Category Archives: Timbiras

HGT – Campanha de doação de sangue em Timbiras foi um sucesso

A campanha de doação de sangue promovida pela direção do (HGT) Hospital Geral de Timbiras, foi um grande sucesso segundo afirmou os diretores Alex Rocha e Dr. Claudio Paz.

Dr. Cláudio e Alex Rocha

Dr. Cláudio e Alex Rocha

Segundo a direção essa campanha foi recorde de doação totalizando (49) triagem e (42) Bolsas de sangue coletadas durante todo o dia desta quinta-feira (17/11).

DOADORES

Raimundo Nonato Almeida dos Santos de 29 anos foi um dos doadores e disse em entrevista que foi a sua primeira vez, “Olha o recado que eu repasso a toda a população é que procurem doar sangue para salvar muitas vidas, essa é a primeira vez que eu estou doando e confesso que fiquei nervoso, uma sensação de tontura pela questão do nervosismo, mas o medo superar a vontade de doar e esta podendo contribuir para salvar vidas, concluiu Raimundo“.
Já para Maria da Piedade Aguiar e Arruda, essa também foi sua primeira vez, “Olha eu sempre tinha vontade de fazer isso e hoje foi minha primeira vez, olha é uma coisa inexplicável e não sei as pessoas que tenham costume de fazer isso, se tem ainda uma reação psicológica, mas eu fiquei muito feliz quando ele disse assim: pronto terminou; Dentro de mim só no pensamento eu disse assim meu Deus muito obrigada e dever comprida né, e eu sou muito grata por ter pessoalmente ter feito isso hoje por ter sido possível agente nunca sabe o momento que agente pode precisar, ano passado agente precisou pois estávamos com a mamãe em São Luis e foi muito bom as pessoas foram daqui de Timbiras para doar sangue para a nossa mãe, esse ano eu também fiz uma cirurgia e precisei e as bolsas vieram de Coroatá, pois assim é sempre bom agente saber que é sempre bom agente poder ajudar, não passa mal, não sente dor é só uma picadinha normal como se faz um exame de sangue de rotina, é claro que é um pouco mais demorado, mais complexo, mas…….. faz parte do processo e eu estou feliz e muito contente hoje e se tiver outra campanha daqui a três meses eu estarei pronta para doar novamente e se eu poder fazer estarei pronta, sangue é vida e nesse momento que agente se sente útil, então esse momento doar sangue é um momento onde você sente seu lado humano, eu estou muito feliz, pena que muitas pessoas ainda não se conscientizaram  do bem que é um momento desse fazer o bem a quem precisa”, enfatizou Maria Piedade.
Alex Rocha que está a frente da direção administrativa do HGT, falou que o mutirão da doação de sangue foi um sucesso este ano.
“Por nós do Hospital Geral de Timbiras, fizemos uma grande divulgação, fizemos uma grande parceria com o Hemonúcleo de Codó, onde inicio fez com que agente conseguisse o maior numero de bolsas de sangue dos mutirões feito aqui do Hospital Geral de Timbiras”.

Ribamar Oliveira e Pedro Belo visitaram Dr. Cláudio quando do evento

Ribamar Oliveira e Pedro Belo visitaram Dr. Cláudio quando do evento

SOBRE A META?

Com certeza, nas campanhas anteriores no hospital foram feitas duas campanhas no HGT, na primeira conseguiram (37) bolsas e na segunda (28) bolsas e nesta campanha de hoje foi recorde, atingindo (42) Bolsas coletadas.

No modo geral foi muito gratificante o número de doadores, agente conseguiu superar as expectativas, conseguimos bater a meta anterior, batemos o recorde pois foi uma campanha com muitos pontos positivos, agradecemos a todos os timbirenses que fizeram suas doações de sangue, agradecemos também aos profissionais do Hemanúcleo de Codó, ao nosso governador Flavio Dino por nos da estrutura para a realização dessa campanha de doação de sangue, então foi uma ótima experiência nós como estamos a frente da direção é uma grande conquista, então no modo geral foi fantástico e em breve se Deus quiser em fevereiro ou até mesmo antes do carnaval possamos bater um novo recorde, ressaltou Alex Rocha“.

Por Sílvio Ramon/blogdoSílvioramon

Alex Rocha reforça campanha de doação de sangue do HGT

O empresário Alex Rocha participou hoje, 16, do programa Cidade Notícia, da FCFM, apresentado pelo jornalista Alberto Barros, para reforçar o pedido de colaboração dos timbirenses na campanha de doação de sangue que será realizada amanhã, 17, pelo Hospital Geral de Timbiras.Alex Rocha 04

Alex falou sobre quem pode doar e conscientizou à todos sobre a importância deste ato uma vez que o HGT necessita destas doações porque faz em média 500 cirurgias mês. A campanha começará às 8h da manhã e só se encerrará às 17h.

TIMBIRAS – Bebeto Coêlho fala sobre novos tempos na Paulo Freire

O vice-diretor da Escola Paulo Freire, de Timbiras, Bebeto Coelho (Luís Alberto Coelho Silva), concedeu entrevista ao blogdoacelio elogiando a criação do Grêmio Estudantil.

Bebeto Coêlho

Bebeto Coêlho

Lembrou de seu tempo de estudante, quando valorizava os famosos Diretórios Acadêmicos, e falou da importância da participação dos grêmios nas escolas.

“Além de dá uma formação pra o aluno, uma formação política, o grêmio ele atua muito, é muito importante a atuação dela dentro da escola porque a escola não é feito apenas do diretor e do professor, ela tem que ser feita por todos os segmentos”, assentuou

Bebeto também falou sobre o ano difícil pelo qual passou a Paulo Freire que teve que enfrentar uma demorada reforma. Neste período, os alunos tiveram que estudar em locais emprestados.

“Foi um ano ruim porque nós tivemos que sair, ocupar outros prédios, queremos até agradecer às pessoas que nos alojaram, mas, de certa forma, a reforma foi muito boa. Encerrou, a gente já está com a nossa escola funcionando bem e eu acho que daqui pra frente a gente vai poder desenvolver bem as nossas atividades”

OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA

Por Flávio Almeida Pereira – VIOLÊNCIA EM TIMBIRAS

O medo da PM em Timbiras já não intimida os assaltantes, já que os rigores da lei nunca lhes foram suficientes para inibir suas ações criminosas. Para você ter ideia de como anda o ritmo de impunidade, já tem assaltante que após o crime, passado a hora do flagrante, vai com a cara mais “lambida” do mundo, se apresentar na Delegacia, sem advogado, prestar depoimento e em seguida voltar para as ruas como se nada o pudesse atingir. Ou seja, os bandidos já tem plena compreensão de como funciona as leis, que neste sentido são extremamente falhas e acabam colaborando com a instabilidade social e com a criminalidade. O fato é que nos últimos tempos nunca se registrou tanto assalto em Timbiras, em plena luz do dia e no centro da cidade, como agora.

O que fazer então, além de rezar para não ser uma das vítimas? A resposta imediatista seria aumentar o efetivo militar e intensificar as rondas na cidade.  Isso, de certa forma, iria deixar os marginais afastados temporariamente e devolver aos cidadãos a sensação de segurança? Não.

A resposta definitiva não deve ser pensada no curto prazo. Trata-se de um processo complexo e demorado, que requer discussão, análises e empenho constante de toda a sociedade, em especial das autoridades. Trata-se se construir uma nova lógica social.

Não estamos aqui querendo espetacularizar a criminalidade,  apresentar as soluções num produto acabado,  e nem fazer negativas dos sistemas que compõe a política de segurança pública do Estado.

Entendemos que, ao contrário do que muitos pensam, a segurança pública não se resume a estes mecanismos precários – aliás, isto é uma imagem que precisa ser combatida, pois tende a retirar a responsabilidade das demais instituições, inclusive da família. A questão é que, em tempo algum, a sociedade, e muito menos o estado brasileiro, conseguiu emplacar efetivamente uma decente e saudável política de segurança pública, capaz de dar traquilidade aos seus cidadãos.

A lógica sempre foi punitiva! E a história tem mostrado que esta ideia não tem atendido às necessidades. As audiências públicas, das quais já participamos,  sobre esta temática, nunca tocaram realmente na ferida. As vezes mais parece uma reunião de compadres, comadres e afilhados.

É preciso se falar em construção da segurança pública superando o discurso de aplicação de medidas paliativas, como a mera construção de penitenciárias, mais policiais, leis mais rigorosas, redução da maioridade penal e até mesmo o discurso de incitação à vingança que diz  ” bandido bom é bandido morto”.

Estas temáticas abordadas superficialmente pela sociedade de nada servirá se não houver, funcionando devidamente,  o sistema de  saúde, de educação, de desenvolvimento social, de infraestrutura, de geração de renda, uma política econômica mais humana.

A criminalidade não reduzirá se a dignidade das pessoas se não for pensada a partir de uma política de geração de emprego e renda, de esporte e lazer para crianças e juventudes. A política de segurança pública também deve ser pensada a partir do combate à corrupção dos políticos.

Enquanto estes assuntos não forem tratados como devem,  com o devido comprometimento de toda a sociedade, jamais os índices de criminalidade reduzirão, ao contrário, possuem uma forte tendência de aumentar.

Fica a reflexão para os novos governantes eleitos que prometeram mundos e fundos na última campanha eleitoral.

Estamos aí para colaborar.

Por Flávio Almeida Pereira

Hospital de Timbiras receberá doação de sangue dia 17 de novembro

Ajude a salvar vidas. Dia 17 de novembro, DAS 8H ÁS 17H,  você poderá fazer um grande gesto de respeito ao seu semelhante participando da campanha de doação de sangue promovida pelo HOSPITAL GERAL DE TIMBIRAS.

CONSELHO Tutelar de Timbiras está abandonado

Conselho Tutelar de Timbiras

Conselho Tutelar de Timbiras

Imagens gravadas em um  celular  num dia de chuva mostram o prédio anterior do Conselho Tutelar de Timbiras sendo alagado. Havia goteira pra todo lado, ficou impossível continuar no local. Foi então que, em janeiro de 2016,  a prefeitura alugou o  prédio atual na avenida de entrada da cidade. Só seriam seis meses para a reforma, mas até hoje, ela não aconteceu.

O espaço  do prédio atual é muito bom, amplo, mas é só isso que tem de bom. Não tem telefone, não tem internet e até usar o único computador que há para cinco conselheiros ficou mais difícil. É que ele está com defeitos, a impressora pifou.

O conselheiro que cuida dos documentos oficiais, Marcos Frazão,  disse que há muito tempo não dá mais nem pra fazer ofício, muito menos encaminhar representações para órgãos como o Ministério Público, por exemplo, denunciando casos.

“Precisamos de mais computadores pois somos 5 conselheiros titulares, precisamos de impressoras pra tá comunicando aos órgãos, oficialmente, precisamos também de veículos né, porque só um não supre toda a demanda do conselho tutelar”, afirmou

SEM COMBUSTÍVEL

Depois de 2 de outubro o combustível para o carro do Conselho foi cortado. Para atender as denúncias mais graves, os conselheiros estão abastecendo a motocicleta que restou. Nem sempre dá pra tirar do próprio bolso para poder trabalhar, destaca este conselheiro. Quando isso ocorre, a criança fica sem atendimento, segundo Manoel Cristino Pereira Neto.

 “Deixar de atender uma criança, um adolescente, isso é muito grave porque o momento em que a gente fica sem poder fazer a visita, saber o que tá acontecendo com aquela criança, adolescente, isso é um crime, isso fere o estatuto da criança e do adolescente”, destacou

Marcos e Cristino sofrem sem poder desenvolver o trabalho que o ECA determina

Marcos e Cristino sofrem sem poder desenvolver o trabalho que o ECA determina

A Prefeitura,  que por  lei tem o dever de manter o Conselho funcionando,  é sabedora do problema, mas até hoje, garantem os conselheiros, o prefeito Fabrízio Araújo,  nunca manifestou-se para resolvê-lo.

 “Nós temos que ter tanto a moto como o carro e ele não apresentou até o presente momento uma solução…NADA? nada, nada (…) estamos paralisados, estamos aqui no prédio mas sem poder fazer nada”, lamentou Cristino

Marcos Frazão concluiu.

 “Em virtude dessa transição de governo eu creio, sem medo de errar, que a palavra hoje entre a Prefeitura Municipal e o Conselho Tutelar se chama DESCASO”, disse com pesar

Relatório de violência mostra que ser criança em Timbiras é um risco

Apesar de depender de um Conselho Tutelar abandonado pelo Poder Público, crianças e adolescentes de Timbiras veem sofrendo violação  de seus direitos. É o que mostra o primeiro relatório semestral de 2016.

Entre os destaques citamos os casos de:

NEGLIGÊNCIA – 32

MAUS-TRATOS – 18

AGRESSÃO FÍSICA – 13

PEDOFILIA – 03

EXPLORAÇÃO SEXUAL – 03

Levantamento do Conselho Tutelar de Timbiras

Levantamento do Conselho Tutelar de Timbiras

Estelionato contra idosos em Timbiras

A última vítima do golpe aplicado na cidade de Timbiras foi o aposentado Luís Pereira dos Santos,  e foi José Francisco de Sousa Filho, segundo a polícia, quem lhe ofereceu ajuda para sacar a aposentadoria dele no caixa eletrônico do banco do Bradesco.

De posse da senha e do cartão, Queixinho como é conhecido, fez um empréstimo de R$ 1.000,00 em nome do aposentado e transferiu o dinheiro, rapidamente, para uma outra conta.

Só não contava com a esperteza de Maria Lucilene dos Santos, filha de seu Luis, que desconfiou porque além de fazer um empréstimo não autorizado Queixinho sacou menos do que deveria do aposento.

“Porque  o meu pai, ele saca R$ 570,00 aí ele só sacou pra ele R$ 400 (…)Aí tirou o saldo e disse que só tinha R$ 8,00. Não, mas tá errado ele não só tira desse tanto, mas só tá esse daqui (…) Não mas vou esperar a moça chegar pra ela tirar o extrato pra mim, ela chegou Ela tirou o extrato e aí eu fui e levei pro delegado, aí ele disse – ele fez um empréstimo e transferiram para esta dona”, disse a filha da vítima

O delegado Zilmar Santana explicou em entrevista a TV Mirante  que quando os investigadores timbirenses foram atrás da história descobriram muito mais vítimas do mesmo golpe.

 “A gente já tem confirmação de pelo menos 4 vítimas nos últimos 30 dias que eles teriam feito transferência, subtraído valores das contas dessas pessoas”, afirmou a autoridade

A polícia não indiciará a dona da conta para onde  R$ 3.900,00 já tinham sido transferidos, entendeu que  ela também foi enganada.

José Francisco, o Queixinho,  já está à disposição da Justiça, mais dois homens ainda estão sendo procurados, um deles,  segundo o delegado, é o mentor do golpe.

 “Eles estão identificados, vão ser feitas diligências no sentido de qualificação e indiciamento, por completo deles, e responderão, além deste fato por formação de quadrilha, no caso crime de organização criminosa”, frisou Zilmar.

Veja o nome e a votação dos 11 vereadores eleitos em TIMBIRAS

Relação dos 11 vereadores eleitos na cidade de Timbiras. CONFIRA.

VEREADORES DE TIMBIRAS

VEREADORES DE TIMBIRAS

Conheça os vereadores eleitos hoje em Timbiras

Veja quais foram os candidatos a vereador mais votados em TIMBIRAS.

FONTE - TSE

FONTE – TSE