Category Archives: Timbiras

O MOTIVO: Escola com 496 alunos em Timbiras está sem aula em pleno mês de junho

Nós visitamos ontem, 22, a escola municipal Maria de Lourdes Coelho, em Timbiras, que tem 496 alunos, manhã e tarde, e está sem aula há 16 dias (hoje). Os pais dos alunos não estão satisfeitos com o motivo que é uma reforma. Nós ouvimos o diretor Solomar Maia que informou os motivos da obra em pleno mês de junho. Garantiu que na próxima terça-feira, 27, as aulas recomeçam.

O que foi perdido só será recompensado, de aulas, a partir de agosto e que haverá férias normalmente, começando a partir do dia 15 de julho, como já estava programado. VEJA.

PM de Timbiras prende ‘Alex Pirento’ fugitivo de Bacabal

Por volta das 20h, do domingo, 11, a PM de Timbiras abordou, em atitude suspeita, um homem que, no primeiro momento sem documentos, identificou-se apenas como RAIMUDINHO.

Alex Pirento é preso em Timbiras

Os militares SARGENTO R. Barbosa, Sargento Muniz e os soldados Bayma e Plínio, espalharam fotos do indivíduos para outros colegas de Bacabal, de onde Raimundinho disse ser.

A Polícia de Bacabal acabou reconhecendo o sujeito que, na verdade, se chama Raimundo Carvalho Lopes, que já responde por 3 crimes de roubo e por um porte ilegal de arma de fogo naquela cidade.

Contra ALEX PIRENTO, como é mais conhecido em Bacabal, havia um mandado de prisão em aberto.

Em sua defesa alegou apenas que estava em Timbiras para morar com uma tia dele, mas não disse o nome da parente, nem seu endereço.

 

CASTIGO – Todas as 47 escolas rurais de Timbiras continuam sem merenda

As 47 escolas da zona rural de Timbiras enfrentaram o problema de só começar as aulas no início de maio e, como se não bastasse o atraso, nunca  viram merenda.

Estivemos ontem, 8, pela manhã visitando escolas rurais. A primeira delas foi a de Boqueirão.

às 10h15min, da manhã, só havia um professor e uma zeladora na Amélia Thomé, limpando carteiras numa sala. Todos os alunos do turno já haviam sido mandados para casa.

Não tem merenda e ainda que tivesse não tinha ou não tem como servir – faltam pratos, copos, colheres – aqueles de plástico azul.

Estivemos nas casas ouvindo os pais, a reclamação é geral. Maria Santana Sales lamentou  a situação e falou de como o filho chega da escola todos os dias

 “chega dizendo que tá com fome…E A MÃE O QUE SENTE AO OUVIR ISSO? É muito ruim porque quando eu to em casa eles merenda, mas pro colégio não pode levar porque só pra ele comer e os outros ficar olhando”, sustentou a lavradora

O secretário de Educação de Timbiras, Professor Raimundo Nonato  Sousa da Silva, mostrando 3.500 novos kits de alumínio onde será servida a merenda que já foi comprada disse  que em algumas escolas era isso que estava faltando, noutras falta até  fogão e gás de cozinha.

Acha que resolverá ao problema mostrado na reportagem até o fim deste semestre. ASSISTA A ENTREVISTA

TSE – Zona e Cartório Eleitoral de Timbiras podem deixar de existir

O Tribunal Superior Eleitoral publicou na última terça-feira, 16, a regulamentação que trata sobre a extinção de zonas eleitorais no interior dos Estados, observando critérios gerais e demográficos.

A regulamentação poderá culminar com a extinção da 85ª Zona Eleitoral e o fechamento do Cartório Eleitoral de Timbiras. Com isso, os eleitores de nosso município passariam a pertencer a outra zona eleitoral.

A Justiça Eleitoral estima ter uma economia de mais de R$ 1 milhão por mês e cerca de R$ 13 milhões ao ano. Além da economia, as mudanças, aprovadas pelo Plenário da Corte, têm como objetivo aprimorar o trabalho e otimizar os recursos das zonas, com foco na qualidade do atendimento ao eleitor brasileiro.

Segundo o texto da resolução, zonas eleitorais com densidade demográfica entre 15 e 30 habitantes por quilômetro quadrado, deverão ter pelo menos 20.000 eleitores. O município de Timbiras tem atualmente 17.740 eleitores e densidade demográfica de 18,83 habitantes por quilômetro quadrado, situação que coloca a 85ª zona eleitoral como uma das possíveis candidatas a ser extinta.

Se confirmado o fechamento desse importante departamento da justiça eleitoral de Timbiras, fica declarada a volta ao passado e mais uma vez a dependência do município de Codó, situação já vivida pela população timbirense por muitos anos no passado.

Acesse aqui a íntegra da Resolução do TSE.

por Toussaint Frazão/Oitimba.com

Secretaria de Estado da Saúde garante em nota que Hospital Geral de Timbiras não vai fechar

NOTA​

 Quanto ao Hospital Geral de Timbiras, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que:

  1. O equipamento de saúde gerenciado pelo estado não será desativado;
  2. A unidade de saúde está funcionando regularmente; serviços de saúde permanecem disponíveis à população do município e da região;
  3. A Secretaria rechaça qualquer divulgação extraoficial no intuito de gerar temor à população e conta com o apoio dos maranhenses para evitar a propagação de informações infundadas;
  4. A gestão estadual tem trabalhado continuamente para fortalecer e ampliar o acesso à saúde, para proporcionar mais qualidade de vida a todos os maranhenses.

Secretário de Educação de Timbiras esclarece sobre falta de aula na zona rural

Nós estivemos ontem, 3, na região do polo de Socó, na zona rural de Timbiras, município onde a falta de aula atinge, desde o início do ano letivo em fevereiro,  todos os 1.177 alunos do campo.

Por onde passamos, todas as crianças e adolescentes estavam em casa e não na escola sede do polo, a Gracho Alvim (pronuncia-se GRACO). Mais de 10 comunidades enviam seus filhos para estudarem nesta escola que estava sendo limpa por zeladoras preparando-se para receber estudantes à tarde, como prometeu o diretor do polo.

Ao voltarmos para a cidade de Timbiras fomos até a Secretaria de Educação ouvir o secretário Raimundo Nonato Sousa da Silva. Ele disse que o atraso no início das aulas foi a forma como recebera a pasta que hoje comanda.

Só na zona rural, apenas 22 das 47 escolas são de alvenaria, o restante é de pau-a-pique, em sua maioria sedes de associação de moradores cedidas pelos lavradores. Todas precisaram de reforma.

Disse que no Polo de Flores e Socó, onde estivemos, as aulas começariam ontem, 3. Quanto aos dois polos restantes com sedes em Bacaba e Lagoa Grande só na semana que vem por causa da falta de carteiras, mais de 900 tiveram que ser compradas para suprir a demanda rural. ASSISTA À ENTREVISTA COMPLETA

Governo de Antonio Borba faz licitação pra transporte escolar R$ 1.113.444,00 MAIS CARA que a de Fabrízio em 2015

No governo de Fabrízio Araújo, que em nada mudou  a Educação de Timbiras, a contratação de uma empresa ESPECIALIZADA EM SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE  VEÍCULOS DESTINADOS, EXCLUSIVAMENTE, AO TRANSPORTE ESCOLAR, ano 2015, foi de R$ 1.637.172,00.

O Extrato de Licitação do atual governo deu uma subidinha neste valor.  Este ano a licitação foi de R$ 2.750.616,00 para a utilização de 16 Ônibus e 12 microônibus. Vamos esperar que não falte transporte este ano para os alunos timbirenses, uma vez que a diferença é de R$ 1.113.444,00 (A MAIS).

ÁUDIO: Lavrador de Timbiras denuncia que aulas na zona rural nunca começaram

Um ouvinte da rádio Eldorado AM, identificado como Lion (LÁION) denunciou no programa Coisas do Povo da última sexta-feira, 28 de abril, que até hoje os alunos do povoado SÃO JOSÉ, zona rural de Timbiras nunca iniciaram o ano letivo de 2017. Na entrevista pediu que o prefeito Antonio Borba olhe para os estudantes  e faça com que as aulas comecem no interior do município porque julho, mês das férias, já está chegando.

“Que o Dr. Antonio Borba continue fazendo esse trabalho pra iniciar logo as aulas porque nós já estamos já no final de…É HOJE É 28…no final do mês já, mês de abril…JÁ ERA, ABRIL JÁ FOI…já era nós já estamos é chegando as férias já de novo e os alunos é que tão perdendo aí a gente tá torcendo que dê tudo certo agora pra iniciar logo as aulas pro alunos”, disse

Onde o lavrador reside, São José, existem outros povoados que fazem divisa com Chapadinha e Codó. Ele mesmo reclama diretamente de falta de aula em um povoado que fica a cerca de 60 kms da sede do município de Timbiras.

“Pra lá a região é grande tem a BACABA, tem o Bacuri, tem as TAPERA, tem a Lagoa Grande, tem, são vários povoados são tudo pertinho e é beirando com o município de Chapadinha lá também, Arrodeio e Lagoa Preta, Lagoa Preta já é município de Codó também”, frisou

 

TIMBIRAS – Lagoa no meio da rua e erosão apavoram moradores do bairro Horta

Dois timbirenses enviaram à redação do blogdoacelio a situação perigosa que vivem os cidadãos que precisam passar pela ponte do riacho Santarém para chegar ao bairro Horta.

Existe uma lagoa no meio da rua, em frente à casa do ex-prefeito Robson Antonio. Além disso, uma erosão avança rapidamente contra a via pública tornando o local bem perigoso.

Um dos moradores escreveu cobrando providência da Secretaria de Infraestrutura do governo do médico Antonio Borba.

“Situação de imenso perigo na entrada do bairro Horta em Timbiras. Constante desmoronamento de terra. Tanto os moradores como a população que trafega diariamente solicita à Secretaria de Infraestrutura medidas urgentes e cabíveis para esta situação. Grato, morador do bairro Horta. O povo está trafegando pela calçada do médico Robson (ex-prefeito)”, escreveu o leitor do blog e denunciante

Fotos enviadas por moradores

ANIVERSÁRIO: Em tempos de crise econômica Prefeitura de Timbiras licitou R$ 149.500,00 só pra Palco e Som

De acordo com informações disponibilizadas no DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO, do dia 5 de abril de 2017, a Prefeitura de Timbiras, atualmente governada pelo médico Antonio Borba, licitou nada menos que R$ 149.500,00 para pagar estrutura de PALCO E SOM que esteve no aniversário da cidade comemorado na semana passada.

O extrato publicado do contrato  diz que a empresa vencedora deste certame foi A GARCIA PRODUÇÕES E EVENTOS, cujo empresário é Antonio José Garcia Pinheiro. Quanto deste valor (R$ 149.500,00) foi, realmente, pago pela estrutura o governo municipal ainda não se pronunciou.