Realizada a 1ª Caminhada para Pessoas com Deficiência de Coroatá

1ª caminhada Coroatá

Pela primeira vez eles foram às ruas em caminhada para exigir direitos como os de serem qualificados e trabalhar formalmente, mesmo sendo uma pessoa com deficiência.

Pedir garantia de acessibilidade para se locomoverem por toda a Coroatá. No próprio evento, flagramos a dificuldade de dona Raimunda,de 80 anos, para acompanhar a caminhada numa cadeira de rodas. Só a força dos amigos a fez prosseguir.

PARTICIPAÇÃO

De outras cidades compareceram amigos que enfrentam os mesmos problemas. Benedito Nascimento disse que veio de Codó para mostrar que é possível transformar esta luta em um movimento estadual pela inclusão das pessoas com deficiência.

“Isso aqui não pode parar, temos que lutar”, afirmou Benedito

De Coroatá a maior presença foi a dos estudantes. A maioria com uma consciência já formada sobre a necessidade de mudanças no trato com estas pessoas.

Feliz com a caminhada, o presidente da Associação dos Deficientes Físicos de Coroatá, Raimundo Borges Alencar, disse que considera o evento um marco na história das pessoas com deficiência de Coroatá.

É BOM SABER: Aviso prévio proporcional prejudica funcionário e empresário

Para especialista, deveria haver uma real flexibilização para desonerar o empresário e proporcionar mais contratações.

Carteira de Trabalho

Foi aprovado pela Câmara dos Deputados o projeto que concede aviso prévio proporcional de até 90 dias. A proposta, que foi votada pelo Senado Federal em 1989, segue agora para sanção presidencial.

Ela regulamenta a Constituição Federal e estava parada na Câmara desde 1995.Agora, a lei determina que seja mantido o prazo atual de 30 dias de aviso prévio, com o acréscimo de três dias por ano trabalhado, até o máximo de 60 dias. Dessa forma, com 20 anos de trabalho, o empregado já tem direito aos 90 dias.

De acordo com o advogado Thiago Massicano*, especialista em direito empresarial e sócio do Massicano Advogados Associados, a lei é ruim, principalmente para o empresário, pois além de já ter de pagar altos tributos e encargos trabalhistas que chegam até 98% do salário do empregado, ele será ainda mais onerado. “Será pior ainda para a empresa. Os deputados comentam sobre a flexibilização das leis trabalhistas e estão indo no sentido contrário, onerando ainda mais o empresário”, afirma.

Para Massicano, um dos principais pontos negativos da nova lei é que a empresa não vai querer manter um funcionário por muito tempo trabalhando, pois será custoso para ela. “O funcionário nunca vai conseguir se aposentar numa única empresa. A partir de um determinado tempo de serviço ele acabará sendo demitido, justamente por conta do aviso prévio proporcional. Economicamente, seria inviável”.

O especialista acredita que deveria existir uma flexibilização entre a empresa e o funcionário. Dessa forma, seria possível aquecer a criação formal de empregos. “Seria importante a possibilidade de um acordo entre o empresário e o funcionário na hora da contratação. Isso daria margem para que a empresa, no lugar de pagar altos tributos, possa fazer a contratação de mais funcionários e com melhores salários”, finaliza o especialista.

Por Thiago Massicano – advogado especialista em Direito Empresarial Pós-Graduado

A milionária vida de nossos prefeitos e a miséria de nossos estudantes

Foto ilustrativa

O jornal Voz da Luta, informativo do Sindsserm e da Rede de Defesa dos Direitos da Cidadania, em sua 7ª edição, vem trazendo dados sobre recursos do FUNDEB enviados ao município de Codó nos governos dos três últimos prefeitos – Ricardo Archer, Biné Figueiredo e Zito Rolim.

  • RICARDO ARCHER (1º mandato) – R$ 25.927.800,67
  • RICARDO ARCHER (2º mandato) – R$ 45.756.309,92
  • BINÉ FIGUEIREDO – R$ 83.625.393,30
  • ZITO ROLIM (até junho/11) – R$ 105.071.152,81

Os dados, segundo o VOZ DA LUTA, são do site www.tesouro.fazenda.gov.br

PRODUZINDO BURROS

Você consegue imaginar porque, com tanto dinheiro na mão desses governantes, Codó sempre aparece abaixo da média no Enem e por que mais da metade, muito mais até, das 196 escolas da zona rural ainda tem estrutura com paredes de barro, cipó e talo de babaçu?

Má aplicação, falta de planejamento, desvio de finalidade? O que houve, por que a mudança que todos eles prometeram em suas campanhas, simplesmente, não aconteceram?

Nossos prefeitos da Educação, como todos estes já foram intitulados, na verdade, não passam de fábricas de analfabetos funcionais que aprenderam a escrever o nome (as vezes nem isso), mas não conseguem interpretar um texto.

O político ruim adora ver pessoas nesta condição. A razão é muito simples – Gente que pensa, não vota em quem os quer burro.

Zito conserta erro de Ricardo e compra 10 toneladas de merenda escolar

Arquivo: Zito merenda

De acordo com informações levadas ao ar, ontem, 22, pela repórter Edvânia de Paula (TV Codó), o governo municipal acaba de adquirir 10 toneladas de merenda escolar que inclui:

  • Macarrão
  • Leite
  • Sardinha
  • Arroz
  • Carne enlatada
  • Suco em garrafa
  • Biscoito e
  • Condimentos

De acordo com a coordenação municipal da merenda, o que foi comprado é o suficiente para abastecer as 58 escolas da cidade e as 196 da zona rural. A reportagem mostrou caminhões sendo descarregados também com 8 mil quilos de melancia.

DESBLOQUEIO

Edvânia de Paula destacou ainda que a nova compra significa que o prefeito Zito Rolim, por meio da assessoria jurídica da Prefeitura, conseguiu desbloquear os recursos da merenda, até então bloqueados pelo Governo Federal por causa da não prestação de contas do governo de Ricardo Archer.

O governo Cuidando de Nossa Gente quer agora, com o uso da Justiça, provar que deu continuidade, com a mesma regularidade, no fornecimento da merenda nas escolas e, assim, conseguir ser ressarcido pelo Governo Federal para que possa pagar os fornecedores.

Zito está sendo aplaudido com “palma gravada” no interior

Zito Rolim

A história foi confirmada ao blogdoacelio por alguém que presenciou o fato que seguimos relatando.

Estava o pré-candidato a prefeito, Zé Francisco, no povoado Carnaúba, no último fim de semana onde também estava o prefeito Zito e sua comitiva. Na hora dos discursos algo inusitado aconteceu.

A cada momento de exaltação do prefeito em suas palavras se ouvia uma chuva de palmas, como se ali estivessem milhares de pessoas gostando daquilo que dizia. Era muita palma.

Verificando-se a coisa mais de perto e com maior cuidado a comitiva de Zé Francisco (formada por nomes como Gesiel da Sucam, presidente do PT, e o advogado Yure Corrêa) descobriu que as palmas eram eletrônicas, isto é, vinham do sistema de som que acompanha o chefe do executivo pelo interior do munícípio.

MELHOR QUE RUY BARBOSA

As palmas gravadas e soltas no momento certo aplaudiram até nosso eloqüente vereador Saruê que de tão aplaudido, relataram as testemunhas do fato, “tínhamos a impressão de que se tratava de Ruy Barbosa discursando”.

Apelo total ou uma inovação que tem tudo para pegar na zona rural?

Ta faltando gente nos encontros ou discurso de nossos políticos?

Como o blog não estava lá, também devo incluir a seguinte pergunta: não seria apenas uma ‘loba’ de adversário político, jogada no ar por Zé Francisco?

Ainda vamos descobrir.

IPHAN e IHGC vão transformar estação ferroviária codoense em estação cultural

Ribamar Amorim recebe empresário

O conjunto de prédios que pertence à antiga estação ferroviária de Codó vai se transformar numa estação cultural. Quem está providenciando a transformação da área, que pertence ao Governo Federal, é o Instituto Histórico e Geográfico do Codó com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN.

Os empresários que pretendem concorrer na licitação para a reforma já estão visitando os prédios, obedecendo à uma exigência prévia do IPHAN. Só concorre quem prova que fez a vistoria prévia in loco.

De acordo com informações do presidente do IHGC, Ribamar Amorim, prestadas ao blogdoacelio por ocasião da visita de um desses empresários, o local será preparado para ter um auditório com 200 lugares, uma biblioteca e um memorial onde serão expostos documentos e objetos que contam um pouco da história do município.

O Iphan já garantiu os recursos e agora cumprirá apenas as fases da execução do projeto. Após a conclusão, a administração da estação cultural será entregue ao Instituto Histórico e Geográfico do Codó.

33 dias de greve: diretor-geral fala sobre como diminuirá prejuízo dos alunos do IFMA Codó

Prof. José Cardoso

Hoje o IFMA Codó completa 33 dias de greve. Mais de mil alunos estão com suas atividades estudantis paradas durante todo este tempo.

Quem tem interesse no Enem ou em qualquer outro vestibular de faculdades particulares tem formado grupos de estudo em casa com outros colegas ou se sujeitado a estar em sala de aula de outras escolas públicas como ouvinte.

O blog do Acélio conversou com o diretor-geral, professor José Cardoso, sobre o principal problema dos alunos. O diretor garantiu que vai repor as aulas perdidas usando os sábados e o período de férias, depois que a greve acabar.

“Com certeza nós entraremos no período de férias. O calendário ia até 17 de dezembro e vai se estender, já se foram 33 dias, nós vamos trabalhar com a extensão desse calendário dentro das férias dos alunos e também utilizando os sábados como forma de reposição de aula para esses alunos”, garantiu

FALTA PROFESSORES

Também o indagamos sobre a falta de professores. O comando de greve alega que houve um aumento na demanda de cursos oferecidos pelo Campus de Codó, mas não houve crescimento proporcional do número de educadores, principalmente.

Professor Cardoso disse que a meta do governo Dilma é chegar à 80 professores no IFMA e que este número chega hoje à 60 docentes. Ele reconheceu a deficiência, mas deixou claro que está confiante na regularização deste problema.

“Eu reconheço então que de fato nós temos ainda uma inadequação de atendimento de alunos em virtude de pessoal, mas eu acredito seriamente de que nós vamos alcançar esta meta porque é um compromisso de governo e também nosso esse atendimento a contento, nessa atividade fim nossa que é ensino, pesquisa e extensão”, concluiu

Rede lança Marcha contra a Corrupção em Codó no próximo sábado

Corrupção em Codó

A corrupção impede a efetivação dos direitos sociais. Ela retira a dignidade do cidadão e o coloca na condição de pedinte. Falta de médicos e remédios nos hospitais, alimentação escolar, segurança e iluminação pública, saneamento básico são alguns exemplos dos prejuízos que a corrupção traz diariamente ao trabalhador brasileiro, que paga uma das maiores cargas de impostos do mundo.

O Brasil também é considerado um país com alto índice de corrupção, ocupando a posição 69ª no ranking mundial. Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), na última década foram desviados R$ 6.890.000.000,00 (seis bilhões, oito centos e noventa milhões) dos cofres públicos.

Para combater a corrupção a participação da sociedade na fiscalização das políticas públicas é um fator essencial, pois o contribuinte é o sujeito que melhor pode avaliar a qualidade dos serviços públicos que são oferecidos à população.

Nesse sentido, as Redes e Fóruns de Cidadania do Estado do Maranhão realizam anualmente a Marcha do Povo contra a Corrupção e pela Vida, que este ano será realizada no dia 07 de outubro, em São Luís.

Em Codó, o lançamento da Marcha contra a Corrupção acontecerá no próximo dia 24 (sábado), a partir das 08:00h, na Praça da Bandeira. A Coordenação da Rede de Defesa da Cidadania de Codó convida toda a população codoense para participar deste ato de exercício da cidadania.

Na ocasião, os cidadãos terão a oportunidade de denunciar as precárias condições de funcionamento do serviço público em nossa cidade. Também no dia 24 a cidadania escolherá um caso de corrupção em nosso município que será denunciado à Polícia Federal, à CGU e ao Ministério Público Federal no dia 07 de outubro, em São Luís, na Marcha Estadual.

Assessoria da Rede de Defesa

Dirigente promete Juventude de alto nível contra o Pirassununga

Augusto Serra

O representante oficial da torcida do bairro vai estrear hoje, 22, no Campeonato Codoense contra o time do Pirassununga.

O jogo está marcado para as 8h da noite, no estádio municipal René Bayma. Ao blog do Acélio o diretor de futebol do Juventude, Augusto Serra, informou que a torcida se surpreenderá com que verá na estreia. Segundo ele, um Juventude de alto nível.

Sob o comando do técnico, Apolozio, o alviverde vai mesclar nomes já conhecidos com surpresas vindas da ilha de São Luís. Entre os jogadores já confirmados estão Magno, Zé Filho, Paulo Cesar, Alex e André que jogaram no time no campeonato passado.

“Temos confiança no nosso trabalho, respeitaremos todos os adversários, mas o nosso projeto é para ser campeão codoense em 2011” afirmou o dirigente

TSE: Lobão diz que Roseana não abusou de poder econômico em campanha eleitoral

Edison Lobão

Em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB), negou nesta quarta-feira (21) que tenha havido abuso de poder econômico na campanha eleitoral da governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB).

A governadora e seu vice respondem a processo de cassação no TSE, acusados de compra de voto, abuso do poder dos meios de comunicações e uso direto e indireto da estrutura da administração pública em vários locais, como escolas e ambulâncias.

As denúncias foram feitas pelo deputado estadual José Maria da Silva Fontinele (PRTB-MA) e pelo ex-governador do Maranhão José Reinaldo Tavares (PSB).

Segundo o processo, a governadora reeleita teria celebrado 79 convênios com prefeitura do interior do estado na intenção de buscar apoio para a eleição. Os contratos, que totalizaram R$ 400 milhões, supostamente teriam como características “desvio de finalidade, violação ao princípio da moralidade e ilegalidades, às vésperas do período eleitoral”.

Ao G1, a advogada Ezikelly Barros, que defende a governadora, negou as acusações e disse que a defesa vai se pronunciar no momento adequado. Lobão depôs a pedido da defesa da governadora para comprovar a “lisura” dos contratos firmados em seu governo.

O ministro peemedebista, que concorreu ao Senado na chapa de Roseana nas eleições de 2010, disse que “não teve conhecimento” do número de convênios firmados entre o governo e prefeituras municipais nem dos valores envolvidos.

Indagado pela defesa de Roseana, o ministro de Minas e Energia também negou ter presenciado qualquer menção a esses convênios em “comício da campanha eleitoral”.

Lobão afastou ainda as suspeitas apresentadas pela acusação de que o marqueteiro Duda Mendonça teria sido contratado pela campanha de Roseana antes do período eleitoral, o que poderia caracterizar caixa dois.

Segundo Lobão, Mendonça foi contratado pelo Diretório Regional do PMDB para elaborar o planejamento de campanha de todos os candidatos a cargos majoritários. Ele disse ainda ter participado de reuniões com o marqueteiro após o registro das candidaturas.

Anulação
Mas o depoimento do ministro favorável à governadora do Maranhão pode ser invalidado pelos advogados de acusação.

Durante o depoimento, o advogado do ex-governador José Reinaldo Tavares, Rodrigo Ferreira Lago, contestou o fato de Lobão ter sido ouvido antes das testemunhas de acusação, o que, segundo ele, seria motivo para anular a oitiva do ministro.

O advogado evitou falar sobre detalhes da estratégia da defesa, mas minimizou o testemunho de Lobão. “Infelizmente, o ministro pouco pode acrescentar ao processo porque nada sabia dos fatos”, disse.

FONTE: G1