MORRENDO: O drama da falta de UTI em Codó nos governos de Ricardo, Biné e Zito

“Muitos dizem que a saúde está na UTI, mas eu discordo, a saúde de Codó já não existe”. A frase que inicia esta matéria do blogdoacelio foi dita pelo ex-prefeito de 2 mandatos, Biné Figueiredo, em entrevista à Jeroan Almada na semana passada.

Ricardo Archer

Ela fez o blog refletir sobre a situação da tão sonhada Unidade de Terapia Intensiva de Codó que virou trampolim político desde o governo de Ricardo Archer. Foi este que, primeiro, comprou alguns equipamentos e estabeleceu uma sala no Hospital Geral Municipal alardeando aos quatro cantos que seria esta destinada ao funcionamento da UTI.

Isso ocorreu no apagar das luzes de seu segundo mandato, o certo é que Ricardo saiu e a UTI, semi-intensiva, diga-se de passagem, não funcionou.

BINÉ, SÓ CONVERSA

Voltou Biné, este passou mais quatro anos dizendo que não dava pra colocar em funcionamento. O povo continuou sendo enviado dentro de ambulâncias para cidades vizinhas ou até para outros Estados, como o Piauí, para não morrer por falta de Tratamento de tal natureza. É óbvio que alguns não tiveram tanta sorte, não resistindo a viagem como até hoje acontece.

Biné Figueiredo

Ocorre que na semana passada Biné me aparece com uma história que mais parece roteiro de filme americano, bem montado, dizendo que deixou tudo pronto para a tal UTI funcionar. Acredite senhores (as) leitores, incluindo remédio, equipamentos e até dinheiro garantido junto ao Governo do Estado. Leia o que ele disse:

“A UTI nós deixamos todos os equipamentos embalados, todos. Reformamos o prédio onde ia funcionar a UTI, deixamos tudo pronto e deixamos mais um convênio com o Estado do Maranhão conseguido por mim e pelo deputado Camilo de R$ 300.000,00 mensal para custear as despesas da UTI e até hoje eu me pergunto, pergunto a mim mesmo, por que a UTI de Codó não está funcionando? Nós deixamos equipamentos, nós deixamos equipamentos comprados pra UTI e deixamos mais uma verba de R$ 300.000,00, não dá pra entender”, questionou o ex-prefeito.

Dá pra acreditar? Certamente, alguém que perdeu todos os neurônios ou se ver cego pelo amor platônico dedicado há décadas aos Figueiredo, talvez engula a história do ex-prefeito. Porém, mesmo entre os que acreditam, fica a pergunta – tinha tudo isso e não funcionou por quê , Biné?

ZITO, NEM CONVERSA

Zito Rolim

O governo de Zito Rolim, apesar das alegações de Biné, manteve-se calado sobre o assunto. Na última entrevista concedida à TV Codó onde falou-se um pouco sobre quase tudo, o atual prefeito preferiu comparar o número de mortes de bebês entre as duas administrações.

Faz o estilo ‘melhor não jogar aquilo no ventilador”. O assunto da UTI nunca entrou na pauta de discussão do governo, nem mesmo para dizer se as afirmações do ex-prefeito teem alguma procedência. Ressalte-se aqui que Rolim ainda tem 1 ano para fazer diferente de Ricardo e Biné. Mas será que ele vai fazer?

POVO MORRENDO

Até então os codoenses teem se deparado com um azar danado, todo prefeito diz que fez algo pela UTI e ninguém a ver funcionando. Enquanto isso, quem precisa desse tratamento especializado arrisca a vida por horas dentro das ambulâncias do Samu ( e que bom que elas existem) e ainda tem que contar com a sorte de achar vaga nos municípios para onde são encaminhados, como é o caso de Presidente Dutra, no momento.

Nós que, com a graça de Deus, nunca precisamos de um leito de UTI temos apenas uma ligeira noção de tal necessidade, mas se você conversar com alguém que já tenha passado por um momento de saúde deste ou com um familiar que nutre hoje apenas saudades daquele que morreu por falta dela, saberá, exatamente, da importância do que o blogdoacelio está falando neste artigo.

Eis aqui um ótimo pedido para 2012, UTI funcionando.

Agerp Cocais garante assistência técnica à beneficiados com sementes de Roseana

Feliciano Marques

O Chefe do Escritório Regional da AGERP Cocais, Feliciano Marques, foi entrevistado pelo blogdoacelio quando da entrega de 97 toneladas de sementes selecionadas de arroz e milho para agricultores de Codó, Timbiras, Coroatá, Peritoró, Alto Alegre do Maranhão e São Mateus.

As sementes foram enviadas pela governadora Roseana Sarney.

“São 97.000 quilos que vão ser distribuídos nos municípios que pertencem a nossa regional através das secretarias de agricultura e outras entidades vão receber também que são sindicatos, associações, comunidades quilombolas também vão ser beneficiadas. O objetivo do governo do Estado é chegar mais rápido ao agricultor, onde eles possam, de maneira, cultivar essa cultura que é do milho e do arroz e tenham resultado positivo”, disse Feliciano

Sobre assistência técnica, o chefe do escritório regional garantiu que os agricultores dos seis municípios terão o acompanhamento dos técnicos e agrônomos da Agerp.

“Depois dessa entregue o agricultor, se houver necessidade, nos procure, se tiver dificuldade em plantar que eu acredito que não tenha, mas a gente vai dar esse acompanhamento, que a s vezes aparece pragas, procure os técnicos a Agerp que a gente vai até o agricultor pra resolver esse caso das pragas ou até ensinar de uma maneira que tenha uma produção maior. Os técnicos da Agerp vão dá todo acompanhamento”, garantiu

2012 chegou: Com quem ficará a Prefeitura de Timbiras

A política tende a esquentar a partir de hoje no município de Timbiras. Os pré-candidatos deverão intensificar suas ações no sentido de fortificarem suas candidaturas. Sem veículos de comunicação, como ocorre na vizinha Codó, os pré-candidatos precisam usar de outros artifícios para se fazerem conhecer.

Alguns já se mostraram: Borbinha, como é chamado na cidade o atual gerente da Caixa Econômica Federal de Codó, já demonstrou interesse em concorrer ao cargo máximo do Executivo novamente, Dr. Bel, que inclusive fez mensagem de natal e feliz ano novo aos timbirenses, Orlando Almeida o municipalista que confirmou pré-candidatura ao blog, o próprio prefeito Nonato Pessoa almeja reeleição, e os novatos Fabrício, filho do ex-prefeito Chico do Foto, Daniel Alvim, sobrinho do ex-prefeito Robson Antonio e Dr. Rodrigues, este um dos mais comentados da internet.

Entre estes há a intenção de se formar um grupo forte só com filhos de Timbiras (Dr. Bel, Borbinha e o próprio Orlando Almeida já se mostrou a favor da ideia). Neste caso, o nome mais forte é o candidato a prefeito e os demais somam na chapa. A iniciativa é contra o fato dos dois últimos prefeitos da cidade serem codoenses, Dirce Maria e Nonato. Eles querem evitar o estrangeirismo intermunicipal.

NONATO – VANTAGEM OU DESVANTAGEM

Destes, Nonato Pessoa, é o que está em maior vantagem, pois é o poder em pessoa. No entanto, pode ter seu campo minado pela própria administração que desenvolveu frente à Prefeitura de Timbiras, o que, certamente, será explorado por seus adversários. Quem já governou sabe que não há inimigo maior ou amigo que os feitos de um pré-candidato prefeito.

Se o governo é bom, naturalmente a população o reconduz ao cargo. Se é ruim, é a oposição que não precisa fazer muito esforço.

RENOVAÇÃO VELHA

Timbiras tem a chance de renovar, muito embora seja uma renovação que já nasce com tudo para não dá certo. Nós últimos governos, nenhum administrador escapou da inelegibilidade por causa de prestação de contas. Presos pelas circunstâncias da lei a turma velha tenta emplacar seus novos representantes, é o possível caso de Chico e Robson.

Se colar e os meninos tiverem pulso para governar, estando o eleito compromissado com a sociedade, pode ser que a cidade ganhe com isso. Mas é difícil imaginar qualquer desses caciques fora da Prefeitura quando seu projeto se concretizar.

Mas até as convenções muitos acordos vão rolar, muitos acertos. Inimigos capitais vão se abraçar e andar pelas ruas e povoados como se fossem os melhores amigos do mundo e ainda subirão no palanque prometendo coisas que até Deus duvida.

Nesse contexto, ainda é cedo para tentarmos adivinhar o incerto futuro político de Timbiras

Alto Alegre do MA pode ganhar mais 5 patrulhas mecanizadas em 2012

José Patrício Oliveira

O agrônomo, José Patrício Oliveira, é o chefe do escritório da Agerp de Alto Alegre do Maranhão. O homem que cultiva o sonho de mecanizar a agricultura do município que ele considera, entre outras coisas, bem localizado e promissor.

“É um município bem localizado, eu costumo dizer que ele fica entre duas capitais, de dois Estados, Teresina e São Luís, e é promissor o município, pela agricultura, que nossa principal cultura é o arroz, mas nós estamos intensificando outras culturas, abrindo novos horizontes para nosso agricultor trazendo cursos através do Senar de agricultura, olericultura, de operadores de tratores”, disse ao blogdoacelio

MECANIZAÇÃO DA AGRICULTURA

De acordo com José Patrício, Alto Alegre do Maranhão possui 32 associações de produtores rurais. O que é produzido tem venda garantida por causa de programas de governo que absorvem esta produção, a exemplo do Programa Nacional de Alimentação Escolar, e outros que incentivam os agricultores como o Programa Nacional da Agricultura Familiar, o Mais Alimentos e o Agroecológico.

Agora ele quer o máximo de patrulhas agrícolas mecanizadas, a exemplo da que já existe no povoado Morro do Angico, onde moram 72 famílias, todas já produzindo. Mais cinco comunidades vivem a expectativa de ganharem suas patrulhas agora em 2012: Mangueira, Triângulo do Sete, Caxuxa, Altamira, Baixinha e Centro dos Novatos.

“Já está em estudo, já está em andamento e nós esperamos que o NEP nos atenda, por quê? Porque é nosso sonho de mecanizar todo o nosso município porque nós não temos mais espaço para a roça no toco, então nós temos que mecanizar e fazer a correção do solo”, afirmou Patrício

Eleições 2012: TSE restringe atuação de Zito e demais prefeitos que almejam reeleição

Zito Rolim

Neste domingo, 1º de janeiro, começou o ano eleitoral, segundo a resolução 23.370 do Tribunal Superior Eleitoral e, sobretudo os candidatos a reeleição, como é o caso do prefeito Zito Rolim, de Codó, e demais prefeitos do interior do Maranhão, como Timbiras (Nonato Pessoa) e Peritoró (Agamenon Milhomem), só para citar os aqui mais próximos da região dos Cocais, devem ficar atentos às regras que passam a valer a partir de então.

Fazer propaganda institucional está liberado até o dia 7 de julho (aquelas que os prefeitos colocam em seus meios de comunicação, ou naqueles que pagam para tal, mostrando suas obras, atos, programas, serviços, campanhas de órgãos públicos ou da administração indireta como é o caso da autarquia Saae, em Codó)

NÃO PODE

Nonato quer reeleição

Mas há restrições que devem ser fiscalizadas pelo Ministério Público Eleitoral de cada município já em janeiro. A resolução alerta para a quantidade de gastos com propaganda institucional.

Zito em Codó e o prefeito de seu município não poderão exceder a média de gastos dos três últimos anos que antecedem o pleito ou o último ano imediatamente anterior à eleição (o que foi gasto em 2010 com propaganda, por exemplo), prevalecendo o que for menor.

Esta regra vale de 1º de janeiro à 6 de julho, porque a partir de 7 de julho de 2012 até o dia da votação, propaganda institucional só em casos de grave e urgente necessidade pública, autorizados pela Justiça Eleitoral.

DOAÇÃO GRATUITA PROIBIDA

Outra regra que vale a partir deste domingo observada pelo blogodacelio, segundo publicação que consta no próprio site do TSE, diz respeito a proibição de distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios aos cidadãos realizada pela Administração Pública. Revela-nos a notícia do Tribunal Superior Eleitoral:

“A partir do dia 1º de janeiro, domingo, a Administração Pública está proibida de realizar a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios aos cidadãos. Imposta pelo artigo 73 da Lei das Eleições (Lei 9.504/97), a proibição de atuação da administração nesses casos consta da Resolução 23.370, do TSE, que estabelece as condutas vedadas aos agentes públicos nas eleições municipais de 2012.

Pelo dispositivo, a distribuição gratuita de bens, valores e benefícios aos cidadãos em ano eleitoral só é permitida excepcionalmente em casos de calamidade pública ou de estado de emergência.

Outra exceção prevista é quando os programas sociais em andamento forem autorizados por lei e integrarem o orçamento do exercício anterior. Nesses casos, o Ministério Público Eleitoral poderá acompanhar sua execução administrativa e financeira”.

ENTIDADE NOMINALMENTE VINCULADA

Francisco Nagib - Fundação FC

Também a partir deste domingo, estão proibidos programas sociais executados por entidade nominalmente vinculada a eventual candidato em 2012 ou por esse mantida. A proibição vigora ainda que os programas tenham sido autorizados por lei ou façam parte do orçamento do exercício anterior.

Discussão local pertinente nesta proibição é se esta regra afetaria pré-candidatos que não são agentes públicos, como é o caso dos prefeitos que querem ser reeleitos. No caso de Codó, é de se estudar o caso da Fundação FC que vem fazendo trabalho social de doação em anos anteriores.

Na análise os advogados que acompanharão o pré-candidato Francisco Nagib devem verificar se a Fundação enquadra-se no conceito de ENTIDADE NOMINALMENTE VINCULADA ou no requisito ‘por este é mantida’, e, ainda, se desenvolve o que a lei considera ‘programas sociais’.

DIVULGAÇÃO DE PESQUISA

O domingo também põe fim às publicações de pesquisas eleitorais. O blogdoacelio só divulgará a partir de agora aquelas que estiverem devidamente registradas no Tribunal Regional Eleitoral, até 5 dias antes da divulgação como manda a lei.

Nas eleições 2012, a Justiça Eleitoral vai inaugurar um sistema de acompanhamento dos registros de pesquisas pelos sites dos tribunais regionais de todo o Brasil. Poderão ser consultadas informações como quem contratou a pesquisa, valor e origem dos recursos empregados no trabalho, nome de quem pagou, metodologia, período de realização da pesquisa e margem de erro.

Confira o nome dos ganhadores do 11º Show de Prêmios FC Oliveira

Chiquinho Oliveira e Rosane

Confira o nome dos ganhadores do 11º Show de Prêmios FC Oliveira:

1º YBR 125 FACTOR K – Delícia de Menezes da Cruz, rua da Veneza, N. 1944, bairro São Pedro, Codó

2º YBR 125 FACTOR E – Wadison Cardoso da Silva, Trav. Rio de Janeiro, n. 162, bairro São Francisco, Codó

3º CRYPTON ED – Rosane Araújo de Sousa, rua Renato Archer, 1296, bairro Santa Terezinha, Codó.

4º XTZ K – Wermeson da Silva Santos, rua Walter Zaidan, 141, Santo Antonio, Codó

5º XTZ E – Washington Costa Coêlho, Av. 1º de Maio, 3318, São Sebastião, Codó

Programação da Virada: Codoenses vão comemorar o réveillon com muito forró

Quem está se preparando para comemorar o réveillon fora de casa e com muita gente por perto em Codó já pode preparar a roupa de sua escolha, os familiares que o acompanharão e os amigos, claro. Para estes, duas grandes atrações estão sendo preparadas.

A primeira delas acontecerá no Corredor da Folia. A Prefeitura contratou duas atrações para a virada do ano – Banda Xamego Quente e Forrozão Tropikália.

De acordo com informações da assessoria de comunicação, a festa começa a partir das 21h, com Xamego Quente. À 00H, haverá a apresentação de um coral da cidade, a saudação do prefeito Zito Rolim desejando um feliz ano novo e em seguida a queima de fogos que deve durar, segundo o assessor Marcelo Coêlho, entre 10 a 15 minutos.

FRUTA NA AABB

Os fãs da banda Fruta Nativa poderão curtir a virada do ano ao som da mais copiada com Paixão, Vinil, Mel, Mary, Adean e companhia. De acordo com a assessoria da Banda, a festa está prevista para começar às 22h.

Félix, o empresário, garante 5 horas de forró com parada apenas para a famosa contagem regressiva para a chegada do ano novo. É possível que os fãs também possam conhecer um pouco do repertório preparado para o carnaval de 2012 – um pouco do Fruta Elétrico.

Vale a pena. Escolha a sua festa e brinque na paz.

Feliz 2012 pra todo mundo.

MEGA DA VIRADA: Saiba como investir os 170 milhões que você pode ganhar neste sábado

Mega da Virada

Começar 2012 com a “difícil” tarefa de decidir como investir os milhões ganhos na Mega da Virada pode ser um fardo pesado demais. Para ajudar um eventual apostador que leve sozinho o prêmio previsto em R$ 170 milhões, o G1 consultou analistas de mercado para orientar o sortudo a tentar garantir uma aposentadoria tranquila. Aposentadoria dos netos, claro, porque a dele já está bem encaminhada.

“A primeira coisa que a pessoa precisa fazer é imediatamente colocar na poupança, não pode perder um segundo. Depois, senta com calma, respira e aí começa a pensar exatamente o que vai fazer com ele”, diz o analista internacional Jason Vieira, da Cruzeiro do Sul Corretora. “Só nesse período vai ter R$ 1 milhão a mais [em um mês].”

O sorteio da Mega da Virada será realizado às 20h de sábado (31), com transmissão ao vivo pela tevê. As apostas podem ser feitas até as 14h (horário de Brasília) do dia do sorteio, segundo a Caixa Econômica Federal.

1. Consultores indicam viagem para planejar futuro e se acostumar com condição de milionário

Prepare a sua mente
De cara, o ganhador pode lançar mão de um recurso que está na moda – tirar um período sabático. “Dá para viver um ano inteiro sem fazer nada, só curtindo bem a vida e pensando em como trabalhar esse dinheiro”, diz Vieira.

Um “retiro” para se isolar por uns dias e adaptar a mente à nova condição milionária também é recomendação do educador financeiro Antonio De Julio, da Moneyfit.

“Pegaria eu, minha esposa, uns R$ 30 mil, e faria uma viagem para um lugar bem isolado. Ia me preparar para aceitar esse dinheiro. Iria para um lugar com bem pouca gente, sem movimento, para aceitar que eu sou milionário. Ia preparar minha mente para não fazer besteira”, aconselha De Julio.

2. Investir parte do prêmio na poupança é básico: R$ 50 milhões renderiam R$ 250 mil por mês

Escolha aplicações
Mas, como vida de milionário também não é assim tão fácil, vai chegar a hora de o feliz ganhador da Mega da Virada decidir o que fazer com o dinheiro.

“Não pode começar a gastar como um emir da Arábia, porque ele ganha isso por mês com petróleo”, brinca Vieira. “Eu faria três coisas com esse dinheiro: primeiro seria colocar R$ 100 milhões no DPGE [Depósito a Prazo com Garantia Especial] – uma modalidade de renda fixa do governo que rende um pouco mais do que a média e tem nível grande de garantia pelo FGC [Fundo Garantidor de Créditos]”.

Para garantir a “subsistência”, Vieira colocaria R$ 50 milhões na poupança. “Se considerar que rende, em média, 0,5%, isso equivale a R$ 250 mil por mês.” Portanto, esses R$ 250 mil seriam usados para os gastos diários.

3. Títulos da dívida pública ou fundo de renda fixa podem concentrar maior parte do valor

Dos R$ 20 milhões restantes, R$ 10 milhões cobririam os gastos com eventuais necessidades de consumo imediato – como a compra de imóvel e carro – e para ajudar a família. “Os R$ 10 milhões restantes seriam destinados a algum tipo de investimento mais agressivo, como fundo de renda variável ou bolsa de valores. Com isso, a pessoa não precisaria mais se preocupar”, diz Vieira, da Cruzeiro do Sul.

O rendimento dos R$ 100 milhões investidos lá atrás, no DPGE, seria continuamente reinvestido. “Vai virando uma montanha de dinheiro que dá para garantir o futuro da família”, fala Vieira.

O analista diz que é bem difícil dilapidar uma fortuna deste tamanho, mas não chega a ser uma missão impossível. “Dá para se deslumbrar, é perigoso. Pode parecer besteira, mas 170 milhões demoram mais, mas a pessoa consegue perder isso.”

4. Especialistas dizem que investimento em ações deve ser cauteloso e em empresas sólidas

Já Antonio de Julio, da Moneyfit, dividiria o montante assim: R$ 51 milhões na poupança, o que renderia uma “mesada” de R$ 306 mil; R$ 120 milhões em títulos da dívida pública “de prazos longos”, recomenda; e R$ 17 milhões em um fundo imobiliário. “O importante é colocar o dinheiro em aplicações que você entenda, ou seja possível aprender, e que se sinta bem.”

Nada de ações? “Com um padrão de vida tão alto, não teria por que eu precisar recorrer ao risco. Colocaria em ações o que sobrasse da minha ‘mesada’ mensal, dos rendimentos das outras aplicações”, diz. “Faria uma estratégia de colocar esse dinheiro em ações todo mês.”

Divirta-se
O consultor financeiro Carlos Daniel Coradi, da EFC Engenheiros Financeiros & Consultores, também indica que o sortudo deve aproveitar para “curtir uma parte” da bolada em um primeiro momento. “Eu acho bom aproveitar os momentos de felicidade e por o pé na jaca. Eu gosto muito de viajar. É uma oportunidade de pegar um pedaço pequeno desse dinheiro e dar uma volta na Europa, para quem não conhece, ir para os Estados Unidos…”, opina.

Coradi sugere diversificar os investimentos da seguinte forma: aplicar um terço na poupança – que apesar do baixo rendimento, não tem incidência de Imposto de Renda, um terço em títulos do tesouro direto, que são bastante seguros, e o terço restante em uma carteira de ações.

5. Ouro e imóveis estão com preços elevados e por isso é preciso avaliar se é oportuno investir, alertam.

“Pode-se fazer uma carteira de ações com empresas sólidas, como Vale, Petrobras, Banco do Brasil. Cinco empresas são suficientes, para reduzir o risco de perdas”, disse. “Evidentemente que a bolsa está passando por um momento ruim, com quase 20% de queda em 2011 (…). Mas estudos mostram que temos que comprar quando as ações estão em baixa”, afirmou, explicando que a tendência é acontecer uma futura valorização.

O consultor não recomenda investir dinheiro na compra de imóveis. “O mercado de imóveis está extremamente aquecido (…). É um momento ruim para a pessoa comprar”, lembrando que outro item que subiu muito em 2011 foi o ouro. “A regra geral é não comprar as coisas que estão no pico do preço, é o caso de ouro e imóveis”, disse.

O especialista lembra, ainda, que investir em imóveis requer preocupações e gastos com manutenção e condomínio, além de a remuneração do aluguel não ser tão alta.

Outra dica de Coradi para o futuro milionário é procurar um especialista para ajudar o que fazer com o dinheiro – ainda mais se a pessoa não tiver muita experiência com investimentos de alto valor. “Isso se chama administração de fortunas. Os bancos em geral têm um departamento disso (…). A pessoa deve buscar conselhos para não torrar todo o dinheiro”, indica.

Fonte: G1

Enquete revela quem são os vereadores de Codó preferidos dos internautas

Leonel Filho - na frente

O blog quis saber dos internautas sobre a intenção de voto para vereador nas eleições de 2012.

Para votar, os web leitores do Correio Codoense bastavam clicar no nome dos pré-candidatos listados na enquete. Neste caso, estavam na berlinda, somente os pré-candidatos que com mandato nesta legislatura, portanto, os 12 vereadores. Mas o blog democrático como sempre, disponibilizou outras alternativas para os internautas, como opção de voto nulo, branco, indeciso e outros (sem indicação de nome).

Pois bem, em um mês e meio, 550 internautas votaram, respondendo a seguinte pergunta: Quem você vota para vereador em 2012?

A pesquisa revelou que Leonel Filho e Pedro Belo estão na liderança pela preferência dos eleitores codoenses com 30,91% e 26,73% respectivamente. A enquete também mostra quais os vereadores que menos interessam suas permanências no parlamento municipal, Saruê e Zaidam, lideraram no quesito rejeição (0% e 0,36% respectivamente).

Confira abaixo o resultado da enquete.

1° Leonel Filho – 30,91% (170 votos)

2° Pedro Belo – 26,73% (147 votos)

3° Expedito Carneiro – 6,18% (34 votos)

4° Chiquinho do Saae – 3,64 (20 votos)

5° João de Deus – 2,91% (16 votos)

6° Domingos Reis – 2,36% (13 votos)

7° Hildenberg Oliveira – 1,45% (8 votos)

8° Argemiro Filho – 1,27% (7 votos)

9° Figueiredo Júnior – 1,27% (7 votos)

10° Antônio Zaidan – 0,36% (2 votos)

11° Antônio Saruê – 0% (não recebeu voto)

A enquete revelou ainda o que muitos dos internautas pensam em fazer nesta eleição sobre o voto. A maioria garante que vai optar por anular o voto. Veja abaixo.

NULO – 8,73% (48 votos)

BRANCO – 6,73% (37 votos)

INDECISO – 2,73% (15 votos)

OUTROS – 4,73% (26 votos)

Este resultado mostra que 22,92%, ou seja, 126, dos 550 internautas que votaram na pesquisa não aprovam os atuais vereadores. Portanto, para a atual conjuntura política legislativa e pretensos candidatos ainda há muito o que pescar, esses peixes a serem capturados, são eleitores que estão desacreditados da política codoense.

Em 1° de janeiro, o Correio vai querer saber dos internautas, se aprovam ou não o Governo Zito Rolim. Aguarde e vote!

Fonte: Correio Codoense

DESTAQUES 2011: Colabore com a lista e indique aquele que merece ser destaque na sua cidade

A exemplo do que fizemos ano passado, ainda no portal Codó, o blogdoacelio pretende fazer os destaques do ano de 2011.

Para isso estamos abrindo espaço para nossos leitores opinarem. Indique aquela pessoa que, para você e para sua comunidade, fez a diferença. Além de sugerir nos comentários, você também pode enviar foto e texto pequeno falando sobre a pessoa para aceliotrindade@gmail.com.

Na sua opinião quem foi destaque em 2011 – na Política, na Comunicação, na área da saúde, da educação, da cultura, do Esporte, na área Juridica, ou qualquer outro feito que lhe tenha chamado a atenção.

Pra você quem é O CARA de 2011, aquele para quem você tira o chapéu em Codó.

Opine com sinceridade. Dê a sua sugestão. Colabore