O que diz o diretor do SAAE sobre a faltade água no residencial São Pedro

São Mil casas no residencial São Pedro. Constatamos que o problema atinge pelo menos metade delas na parte mais alta do conjunto habitacional que pertence ao programa Minha Casa, Minha Vida.

Quem tem dado sorte tem recebido água fininha na  torneira a partir das 11h da noite, como é o caso de Jaciara Gomes da Silva na rua Copenhague.

 “Só chega à noite a partir das 11h…E VAI EMBORA…a partir das 6h da manhã e tem que acordar umas 4h pra poder pegar água…SE NÃO ACORDAR NA MADRUGADA? Não tem….O QUE VOCÊS ESPERAM POR PARTE DO SAAE? Ajeitar, resolver o problema a gente liga pra lá que tão ajeitando mas eu acho que num tá não porque 3 dias que não tem água aqui no residencial”, respondeu

Para a maioria a falta de água  tornou-se crítica na última sexta-feira, mas tem gente a mais tempo. Francisca da Costa, na rua América,  nos mostrou os litros vazios, não tem mais nada na caixa d’água dela.

“Difícil, né porque a gente paga uma água caro pra quando a gente precisa não tem água…A ÁGUA DA CAIXA ACABOU? Acabou, to com 5 dias sem água, cinco dias (…) eu vou já começar procurar água pra mim poder pelo menos cozinhar pra quando meu marido chegar ter comida pronta’, disse

AS CONTAS CHEGAM

Indiganada com a repetição do problema, dona Osmarina Lima da Silva nos mostra suas contas de água, pagas em dia. As constas não param de chegar.

“Com certeza…NÃO FALTA NÃO? Não, não falta de jeito nenhum…QUANTO A SENHORA PÁGA? Eu pago R$ 25,50…AGORA FALTANDO DESSE JEITO? É difícil…O QUE SERIA JUSTO? É não faltar  água, tem que ter água permanente”, sugeriu a aposentada

Maria Rosa Façanha,  moradora do residencial, diz que o SAAE, apesar de procurado, ainda não solucionou a deficiência no fornecimento de água.

“Não pode, né, a gente vai morrer desse jeito, precisa banhar, precisa cozinhar, a água é eficiente pra tudo, né…DESDE SEXTA-FEIRA?  Não tem água…O QUE O SAAE DIZ? Não, a gente ainda não viu a cara do SAAE por aqui não”, afirmou

O QUE DIZ O DIRETOR

Nós fizemos contato com o diretor do SAAE, Evimar Barbosa,  que assim pronunciou-se:

Os sistemas de Abastecimento de Água do Residencial Zito Rolim 2 (São Pedro) encontram-se apresentando redução de vazão devido ao início do período de estiagem enfrentado pelo nosso município  e os demais da região. Realizando vistorias técnicas no residencial, evidenciamos que as ruas localizadas nas maiores cotas altimétricas estão enfrentando um pequeno dasabastecimento, mas nossas equipes já estão realizando manutenções corretivas para sanar as demandas apresentadas. CASO SEJA NECESSÁRIA A SUBSTITUIÇÃO DOS CONJUNTOS MOTOR-BOMBA já está sendo providenciada a substituição”, escreveu Evimar Barbosa

4 Responses to O que diz o diretor do SAAE sobre a faltade água no residencial São Pedro

  1. dr. cascagrossa disse:

    Dizer é fácil, fazer são outros quinhentos. Como diz aquele personagem do Chico Anísio, Justo Veríssimo: “O povo que se exploda!”

  2. Creuza Maria da Silva. disse:

    Dr casca grossa esse termos que você usachoca qualquer cidadão de bem ,mandar as pessoas se explodirem que é isso.o povo de Codó está sofrendo agora se explodir e demais.pense antes de falar.espero que você respeite quem está sofrendo.talvez na sua casa tenha tudoooooo.

  3. Lina disse:

    Acelio isso não está acontecendo apenas no São Pedro, no da trizidela ta um absurdo. Só tem água de madrugada.
    Pra quem trabalha o dia todo é dificil, a noite é o tempo que tenho pra fazer as coisas de casa, mas como fazer se não tem um pingo d’agua?
    Fim de semana do mesmo jeito, tenho que lavar roupa na casa da minha mae em outro bairro. Cozinhar em casa nem pensar. to so dormindo em casa agora.
    Nos ajude!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *