CALOTE nos JEM’s: Árbitros codoenses esperam pagamento do Estado desde julho

Um grupo de cerca de 10 ou mais árbitros codoenses estão sem receber pelo trabalho que fizeram para o Governo do Estado nos JEM’S 2018 na etapa regional realizada em Codó desde o mês de julho.

Quem trabalhou apitando futebol, por exemplo caso de seis deles tem por receber R$ 1.148,00 cada. De acordo com professor Aldemor Quintanilha a promessa era de que o pagamento estaria na conta até 30 dias depois do encerramento da regional, ficou só na promessa.

“O Estado nunca se manifestou, a gente não sabe pra quem reclamar, botaram uma pedra em cima, nunca ninguém recebeu. Dizem que os coordenadores receberam, mas faltam os anotadores, nós que corremos, suamos, demos o nosso espírito para beneficiar o esporte a gente tá aqui com necessidade, fizemos contas com isso, a gente é pobre, camarada, e nunca pagaram a gente”, reclamou

A Superintendência de Esportes, apesar de nada ter a ver com o pagamento segundos os árbitros, também não tem mostrado força junto ao Estado para resolver a dívida.

“Nem promessa e a gente tava esperando decisão da Secretaria daqui que não dá informação nenhuma pra gente e a gente esperando até hoje dentro dos quatro meses já”, reclamou árbitro Pachico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *