ENTENDA O MOTIVO: Prefeitura de Codó está repassando menos R$  82.146,45 para Câmara de Vereadores

Francisco Nagib

A Câmara Municipal de Codó está recebendo menos do que antes em relação ao repasse de ordem constitucional. Esta informação nos foi confirmada pelo próprio prefeito Francisco Nagib diante da polêmica que ronda o legislativo de onde saem rumores, ainda não confirmados por nossa reportagem,  até de atraso de salários dos servidores.

No caso de municípios que possuem população entre 100.000 e 300.000 habitantes a Prefeitura deve repassar para o Poder Legislativo 6% de sua  receita tributária e das transferências federais efetivamente realizadas no exercício anterior.

No caso específico de Codó isso representa atualmente exatamente uma repasse mensal de  R$ 361.937,67.

Este valor não está sendo repassado na sua totalidade por causa de uma dívida que a Câmara acabou fazendo junto à Prefeitura de Codó, da ordem de R$ 2 milhões,  assim explicada pelo gestor Francisco Nagib.

“Eu peguei parcelei à ele, durante esses dois anos 2019/2020, o valor de R$ 83 mil por mês. É o débito pra poder pagar os R$ 2 milhões de reais que a Câmara deve de INSS para a prefeitura porque quando a Câmara deve quem paga é a prefeitura e aí retira no FPM, esse dinheiro sai do FPM. Então daqui até 2020 tem o parcelamento de R$ 83 mil reais que é menos que 30% porque a Constituição só permite até 30% de redução, então eu descontei 25% aproximadamente”, disse o prefeito ao blogdoacelio.

INVIABILIZA A CÂMARA?

Na ponta da caneta o desconto é de R$  82.146,45. Resta para Expedito Carneiro administrar a Câmara exatos R$ 279.791,22. 

Na opinião do prefeito, dinheiro suficiente para manter a estrutura do legislativo codoense funcionando plenamente.

“Então ele tá com dinheiro suficiente para pagar os vereadores, para pagar os funcionários, para manter a Câmara, ele tem dinheiro pra manter a estrutura, nós não estamos inviabilizando a Câmara não, agora que ele tem que pagar os R$ 83 mil todo mês ele vai ter que pagar”, concluiu Francisco Nagib

 

9 Responses to ENTENDA O MOTIVO: Prefeitura de Codó está repassando menos R$  82.146,45 para Câmara de Vereadores

  1. Ana disse:

    Oi Expedito tem que pagar, se tu ainda tivesse comendo na mão de alguns tu não ia precisar pagar ela ia continuar pagando a conta da Câmara sem problema.

  2. Paula disse:

    Devia ter ficando sem essa Expedito… Ao invés de relatar o real motivo da diminuição do repasse, ocasionado por irresponsabilidade do sucessor presidente, culpa o prefeito, só por ser oposição. Cuidado Expedito, vc não tem Zito mais do seu lado.

  3. sandra disse:

    ninguém tira KKK agora o prefeito viu que não pode, devido a incapacidade de seus advogados auxiliados pelo borracho deu nisso.

  4. Jacinto Pereira Sousa Júnior disse:

    Caro Acélio, bom dia!
    Essa matéria é instigante. Veja que agora, o servidor do Parlamento Municipal terá seu INSS atualizado, isso implica afirmar que sua aposentadoria vai estar garantida com os repasses. Agora, como sou muito curioso – contudo, não me incluo naquele adágio popular que diz: “o gato morreu de curiosidade” – gostaria de lembrar a todos os funcionários que, a partir de agora, se dirijam ao Posto do INSS para solicitar/verificar se o seu repasse está sendo depositado pela Prefeitura. Ou seja, verificar mês a mês se, de fato, a Prefeitura estar realizando o respectivo valor correspondente ao déficit do INSS gerado pelo dirigente do Parlamento.
    Outro aspecto que está me intrigando:
    1. Essa dívida é relativa apenas aos 2 (dois) anos do mandato de Expedito Carneiro, ou, ela é acumulada? Ou seja, tem também débito de gestores anteriores a ele ou não? Se o for apenas os dois anos, a Receita da Câmara está bastante comprometida.
    Cabe, ao Sr. Presidente Expedito Carneiro controlar gastos supérfluos para equilibrar as finanças do Legislativo.
    Para finalizar, como cidadão e conhecido de Expedito Carneiro, sugiro que ele faça uma gestão transparente, apresentando os gastos e as respectivas notas fiscais, juntamente com os balancetes exigidos pela LRF para mostrar não apenas ao gestor, mas, sobretudo, à sociedade civil, que você é diferente. Faça isso e terá meu respeito e o da comunidade codoense. Não se meça pela régua de outrem, mas meça-se por atos que o abonem de forma irrepreensível sua conduta e caráter.
    Saudações democráticas!

    • eleitor atento disse:

      Caro JACINTO ,
      Se não me engano essa dívida é referente aos últimos 4 anos(leia-se chiquinho do Saae ).com relação a sua última frase, fico impressionado com o seu poder de falar e não fazer, “não se meçam pela régua de outrem,,mas meçam-se por atos que o abonem de forma irrepreensível sua conduta e caráter”. Nunca no Brasil e em codo enquanto vc foi secretário de educação isto aconteceu, tome tenência e respeite o povo de codo que não é burro !! O pior secretário de educação da história!!

      • Jacinto Pereira Sousa Júnior disse:

        Olá, ‘Cláudio’, ‘Marcos’,’eu sei’, e, agora, ‘eleitor atento’, bom dia!

        Eu sei quem tu és!
        Não adianta modificares o pseudônimo, pois, teu discurso é “batido” e é do conhecimento de todo mundo. Sabe qual é a tua fragilidade? Incapacidade intelectual – apesar de ser um “ávido leitor”, conforme se vê nos ilustrados comentários. Nem argumentar criticamente tu o sabes. Queres debater comigo? Repito: elabore um texto fazendo o contraponto para que eu possa avaliá-lo e replicar de forma cientifica e com base teórica. Faça isso, por gentileza!
        Já o desafiei a ser honesto como cidadão, contudo, continuas como um rato entranhado na sarjeta e nos porões da covardia.
        A indagação que dirigi ao nobre e respeitável blogueiro Acélio Trindade, foi com o intuito de esclarecer a verdade da dívida que a Câmara de Codó tem com o INSS. De fato, o valor hoje deduzido do repasse feito pelo Executivo para o Legislativo é bastante significativo, isto implica afirmar que esse ´debito não correspondia a apenas dois anos de mandato da atual gestor da Câmara.Por isso minha indagação!
        Agora, será que dá para parar de ser cínico e fingir que a nossa gestão foi ‘a pior da história’ e reconheça que a mesma foi a mais progressista de toda história da educação, basta olhar os números e nossas realizações. Lembro-me de um certo ‘filósofo’ que, na época, era meu assessor e na inauguração do Projeto Darcy Ribeiro – convenio com a UEMA – disse em seu discurso que o Prefeito Zito era o ‘Prefeito da Educação! Eu o rechacei, pois, entendia que não condizia com a realidade. Veja como são as coisas meu caro!Ontem esse ‘filósofo’ afirmava uma coisa e hoje se contradiz. Ele é um fenômeno nessa artimanha!
        Permita-me dizer-lhe uma coisa: meu mundo não é o seu, minha concepção de mundo também não o é e, lamentavelmente, tenho que afirmar que sois uma sombra, uma penumbra, sufocada pelo desejo de ser algo, mas não o é. Seu erro foi fazer a opção pelo servilismo, ao invés de se contrapor às injustiças com firmeza e audácia. Coitado… cresça e mostre sua exuberância intelectual.
        Cordiais saudações revolucionárias!

  5. Miguel disse:

    Sujo falando do Mal lavado.

  6. Lourdes Maria disse:

    se vc tirar os “agrados” que vc da para “coleguinhas” de grupo ai sim daria tranqüilamente
    #PiorPRESIDENTE

  7. felicidade disse:

    Se deixar de gastar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *