Só 4% dos eleitos em outubro são negros

Levantamento do Congresso em Foco revela que apenas 77 dos 1.790 políticos eleitos em outubro se autodeclararam pretos, conforme designação utilizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no momento do registro da candidatura. O número representa apenas 4,3% de todos os eleitos para cargos nos poderes Executivo e Legislativo nas esferas estadual, distrital e nacional.

Eles somaram 10,7% das candidaturas (2.845) a todos os cargos disputados nestas eleições e foram eleitos senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Nenhum político autodeclarado preto foi eleito governador

Por lei, nesta terça-feira, dia 20 de novembro, é o Dia Nacional da Consciência Negra. A data foi escolhida em memória ao dia da morte do líder do movimento negro Zumbi dos Palmares. A lei foi sancionada em 2011 pela então presidente da República Dilma Rousseff (PT).

Na eleição de 2014, a primeira em que os candidatos foram obrigados a declarar sua cor, 3,1% dos eleitos disseram ser pretos. Apesar da discreta melhora de uma disputa para outra, os dados confirmam a sub-representação racial na política brasileira. De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua trimestral (Pnad Contínua) do 3º trimestre de 2018, também do IBGE, 8,8% dos brasileiros (18.339 pessoas) se autodeclaram pretos.

Rio de Janeiro é o estado com mais mulheres negras concorrendo em 2018

A análise comparativa entre a raça da população e a dos candidatos eleitos esbarra em imprecisões porque é definida com base na autodeclaração. O IBGE entende como população negra a soma das pessoas que se consideram pretas e pardas. Se considerado este entendimento, os negros somam 55,7% dos brasileiros, 46% das candidaturas e 27% dos eleitos.

Avanços?

De 2014 para 2018 houve aumento do número de deputados federais pardos e pretos. Há quatro anos eram 103 congressistas, no ano que vem serão 125. No Senado, em 2014 eram cinco pardos e nenhum preto. Em 2019 serão 11 pardos e 3 pretos.

10 25 50 100  resultados por página

Pesquisar

Raça Eleitos (%)
Brancos 72
Pardos 23
Pretos 4
Amarelos 0,0017
Indígenas 0,0005

Mostrando de 1 a 5 de 5 registros

AnteriorPróximo

Entre os deputados federais, apenas 10 das 27 unidades da federação têm congressistas negros. São eles: Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Roraima, Santa Catarina e São Paulo. Já estados como Rio Grande do Norte e Rio Grande do Sul têm apenas deputados brancos.

Brancos no Poder

Nas Assembleias Legislativas a presença dos negros é ainda menor. Nos três estados da região Sul (Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná), a porcentagem de políticos brancos é, respectivamente, de 98%; 97,5% e 89%. No Rio Grande do Sul, dos 55 eleitos deputado estadual, 54 são brancos.

Cinco unidades da federação não têm nenhum deputado estadual negro: Acre, Amazonas, Alagoas, Goiás, Sergipe.

Site Congresso em Foco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *