Category Archives: Política

” Agora se eles não sabem administrar o problema não é meu”, diz prefeito sobre fábricas que fecharam em Codó

O prefeito de Codó discursou hoje pela manhã durante mais de 15 minutos e deu uma alfinetada em grandes empresários que atuam em Codó que tiveram que fechar as portas nos últimos anos.

Prefeito Nagib em discurso na manhã desta segunda-feira, 16

Citou diretamente Fábrica de Cimento, uma fábrica de gesso e uma fábrica de plástico. Nagib disse em alto e bom tom que “se eles não sabem administrar o problema não é meu“.

“Porque uma coisa a gente tá sofrendo, deputado Juscelino, a gente não pode ser culpado pelo problema do Brasil, eu não posso ser culpado porque uma fábrica de cimento fecha as portas, eu não posso ser culpado porque uma fábrica de plástico fechou as portas, eu não posso ser culpado porque uma fábrica de gesso fechou as portas, eu não posso ser culpado por isso. Se alguém tiver algo que possa me culpar é se a empresa FC Oliveira fechar as portas, que Deus me livre, que é a empresa da minha família. Agora se eles não sabem administrar o problema não é meu, nós tamo aqui é pra unir e buscar alternativas de geração de emprego e renda com a ajuda do povo de Codó”, disse

OUÇA O DISCURSO INTEIRO

“Honro meus compromissos assumidos, faltou lealdade e gratidão”, dispara Waldir Maranhão

O deputado federal Waldir Maranhão (PSDB) usou a tribuna em sessão plenária nesta quinta-feira (12), na Câmara dos Deputados para reafirmar seu compromisso com a população através do seu novo partido, o PSDB. Para o parlamentar maranhense, é nas adversidades que se conhece um bom combatente.
“Vivemos um tempo de luta, de mudanças e também de esperanças. É nas adversidades que conhecemos aqueles que combatem o bom combate. Me proponho a continuar trabalhando pelo meu querido estado, ao lado de homens e mulheres valorosos. Eu continuo no time daqueles que honram as calças que vestem e cumprem os compromissos assumidos”, frisou Waldir Maranhão.
O parlamentar federal fez ainda uma alusão à extinção dos dinossauros do nosso planeta, incluindo o Dinossauro Dino, dono de uma supremacia de poder, mas que foi extinguido da terra. “A teoria científica nos mostra que todos os dinossauros poderosos foram varridos do nosso planeta por um grande asteróide e, quem sabe, o “Dino” dos nossos dias atuais também não possa ser atingido acabando assim, com a sua supremacia de poder”, destacou o deputado.
Ao final do seu discurso, Waldir Maranhão lembrou das suas raízes no Bairro do Lira em São Luís e afirmou que não chegou na Câmara dos deputados de paraquedas, mas pela vontade do povo. “Gostaria de deixar claro que vim para o PSDB para somar forças para trabalhar pelo meu querido povo, uma causa maior na luta por um estado promissor. Não cheguei aqui de paraquedas,  mas com o apoio do povo maranhense. Faltou lealdade e gratidão do governador com o episódio em que fui contra o impeatchman. Com convicção afirmo, meu Maranhão não trairei jamais”, finalizou Waldir Maranhão.
Valtervi Passos – Ascom

Biné Figueiredo e vereadores fazem visita ao ex-presidente José Sarney

Os políticos codoenses pouco falam abertamente de seus encontros secretos. Com o advento das redes sociais o máximo de evolução que alcançaram quanto à isso foi publicar fotografias destes encontros.

Por meio delas fica apenas o especular.

A partir do retrato cada um faz sua analogia. É o que acontece com esta foto do ex-prefeito Biné Figueiredo, seu neto Rodrigo e mais três vereadores codoenses (Nonato, Pedro e Expedito) ao lado do ex-presidente José Sarney.

José Sarney, Biné e vereadores

Diante da falta de informações a respeito, deixarei que meus leitores façam o mesmo que eu – observe-a e tire suas próprias conclusões.

Prometo que quando entrevistar alguém dentre os fotografados noticiarei mais a respeito.

LULA tem até 5h da tarde desta sexta-feira para se apresentar à Polícia Federal ou será considerado FORAGIDO

O juiz federal Sérgio Moro determinou nesta quinta-feira (5) a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado em duas instâncias da Justiça no caso do triplex em Guarujá (SP).

Luiz Inacio Lula da Silva

A pena definida pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) é de 12 anos e 1 mês de prisão, com início em regime fechado.

Lula tem até as 17h desta sexta-feira (6) para se apresentar voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba, determinou Moro. O juiz vedou o uso de algemas “em qualquer hipótese”.

“Relativamente ao condenado e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, concedo-lhe, em atenção à dignidade do cargo que ocupou, a oportunidade de apresentar-se voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba até as 17:00 do dia 06/04/2018, quando deverá ser cumprido o mandado de prisão”.

Os detalhes da apresentação devem ser acordados pela defesa com o delegado da Polícia Federal Maurício Valeixo, também Superintendente da Polícia Federal no Paraná, ainda segundo Moro.

Uma sala foi reservada para Lula na Superintendência da Polícia Federal, diz o despacho.

“Esclareça-se que, em razão da dignidade do cargo ocupado, foi previamente preparada uma sala reservada, espécie de Sala de Estado Maior, na própria Superintência da Polícia Federal, para o início do cumprimento da pena, e na qual o ex-presidente ficará separado dos demais presos, sem qualquer risco para a integridade moral ou física”, diz Moro no despacho.

A defesa do ex-presidente tentou evitar a prisão com um habeas corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo para que a pena fosse cumprida somente após o trânsito em julgado. O recurso, porém, foi negado na quinta-feira (5), por 6 votos a 5, após 11 horas de votação dos ministros.

Decisão do TRF-4

Ao julgar o recurso de Lula contra a condenação imposta por Moro, juiz da Lava Jato na 1ª instância, o TRF-4 aumentou a pena e definiu que o ex-presidente poderia ser preso quando acabassem os recursos possíveis na 2ª instância judicial.

Os advogados de Lula ainda podem recorrer da sentença junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília. Ele nega todas as acusações e diz ser inocente.

O ex-presidente foi considerado culpado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro na acusação de ter recebido o imóvel no litoral paulista como propina dissimulada da OAS. Em troca, ele teria favorecido a empresa em contratos com a Petrobras.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), Lula recebeu da OAS R$ 2,2 milhões em vantagens indevidas, tirados de uma conta de propinas destinada ao Partido dos Trabalhadores (PT).

O MPF afirma que a propina foi paga na forma de reserva e reforma do triplex para Lula, cuja propriedade teria sido ocultada das autoridades. Um dos depoimentos que baseou a acusação do Ministério Público e a sentença de Moro é do ex-presidente da OAS Léo Pinheiro, também condenado no processo.

Candidatura

Confirmada a condenação e encerrados os recursos na segunda instância judicial, Lula fica inelegível pela Lei da Ficha Limpa.

Na esfera eleitoral, porém, a situação do ex-presidente será decidida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deverá analisar seu eventual registro de candidatura.

Os partidos têm até o dia 15 de agosto para protocolar candidaturas. Já o TSE tem até o dia 17 de setembro para aceitar ou rejeitar as candidaturas. O ex-presidente pode, ainda, fazer um pedido de liminar (decisão provisória) ao TSE ou a um tribunal superior que lhe permita disputar as eleições de 2018. A Lei da Ficha Limpa prevê a possibilidade de alguém continuar disputando um cargo público caso ainda existam recursos contra a condenação pendentes de decisão.

Ex-governador José Reinaldo filia-se ao PSDB

O ex-governador e deputado federal José Reinaldo Tavares assinou, na tarde desta quarta-feira, 04, a ficha de filiação ao PSDB. O ato aconteceu no gabinete do presidente estadual do partido no Maranhão, senador Roberto Rocha, em Brasília. Outra filiação, ocorrida na mesma ocasião, foi a de José Luís Lago, irmão do ex-governador Jackson Lago. 

As fichas assinadas por José Reinaldo e José Luís Lago foram abonadas pelo senador Tasso Jereissati (CE), e por Roberto Rocha, pré-candidato ao governo do Maranhão. Também participou do ato o ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, a presidente do PSDBMulher, Ieda Crusius, o deputado federal Rodrigo de Castro (PSDB-MG), o vice-líder da bancada na câmara, deputado federal Betinho Gomes (PSDB-PE), entre outros.

Madeira comentou de forma positiva as aquisições do partido, em especial, a de José Reinaldo: “A vinda dele ao partido foi uma unanimidade, dado o seu esforço e o seu trabalho”, afirmou.

Para Roberto Rocha a filiação de Zé Reinaldo fortalece o PSDB. “Não tenho dúvidas de que José Reinaldo soma com o nosso partido, para podermos, juntos construir o projeto de um país. Eu estive com o governador Geraldo Alckmin há uns quinze dias atrás, em São Paulo. Conversamos muito sobre o ex-governador José Reinaldo e esse momento que estamos vivendo aqui. Quero agradecer a oportunidade… ao Tasso (Tasso Gereissatti), que foi um facilitador para este momento, dadas as relações históricas com Zé Reinaldo. É nosso amigo e também foi um dos principais responsáveis pela minha volta ao PSDB”, declarou Rocha.

José Reinaldo se declarou disposto a compor uma frente de combate à pobreza no Maranhão: “Estou aqui para somar, colaborar como eu puder. O Maranhão é o estado mais pobre da federação, a menor renda per capita do Brasil. Conversei com o governador Alckmin sobre o discurso para essa região tão pobre, que tem que ser diferente, pois o nosso principal objetivo é o combate à pobreza”, disse.

Em discurso político Zito Rolim roga por continuidade de Flávio Dino

O ex-prefeito Zito Rolim discursou na reinauguração do Renê Bayma. Elogiou o governador Flávio Dino e abriu um parêntese político na sua fala pedindo pela continuidade do que classificou como ‘aquilo que está dando certo”.

“É por isso que  nós temos que estar muito atento porque não podemos perder aquilo que está dando certo para o nosso Estado”, disse

ASSISTA – Prefeito passa mal em reinauguração de escola estadual em Codó

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, passou mal a pouco na reinauguração da escola estadual René Bayma, no bairro São Francisco. Ele acompanhava os discursos, normalmente, mas quando chegou sua vez, o penúltimo, teve uma queda de pressão arterial.

“Eu vou encerrar minhas palavras porque eu acho que minha pressão baixou um pouco, mas dizer a vocês que tô feliz, muito feliz por este momento, tá”, disse despedindo-se em menos de dois minutos de fala

Depois disso sentou-se e foi observado pelo médico Cláudio Paz, pela esposa Agnes Oliveira e por vereadores que passaram a cercá-lo enquanto Felipe Camarão discursava. Depois o prefeito levantou-se para o descerramento da placa e seguiu para o povoado Fazenda São Francisco onde participa hoje ainda da inauguração da Escola Digna daquele lugarejo.

Com novo partido lhe querendo JANAÍNA garante que mostrará como se utiliza a política verdadeira em defesa do povo

A empresária Janaína de Sousa encarou com naturalidade o fato de Andreh Araújo ter sido declarado novo líder do PRTB em Codó. Na opinião dela isso é a dinâmica da política maranhense que não a desmotivará. Revelou que, desde seu primeiro contato com Márcio Coutinho,  não sentiu muita firmeza no representante estadual que chegou a ser fotografado ao seu lado quando das tratativas em  São Luís.

Janaína disse que vai entrar na política e mostrar como se defende a população

“Política é assim mesmo, dorme de um jeito, amanhece de outro”, sentenciou com bom humor

Fato é que a mudança repentina  no caso do PRTB  deixou Janaína de Sousa ainda mais ativa para o mundo político e a empresária afirmou que vai dedicar-se mais ainda. Garantiu que um novo partido já a convidou para que seja a líder em Codó.

Provavelmente já na próxima semana o novo partido, que ainda não quis revelar a sigla, será entregue ao seu comando de maneira oficial.

A empresária, que já desenvolve um trabalho social por meio do Instituto Mestre Bita do Barão,  deixou evidente que mostrará como se utiliza a verdadeira política para defender as pessoas mais carentes de Codó, ou seja, é possível que venha uma candidatura forte por aí.

Andreh Araújo vence Janaína do Bita e é o novo líder do PRTB em Codó

Andreh Araújo mostra documento de outorga de comando local

O apresentador do programa CODÓ LIVRE e também diretor-geral da TV Palmeira do Norte, Andreh Araújo, recebeu das mãos do presidente estadual do PRTB, Márcio Coutinho, o comando do partido em Codó.

Ventilou-se, inclusive aqui, que o PRTB iria para o comando local  da empresária Janaina  de Sousa, filha do umbandista mestre Bita do Barão,  que também esteve em São Luís com Coutinho como mostra fotografia abaixo.

Márcio Coutinho recebeu Janaína em São Luís

Enfim, venceu Andreh. Na legenda com a fotografia dele com Márcio Coutinho há uma explicação de suas intenções.

“Recebeu o PRTB com a finalidade de renovar a política com responsabilidade e tradição seguindo os passos de seu pai Antonio Joaquim, sendo assim participará da campanha deste ano com muita garra e determinação”, descreve o texto.

O acordo inclui o apoio à candidatura de Márcio Coutinho a deputado federal este ano.

 

 

 

Biné Figueiredo reunirá ‘seu povo’ para definir pré-candidatura a deputado estadual

Biné diz que vai reunir seu povo

O ex-prefeito Biné Figueiredo se empolgou depois de ter suas contas aprovadas por 4 vereadores na ausência dos 13 parlamentares que lhe são opositores por serem aliados de Francisco Nagib.

Na Eldorado AM, indagado pelo radialista Daniel SOUSA, participando do Coisas do Povo, de Lemos, Biné disse que está nos seus planos fazer sua tradicional reunião naquele velho campo de futebol dentro de sua mansão no bairro São Benedito.

É praxe do ex-prefeito reunir o que chama de ‘meu povo’ para anunciar suas pré-candidaturas.

“Eu não quero fazer uma reunião fechada, eu quero fazer com todos os meus amigos que fazem parte que moram lá no Nova Jerusalém São Francisco, Codó Novo, São Pedro, isso é sempre feito num campo que nós temos lá, a gente se reúne, duas mil pessoas pra discutir o destino de Codó, discutir o nosso destino”, afirmou respondendo à Daniel.

QUE DIA VAI SER?

Sobre quando fará isso, respondeu que vai esperar o fim do período de chuvas uma vez que não fez acordo com São Pedro.

“Eu não fiz acordo com São Pedro, eu não sei o dia que vai chover, então eu tenho que esperar começar o início do verão para que nós possamos ter o prazer e a satisfação de abraçar cada amigo nosso, as pessoas  que confiam na gente e que a gente confia nelas. Não é fácil a pessoa carregar nos ombros a confiança de 20.396 pessoas, é difícil, a gente tem que saber trilhar direito pra não decepcionar”

“NÃO PRECISO”

Finalizou com uma frase de efeito ao seu velho e bom estilo. Disse que não precisa de mandato de deputado para trabalhar pelo ‘povo’, mas se este mesmo povo assim decidir, ele estará pronto.

“Não preciso de um mandato de deputado para trabalhar pelo povo de Codó, mas se necessário for  o povo é quem decide”, concluiu