motocicletas.  Será o primeiro TRILHA LOBOS DO MATO DE CODÓ.

O evento vai reunir trilheiros de várias partes do MARANHÃO. A concentração está prevista para a Av. Santos Dumont, próximo a FC MOTOS, a partir das 8h da manhã.

Contatos (99)99902-3654 (WhatsApp) falar com Bruno

Realizado primeiro campeonato intermunicipal de Basquete em Codó

Foi realizado ontem, 1º de maio, dia do Trabalhador,  em Codó, o primeiro campeonato intermunicipal de basquete que teve a organização do professor Elder.

Jogos na quadra nova do Vereda “Dinaná”

O repórter esportivo Hélcio Costa esteve presente no evento e conversou com o organizador que destacou a relevância do evento e falou também da presença de atletas que estão no Campeonato Maranhense de Basquete.

“A competição reuniu atletas de Miranda do Norte, Bacabal, Caxias e Codó. “Hoje, segundo o nosso cálculo temos aqui hoje 50 atletas com premiação de R$ 200,00 pro campeão (…) com certeza, alto nível. Nós temos atletas aqui do campeonato maranhense jogando aqui com a gente hoje, é um prestígio pra gente pela primeira vez aqui em Codó”, disse professor Elder.

 

MARCOS PIMENTEL: Escolinha do professor Arizinho completa 28 anos de fundação

A escolinha MARCOS PIMENTEL, comandada arduamente por professor ARIZINHO, completou no último sábado, 21 de abril de 2018, nada menos que 28 anos de existência. O blogdoacelio o entrevistou sobre estas quase 3 décadas de fundação, atualmente ele está com a 17ª turma de alunos de futebol em atividade.

Lembrou de quando, na década de 1990, descia do Vereda para o campo do Tiro de Guerra com três bolas velhas e rasgadas para iniciar suas atividades futebolísticas e sociais.

“Isso aqui a gente tem um planejamento social, isso aqui não é só ensinar o menino a jogar bola não porque ninguém ensina ninguém a jogar bola, não, a gente ensina aperfeiçoamento do futebol, entendeu?. E a gente está aqui nessa rocha, nessa peleja. Tava comentando com eles aqui,  Acélio, que eu morava aqui no Vereda, em 1990, quando eu descia com a bola, três bolas dentro de um saco de estopa, na época, em 90, o pessoal dizia assim – Arizinho, rapaz, olha os cachorros na tua bola, porque as bolas eram tão horríveis que as vezes dava até o faro pro cachorro”, recordou

Na entrevista ele citou diversos nomes que conseguiu colocar no mundo do futebol.

“Temos aqui o Pimentel que ainda hoje joga bola, que, realmente, nós fizemos homenagem a ele botamos o nome da escolinha em homenagem a família e a ele, nós temos o Pedro que esteve 4 anos no VASCO hoje encontra-se aqui porque tem família, mas, provavelmente, vai estar lá em Salvador (BA), temos o Daniel que tava na Turquia, tá aqui, tá sendo  avaliado pelos empresários, o contrato dele termina agora em dezembro talvez ele assine com o América Mineiro ou o Atlético do Paraná”, citou

A Escolinha, que funciona sem a ajuda do Poder Público, conta apenas com a colaboração dos pais pra sobreviver.

“Aqui as mães pagam a inscrição já com direito ao kit, calção e camisa, de R$ 150,00 e fica mensal R$ 20. Aqui, se quiser me encontrar eu tô de terça a quinta-feira pela manhã aqui e a tarde eu  tô dentro do quartel do Tiro de Guerra, nós estamos  treinando num campo lá, terça, quinta e sábado”, esclareceu

Professor Arizinho ainda tem sonhos grandes para a Escolinha Marcos Pimentel e também espera um dia contar com o auxílio de empresários e de homens da vida pública do município.

“Que os políticos olhem com bons olhos porque essas crianças isso não é um sonho meu, seu, que o Diabo não deixe frustrar o sonho dessas crianças”, pediu

OUÇA VERSÃO DESTA REPORTAGEM PARA RÁDIO