Category Archives: Geral

Por Jacinto Júnior – A TORRE DE BABEL

Professor Jacinto Junior – um pensador contemporâneo

O Livro dos livros narra em Gêneses 11:1-9, o episódio da Torre de Babel. Resumindo esse fato: os homens descendentes de Noé, após o Dilúvio, retiraram-se para o Oriente, junto às planícies de Sinar onde fizeram morada. De repente, tiveram a ideia de construir uma cidade e, paralelamente, edificar uma torre que chegasse ao céu e, desse modo, tornar-se-iam ‘célebre’ seus feitos e permaneceriam juntos. Contudo, desceu o SENHOR para olhar a cidade e a torre erguida pelos homens. O SENHOR não gostou dessa engenhosa ideia e tomou a decisão de estabelecer a confusão entre os homens, a partir dai, surgiram as diferentes línguas entre eles e, em seguida, o SENHOR os dispersou por toda a terra. Nenhum homem pode contrariar os planos de Deus.

A TORRE DE BABEL E A IDEIA DA UNIDADE POLÍTICA

Ao frisar a passagem das Escrituras Sagradas, o fiz com o propósito de estabelecer um comparativo entre os diversos setores sociais e políticos de nossa cidade que, de certa forma, já se articulam na perspectiva de disputarem o Paço Municipal em 2020.

Temos, de um lado, a facção comandada pelo imperador – e seu pupilo, tutelado – que empreende uma nova fase política para tentar inverter a rejeição tão ampla da gestão “Mais avanço, mais conquistas”; e, de outro, a oposição que concentra um relativo número de lideranças com a mesma posição da situação: conquistar o poder político. Ora, dentre esses lideres podemos citar: Pedro Belo (PCdoB), Chiquinho do SAAE (PSDB), Zé Francisco (PT), Prof. Rafael Sousa (PSOL), além de outras personalidades políticas como Ricardo Archer e Biné Figueiredo (PSL) ambos podem contribuir e fortalecer a oposição, sem, contudo, serem candidatos.

A atual conjuntura política local revela a instabilidade da gestão “Mais avanço, mais conquistas” no campo essencialmente político, pois, a ruptura deflagrada pelos ‘infieis mosqueteiros’ comprometera sua base e seu domínio completo sobre o patético Parlamento Municipal. Isso, de certa forma, propicia uma nova realidade sobre aquilo que se convencionou chamar de unidade política como eixo fundamental para consolidar uma facção/tendência política no total controle das articulações e, desse modo, garantir a vitória com a ampla maioria dos diversos setores e atores políticos numa aliança estratégica. Nesse processo, é temerária a permanência dos “infiéis mosqueteiros” na situação, devido às circunstâncias obtusas e obscuras que se manifestarem fazendo-os redefinirem seu posicionamento (é um fato incontestável, pois, nenhum dos “infiéis mosqueteiros” é movido por um ideal, uma utopia e/ou uma fértil ideologia radical e transformadora) político. Mas, a questão central não se resume à presença dos “infiéis mosqueteiros” numa provável aliança no campo opositor e, sim, a unidade entre esses líderes que hoje despontam como alternativas no futuro, a saber: Pedro Belo (PCdoB), Chiquinho do SAAE (PSDB) e Zé Francisco (PT), Rafael Sousa (PSOL). Esse quarteto sem dúvida, sendo composto numa só fileira, será capaz de destronar a atual facção política que detém o poder político local.

A UNIDADE POLÍTICA DA OPOSIÇÃO É FUNDAMENTAL PARA IMPLODIR A GESTÃO “MAIS AVANÇO, MAIS CONQUISTAS” EM 2020

Sem nenhum floreio e de forma didática: ou, a oposição se une, ou, então, o estado atual de coisas permanecerá. Esse fato não é puro silogismo, nem mesmo brincadeira, é uma realidade concreta e que precisa ser ponderada com maior responsabilidade por aqueles que se proclamam corresponsáveis pelo futuro de nossa cidade, pela reconstrução da democracia e pelo respeito às liberdades coletivas e individuais, e pela cultura da transparência da res pública.

Codó não pode sofrer um novo revés político. Seria um retrocesso irrecuperável. A realidade que nos circunda é uma prova cabal da ineficácia desse governo ultraliberal, antipopular, autoritário e antidemocrático.

As forças opositoras precisam condensar suas energias numa única candidatura. E esta seja consensual, limpa, e que, de fato, consiga agregar/arregimentar os diversos setores sociais/populares de forma abrasadora/encantadora. Fomentar a esperança numa nova modalidade de governança é tudo que a oposição deve lutar para restabelecer a credibilidade política tão exaustivamente depreciada na atual conjuntura.

O futuro só pode ser generoso para com o povo e a cidade quando, de fato, o governante o seja. Entretanto, ao inverso, o povo e a cidade padecerão por décadas pelo flagelo humano mistificado na política como agente político. Renegar esse tipo de agente político deve ser a pedra angular para a sociedade perceber o quanto é valiosa, e o quanto é capaz de proporcionar algo singular e inteiramente revolucionário (novo).

A experiência histórica – de ontem e de hoje – demonstra que a força econômica não é sinônimo de desenvolvimento, de liberdade e de igualdade; ao contrário, é a própria essência encarnada do descaso com o que é público, total desprezo pelo individuo, e completa ambição pela personificação de si mesma. Codó carece de um novo líder. Líder esse com característica humana, sensível, democrático e libertário.

Portanto, a evidência de uma ruptura total com esse governo ultraliberal, antidemocrático, autoritário e antipopular se manifestará na unidade política das forças/tendências políticas de oposição para consolidar o ‘bloco/cimento’ para demolir a base da gestão “Mais avanço, mais conquistas”.

A oposição carece tomar consciência de si mesma, enquanto elemento intrínseco do processo político constitutivo da mudança que a sociedade civil deseja realizar a curto e médio prazo.

Três pontos fundamentais que a oposição precisa para, efetivamente, romper os grilhões/amarras do retrocesso manifestado na gestão “Mais avanço, mais conquistas”:

  1. Ter um plano de governo estratégico e radical para resgatar a cidade;
  2. Conhecer a infraestrutura de nossa cidade;
  • Democratizar as relações de poder (introduzindo a participação popular e social acolhendo suas intervenções nas decisões de governo).

CUPONS – confira o nome dos ganhadores da 88ª extração do Codó Feliz

Confira os ganhadores da 88ª EXTRAÇÃO DO CODÓ FELIZ, realizada neste domingo, 20 de janeiro de 2019.

Confira também os ganhadores das 10 rodadas da sorte

Gestores eleitos para escolas de Codó tomarão posse nesta segunda-feira (21)

A Secretaria Municipal de Educação fará amanhã, 21, a solenidade de posse dos diretores de escolas recentemente eleitos.

O evento acontecerá às 19h, na escola Esteveam Ãngelo de Sousa.

Começa nesta segunda-feira (21) o mega festival de cama, mesa e banho do PARAÍBA

DE 21 a 26 de Janeiro o PARAÍBA promoverá MEGA FESTIVAL de cama, mesa e banho. Esta é a oportunidade de você aproveitar e comprar cama, mesa e banho com descontos imperdíveis e preços totalmente baixos, é pra liquidar todo o Estoque.

Pano de copa a partir de R$ 5,90. Toalha de banho a partir de R$ 12,50. Kit varal para cortina a partir de R$ 12,50. Tapetes para portas a partir de R$ 12,50.

Lençol e jogo de cama a partir de R$ 39,00. Travesseiros a partir de R$ 16,00.

Quebradeiras de Coco do Maranhão recebem R$ 3,7 milhões da CONAB

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) pagou cerca de R$ 3,7 milhões em subvenção a extrativistas de amêndoa babaçu do Maranhão, em 2018, por meio da Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio). O recurso beneficiou aproximadamente 2,5 mil quebradeiras de coco.

A partir dos pagamentos realizados, foram subvencionadas cerca de 2,5 mil toneladas de amêndoa de babaçu que foram comercializadas com valores abaixo do preço mínimo estabelecido pelo governo federal, assegurando renda às populações que utilizam recursos naturais como condição básica para sua produção cultural e sócio-econômica. Os conhecimentos são preservados e transmitidos pela tradição.

A PGPM-Bio oferece subvenção a mais de 17 produtos do extrativismo, garantindo preço mínimo aos participantes, quando comprovada a venda da produção por preço inferior ao mínimo fixado pelo governo federal. A política visa, ainda, a permanência do homem na floresta e o uso sustentável dos recursos naturais.

Mais informações para a imprensa:
Gerência de Imprensa

PREFEITURA 2020: Pedro Belo afirma que já é pré-candidato a prefeito de Codó

 

Entrevistado num encontro recente de quebradeiras de coco babaçu dos Estados do Maranhão, Piauí, Pará e Tocantins o ex-vereador Pedro Belo falou ao blogdoacelio sobre suas pretensões políticas futuras.

Ele está de olho na possibilidade de vir a ser prefeito de Codó e colocará este plano em execução novamente em 2020, conforme nos garantiu.

“Fui candidato na eleição passada, estou sim pleiteando uma candidatura a prefeito, sou pré-candidato para 2020 porque acredito muito que nós podemos mudar a realidade do município de Codó, dá condições pra esse povo sofrido da nossa cidade e dias melhores pra nosso município”

ASSISTA A ENTREVISTA

20 DE JANEIRO: Mestre Bita do Barão fala da importância de São Sebastião para os umbandistas

Entrevistado pelo radialista e apresentador Francklin Mastroianni, mestre Bita do barão de Guaré fala sobre a importância de SÃO Sebastião, santo padroeiro de Codó,  para a Umbanda.

Para os umbandistas, São Sebastião é o orixá Oxosse Caçador. Assista.

DPE/MA cria formulário para reforçar restrição a posse de armas por agressores de mulher

Tendo em vista o decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro na última terça-feira (15), que facilita a posse de armas de fogo em todo o território brasileiro, a Defensoria Pública estadual (DPE/MA) formulará um modelo de solicitação de medida protetiva que suspende a posse e o porte de armas para cidadãos que tenham histórico de violência doméstica.
O dispositivo reforçará o que consta na Lei Maria da Penha, Lei 11340/06, que versa sobre medidas protetivas de urgência, como a suspensão da posse ou restrição do porte de armas para os agressores. Conforme o Artigo 22, constatada a prática de violência doméstica e familiar contra a mulher, o juiz poderá aplicar, dentre outras sanções, a suspensão da posse ou restrição do porte de armas.
Apesar de prevista pela Lei Maria da Penha, o modelo de solicitação reforçará a observância da lei com o objetivo de garantir a integridade física e os direitos das mulheres, parcela significativa de assistidos da instituição. “Trabalhamos fortemente no combate à violência contra a mulher, tanto que contamos com um núcleo especializado para isso, além de uma equipe multidisciplinar para acompanhar a demanda que aumenta a cada dia”, frisou o defensor-geral do Estado, Alberto Pessoa Bastos.
Por Socorro Boaes
Assessoria de Comunicação

Técnicos da SEMA discutem queimadas no cerrado maranhense

No último dia 16 de janeiro, técnicos da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) se reuniram para avaliação do trabalho de análise da dinâmica espacial de queimadas no cerrado maranhense, mais especificamente a aplicada no Parque Estadual do Mirador. Estavam presentes os representantes do Laboratório de Geoprocessamento (LABGEO) e das superintendências de Biodiversidade e Áreas Protegidas e de Gestão Florestal.

A metodologia executada pelo LABGEO, por meio do sensoriamento remoto e verificação de imagens via satélite, visa à identificação,  monitoramento e controle dos principais focos de queimada dentro da Unidade de Conservação. De acordo com os técnicos, é possível identificar, através do sensorialmente remoto da vegetação, não apenas a localização da ocorrência de queimadas, mas a quantidade de área atingida.

O exame permite a definição de políticas públicas específicas para as regiões identificadas.

“Através deste trabalho, é possível obter a cartografia de áreas afetadas pelo evento bem como a mensuração destas, dentro da Unidade de Conservação. Este produto permite subsidiar a definição de estratégias de prevenção, controle e recuperação das mesmas”, explicou o responsável pelo LABGEO, Adauto Pestana.

Além disso, de acordo com o Secretário Adjunto de Desenvolvimento Sustentável da SEMA, Guilherme Braga, “o trabalho de conscientização ambiental da SEMA vem contribuindo para a redução do índice de queimadas. Houve uma diminuição substancial do número de incidentes, envolvendo queimadas no espaço ambientalmente protegido no ano de 2018”.

Por Paula Lima – Assessora de Comunicação da SEMA

Delegacia de Timbiras envia 11 motocicletas apreendidas para CIRETRAN de Codó

A repressão contra infrações de trânsito em Timbiras acontece com certa frequência e, de vez em quando, a Circunscrição Regional de Trânsito, sediada em Codó,  precisa fazer o recolhimento das motocicletas apreendidas para encaminha-las a leilão e, com isso,  aumentar o espaço no pátio da delegacia.

Na manhã desta sexta-feira, por exemplo, 11 motocicletas foram retiradas do local num caminhão e trazidas para Codó.

 “Motos são apreendidas, são recolhidas na cidade tanto pela Polícia Civil como pela Polícia Militar em operações, motos que os condutores não apresentam documentos, que não tem registro de furto ou de roubo, são apreensões administrativas feitas tanto pela polícia Militar quanto pela Polícia Civil, essas motos elas serão encaminhadas para a Ciretran em Codó”, disse Dr. Gilvan Lucas de Sousa, titular da delegacia de Timbiras

As que são apreendidas quando da realização de crimes como assaltos ou que são compradas ilegalmente não vai para o órgão regional de trânsito, esperam o trâmite judicial.

 “Existem motos que tem origem de roubo,  furtos, que essas motos nós  realizamos o trabalho de identificarmos os legítimos proprietários pra fazer a devolução, além de motos que estão com o chassi adulterado, raspado que essas motos também tem outra destinação”, explicou o delegado

Motos delegacia de Timbiras

Timbiras, conforme o delegado,  continua sendo uma cidade onde muitas motos roubadas noutros Estados como São Paulo e Piauí são compradas, embora a polícia tenha notado uma ligeira queda neste tipo de ocorrência.