OAB Codó pede providências ao CNJ contra portaria que manda advogados tirarem cintos em COROATÁ

O presidente do Conselho Subseccional da OAB – Codó, Raimundo José Mendes de Sousa, encaminhou ao presidente da OAB no Maranhão, Thiago Roberto Moraes Diaz, Ofício nº 15/2018, tratando do que a imprensa vem chamando de ‘o caso do cinto’ no Fórum de Coroatá.

Neste Fórum há uma exigência da juíza Anelise Nogueira Reginato que todos os advogados tirem os cintos das calças para passarem por um detector de metal.

“Solicitar análise e tomada de providências cabíveis no tocante a necessidade de procedimento de controle administrativo disciplinar junto ao Conselho Nacional de Justiça – CNJ – contra portaria editada pela MM. Juíza e diretora do Fórum da Comarca de Coroatá – MA, Anelise Nogueira Reginato, em virtude da exigência da retirada do ‘cinto das calças dos advogados e demais jurisdicionados’ no ato da revista  pelo portal detector de metais”, descreve o ofício.

O presidente da OAB/Codó explica ainda que o pedido ao CNJ faz-se necessário porque a juíza de Coroatá negou-se, de pronto, à retirar a ordem do ‘tira cintos’ numa reunião realizada com a comissão da ordem que também tratou desse assunto dia 06/03/2018.

Agora os advogados de Coroatá, que estão se sentindo constrangidos pela nova portaria, deverão aguardar um posicionamento de Thiago Diaz, a respeito.

Se encaminha a providência para o CNJ ou a engaveta.

OFÍCIO 015/2018

12 Responses to OAB Codó pede providências ao CNJ contra portaria que manda advogados tirarem cintos em COROATÁ

  1. felicidade disse:

    Sim, o que a OAB fez ou estah fazendo sobre a medida que ele tomou sobre Policial, ficar 100mts de distancia de um vagabundo lá em Coroatá?????

  2. Pedro Malasartes disse:

    Fico imaginando o “dotô” Tomé passando por essa experiência de vida 🙂

  3. Sandra Alves disse:

    E muito mimimi cade o bom senso isso e uma medida de segurança.Nos bancos tem isso fazem ate algumas pessoas passarem por constrangimento e nunca vi a OAB se manifestar contra essa lei vão procurar o que fazer de verdade tem advogado em Codó atuando em conflitos de interesse e a OAB de Codó faz vista grossa né Dr Kelson

  4. Tomé Mota disse:

    Pedro Malasartes,

    Não sou Doutor.

    Outrora, Em Coroatá, no presídio, até os sapatos já fui obrigado a tirar para poder entrar e conseguir falar com cliente.

    Exigência, a posteriori, revogada pela Secretaria de Segurança Pública, após nossa intervenção junto a OAB.

    Abraço e obrigado pela “preocupação”.

  5. Advogado atento disse:

    Parabens ao Presidente e a Direçao da OAB Subsecao de Codo-MA, pela atuaçao forte e corajosa em Defesa dos Advogados da Regiao. Sera que agora essa oposicao fracassada da OAB ainda vai fizer que nada foi feito. O Pedido de Procedimento de Controle administrativo Disciplinar no CNJ e o instruments cabivel para buscar frear a atitude de mais uma Magistrada que imagina que ainda estamos nos tempos sombrios e obscuros na ditadura militar ou do Poder Judiciario.

  6. O Observador disse:

    Essa nao e a mesma Juiza que determinou multa no policial e que este ficasse distante 100 metros do traficante de drogas em Coroata. No Brasil tudo è possivel e deste poder Judiciario nao se pode Espera mais nada. Kkkk

  7. Cidadao Codoense disse:

    A OAB SUBSECAO DE CODO esta correta na sua atitude. A Instituiçao existe e para defender seus associados e combater essas irregularidades cometidas contra os Advogados e a Sociedade. Espero que esse CNJ haja com seriedade e nao faça mais uma vergonha aos brasileiros.

  8. Melquíades Madero disse:

    Nos aeroportos o camarada tira até a aliança e os anéis dos dedos e nunca vi ninguem questionar ou se recusar. A autoridade no fórum é o magistrado. Não quer passar pelo detector, não vá lá, ou contrate outro advogado pra representa-lo.

  9. felicidade disse:

    O que tem tu tirar o sapado adv? tu e melhor em que dos outros. Vcs teriam era que lutar por um código melhor, Leis que mantece vagabundo mais tempo na cadeia. Mas assim ta bom pra vcs, mas fácil pra soltar seus clientes

  10. Advogada Novata disse:

    Felicidade e demais apoiadores da manutencao dessa medida arbitrária devem ser defensores tb da ditadura militar. Só pode!
    Estude e depois volte ao debate
    Leia a constituição Federal artigo 133
    Leia a lei federal 8.906/2004
    A OAB está pedindo apenas o cumprimento da lei e respeito às prerrogativas dos Advogados.
    Agora eu me pergunto. Cadê o delegado regional de prerrogativas e o conselheiro estadual da OAB em codo?

  11. Juiz se acha Deus???? disse:

    Essa juíza tem chamado atenção para os despachos dela.

    Será se esta faltando bom senso?

  12. Advogado atento disse:

    Uma pergunta? Aonde anda o CONSELHEIRO DA OAB-MA E O MEMBRO DA COMISSAO DE PRERROGATIVAS DA OAB-MA que nao foram em Coroata. Nada dizer e ficam calados diante dessa pouca vergonha. O que Eles Dirao aos Advogados. Coragem nao ficou para todos. Somente para Quem tem vontade de trabalhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *