FISCALIZAÇÃO: Vigilância Sanitária de Coroatá realiza operação Natal e Ano-novo

Pela segunda semana consecutiva fiscais da Vigilância Sanitária de Coroatá estão visitando mercearias e supermercados na chamada Operação Nata e Ano-novo.

O objetivo principal é fiscalizar produtos desta época nas prateleiras, mas eles acabam estendendo um pouco mais conforme nos explicou o fiscal sanitário Jorge Antonio Conceição Lopes.

 “Sempre a gente procura o máximo é olhar a validade dos produtos saber se tá mesmo em dia, em termos de limpeza e higiene, como vai colocar os produtos na prateleira em termos de organização pra separar o lado de limpeza com protudos, de alimentos, isso que a gente procura mais (…) agora no Natal sempre a gente procura mais é dá uma olhada mais na validade dos produtos tipo Panetone”, disse

Consumidores como a professora Eva Gomes  entendem que a presença da fiscalização no comércio traz segurança.

 “Com certeza, chegar num ambiente e ver tudo limpo, tudo dentro da validade certa é bem mais provável que seja sadio pra gente porque eu mesma já comprei alimento vencido, que não observei, quando cheguei em casa o alimento tava vencido…A VIGILÂNCIA PASSANDO PRIMEIRO? Com certeza não vai ter alimento vencido nas prateleiras”, afirmou a educadora.

A maioria dos empresários também considera relevante a fiscalização.

 “Rapaz é muito bom porque tem muita gente que vende as coisas já passadas aí olhando fica melhor, verificando fica melhor”, destacou o empresário supermercadista Aldo  Flôr

Esta fiscalização  só no bairro Trizidela já visitou mais de 35 estabelecimentos e deve se estender ao restante  da cidade de Coroatá.

O diretor da Vigilância Sanitária do município,Hálisson Wanderley, explicou que eles também buscam proteger a saúde pública com esta operação, por isso até mesmo pequenos comércios da periferia de Coroatá serão fiscalizados.

“Isso é uma operação que vai se estender tanto na Trizidela quanto no centro e nas periferias para que as pessoas, de forma geral, possam comprar um produto de qualidade, que esteja inspecionado pela Vigilância Sanitária”, garantiu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *