César Pires visita municípios e recebe apoio de lideranças

O deputado César Pires (PV) cumpriu intensa agenda de compromissos no interior do Maranhão neste fim de semana. Acompanhado de lideranças da região, ele participou de encontros nos municípios de Araioses, Buriti, São Bernardo, Paulino Neves e Tutóia, onde conversou com moradores e recebeu o apoio de líderes locais.

Em Araioses, César Pires e o ex-prefeito de Água Doce, Eliomar Dias, foram recebidos no povoado Novo Horizonte, na residência de Evandro do Posto. Do encontro participaram os vereadores Alex e Edevânio, o ex-vereador Hélio, Chico Lino, Belo, Antônio Marcolino, Erler, Evander, Marcos Dias, Chagas e Ailton de Carnaubeira.

O ex-prefeito Neném Mourão recepcionou César Pires no município de Buriti e reafirmou seu apoio à pré-candidatura do deputado à reeleição. Ele também declarou sua opção pela pré-candidatura da ex-governadora Roseana Sarney ao governo estadual.

Em São Bernardo, com o prefeito João Igor e a primeira-dama Tassila Costa, César Pires participou da largada do rally Enrola Cabo, competição que todos os anos reúne dezenas de participantes e conta com o apoio da Prefeitura Municipal.

César Pires também visitou Paulino Neves, onde participou de encontro organizado pelo vereador e atual secretário municipal de Saúde, Amadeusinho. A reunião contou com a presença de várias lideranças locais: Chico Empanado, Zuca Viriato, Beto, João Domingos (presidente da Associação de Pequenos Criadores), Dimas, José Afonso, Gisele, a professora Mariana Pires e a veterinária Isabele Oliveira.

Em Tutóia, César Pires visitou os povoados São Bento e Barro Duro, onde conversou com os líderes comunitários Antônio Chico, Márcia e Marli. Sempre acompanhado do líder politico Raimundinho dos Poços. “É sempre muito importante ir aos municípios, conversar com as lideranças e ver de perto as necessidades da população, de forma a orientar a nossa atuação parlamentar em benefício do povo”, concluiu o deputado.

INSTITUTO BLUE: Veja como é em Codó o Curso Básico – Introdução a Língua Brasileira de Sinais

A comunicação é uma das principais ferramentas que permite a humanidade evoluir em conhecimentos. As diversas culturas no mundo têm por meio da língua a melhor maneira de interagir e se comunicar, devido a isto, podemos notar a importância de termos um conhecimento bem abalizado da língua materna bem como das demais que nos esforçamos em aprender.

Instituto BLUE

​A Libras tem sua comunicação baseada na modalidade gestual-visual, com todos os aspectos linguísticos que à estruturam como uma língua e conta com sua gramática própria. Por isso, é tão importante que os profissionais que detêm um conhecimento inicial da Libras se esforcem em aumentar o seu conhecimento linguístico dessa língua.

​O Instituto Blue tem por objetivo principal, levar qualificação profissional de qualidade, bem como um conhecimento prático para o dia a dia de nossos alunos. O Curso Básico de Libras – Introdução a Língua de Sinais visa apresentar as noções básicas deste idioma para que você possa ser apto a se comunicar com pessoas surdas usuárias de Libras.

Conteúdo

 – História dos Surdos

– Surgimento da Língua de Sinais no Brasil

– Alfabeto Manual

– Datilologia

– Saudações

– Numerais

– Cores

– Dias da Semanas

– Diálogos

– Gramática – Pronomes Interrogativos

– Gramática – Sistema Pronominal na Libras

– Formulação de Frases do Cotidiano

– Parâmetros

Público Alvo

​Profissionais das áreas de Educação, Saúde e outras. Alunos Universitários e alunos de outros níveis de ensino.

Sobre o Curso

​Aulas presenciais, interativas e sempre abertas a discussões, material incluso. Será certificado o aluno que atingir 70% de aproveitamento. Certificação reconhecida Nacionalmente.

UEMA comunica suspensão de aulas em todo o Maranhão

COMUNICADO

A Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), de forma preventiva e considerando os efeitos causados pelo desabastecimento de combustíveis, comunica a suspensão  das atividades acadêmicas em todos os campi nesta segunda-feira (28/05), a fim de minimizar transtornos à comunidade universitária.

Estão mantidas as atividades administrativas em todas as unidades.

Ao longo do dia de amanhã, a UEMA, que está acompanhando de perto os acontecimentos, emitirá novo posicionamento sobre o expediente da instituição a partir da próxima terça-feira (29/05).

São Luís, 27 de maio de 2018.

Prof. Gustavo Pereira da Costa

Reitor

O Centro de Estudos Superiores de Codó – CESCD/UEMA, agradece prontamente sua colaboração.

Atenciosamente,

Anne Karoline Vieira de Abreu

Assistente de Centro do CESCD/UEMA

LISTA – Veja se você é um dos ganhadores da 55ª extração do Codó Feliz

1º PRÊMIO – R$ 1.500,00 (HUM MIL E QUINHENTOS REAIS)

PRIMEIRO GANHADOR

NOME: MARIA DA NATIVIDADE SILVA XAVIER

Nº DA CARTELA: 10105-27

ENDEREÇO: RUA 31 DE MARÇO Nº 2243

BAIRRO: SÃO PEDRO

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: BANCA DA NILA

 

SEGUNDO GANHADOR

NOME: MARIA RAISSA E RAIANE

Nº DA CARTELA: 23961-53

ENDEREÇO: RUA BOM JESUS Nº 854

BAIRRO: TRIZIDELA

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: NELY FRAZÃO

 

2º PRÊMIO – R$ 1.500,00 (HUM MIL E QUINHENTOS REAIS)

NOME: CARLOS JUNIOR E MÁRCIO

Nº DA CARTELA: 07736-45

ENDEREÇO: TRAVESSA BEIRA RIO

BAIRRO: KM 17

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: SOCORRO NOVAIS

 

3º PRÊMIO – R$ 1.500,00 (HUM MIL E QUINHENTOS REAIS)

NOME: IVANILDO MUNIZ BAIMA

Nº DA CARTELA: 23665-92

ENDEREÇO: RUA SÃO LUIS Nº1424

BAIRRO: CODÓ NOVO

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: FRUTARIA DO JOÃO

 

4º PRÊMIO – R$ 1.500,00 (HUM MIL E QUINHENTOS REAIS)

NOME: EMILY NICOLE FEITOSA DE OLIVEIRA

Nº DA CARTELA: 11307-72

ENDEREÇO: AVENIDA 1º DE MAIO Nº2760

BAIRRO: SÃO SEBASTIÃO

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: IVONETE MARQUES

 

5º PRÊMIO – R$ 14.000,00 (QUATORZE MIL REAIS)

NOME: MARIA DE NAZARÉ DE OLIVEIRA FILHA

Nº DA CARTELA: 04231-57

ENDEREÇO: AVENIDA REI SALOMÃO Nº1556

BAIRRO: SÃO RAIMUNDO

CIDADE: CODÓ – MA

VENDEDOR: MARIA DO ROSÁRIO

Escola SYGMA inaugura pólo de capacitação em Timbiras

Sob o comando do Engenheiro Christiano Cardoso, a Sygma Educação Profissional LTDA. inaugurou, na manhã de ontem, 27/05, um pólo de capacitação profissional em Timbiras-MA.

SYGMA em Timbiras

Já estão sendo ofertados diversos cursos, como:

  • Eletricista de Alta e Baixa Tensão
  • Nr10 Básico
  • Nr10 Complementar
  • Nr35 (Trabalhos em Altura)
  • Eletricista Instalador Predial/Industrial
  • Rebobinagem de motores elétricos
  • Instalação de Fibras Ópticas

E vários outros!

Cursos a preços populares!

Para fazer sua matrícula, procure pelo Sr. Frantec através do FONE/WHATSAPP:

 (99) 98432 7776

ESTUDEM EM UMA ESCOLA TÉCNICA RECONHECIDA PELO MEC, DE CREDIBILIDADE E RESULTADOS COMPROVADOS!

Força Tática de Codó fará escolta de caminhão de gás de cozinha nesta segunda-feira

As viaturas da PM estão abastecidas, segundo o tenente-coronel Jurandir de Sousa Braga, mas só têm autonomia de uso até quarta-feira, 30. Neste momento já operam com ordens para economizar.

“Nós estamos fazendo o policiamento com as viaturas mais paradas em pontos fixos, mas sem prejuízo do atendimento das ocorrências e as rondas nos bairros nós estamos intensificando com as motocicletas que consomem menos combustível”, disse

ESCOLTA

O comandante também nos informou agora pela manhã que uma viatura da FORÇA TÁTICA de Codó já está em São Luís com o intuito de escoltar um caminhão carregado com  gás de cozinha para hospitais de Codó, Peritoró, Timbiras e Coroatá. ASSISTA A ENTREVISTA

ASSISTA AGORA – Codoenses amanheceram em filas buscando gasolina

Só hoje os codoenses amanheceram formando grandes filas em busca de gasolina. Agora pela manhã filmamos várias filas no posto FC próximo ao Hotel do mesmo grupo empresarial. Tinha gente como seu Francisco do Nascimento tentando encher pequenos galões.

 “Que eu to só vendo falando aqui que os postos tá tudinho faltando  a gasolina aí eu pedindo a Deus que eu arrume esses 20 reais de gasolina mode eu levar pro centro”, disse

Perguntamos por que parecíamos alheios à crise do abastecimento de combustível na cidade. Seu Elias da Silva, um cobrador, nos respondeu.

“São tantos postos aqui na cidade e a gente acreditava que talvez não chegaria aqui na nossa cidade”, disse

No posto Deus é Grande (de Mestre Bita), a proprietária Janaína de Sousa informou-nos a pouco que tem gente vindo de Timbiras e de Coroatá onde não existe mais gasolina para abastecer e ela está com problemas porque deseja atender apenas aos codoenses.

Prefeito NAGIB explica por que encarou professores que reivindicam 60% dos precatórios do FUNDEF

Na última sexta-feira, 25, terceiro dia de paralisação dos professores de Codó (segundo dia da segunda paralisação), os educadores que desciam a rua Afonso Pena encontraram o prefeito Francisco Nagib participando da inauguração de um posto da receita Federal no Viva/Procon.

Prefeito encara manifestantes (foto de Nilton Messias)

Logo formou-se uma onda de discursos inflamados na porta do evento e o que ninguém esperava aconteceu, Nagib deixou o evento e foi falar com os manifestantes.

O blogdoacelio  não estava na cidade e em razão disso não pôde registrar o momento como ele, realmente, foi. Dado à esta dificuldade procurei ouvir o próprio prefeito que nos deu a sua visão sobre aquele acontecimento que a todos pegou de surpresa.

Nagib explicou que ouviu as reclamações diretas em tom de desabafo dos manifestantes, mas também as rebateu. Voltou a defender que não é ele quem NÃO quer dar o abono, o que o impede é a orientação do que chama de rede de controle (MPF, TCU e agora até o STF).

“Não sou eu, Acélio, quem está dizendo que não é pra pagar professor. A questão do FUNDEF quando, antes mesmo da gente receber este recurso, a rede de controle – Ministério Público, TCU, todos, STF agora – todos disseram que não é, é pra investir na educação, é pra investir em ônibus escolar, é em reforma de escola, em kit esportivo, em material didático pra nossas crianças, em melhoria na estrutura”

FOI EU?

Na entrevista ao blog, Nagib também questionou o fato de estar sendo cobrado como se estivesse no governo há vários anos.

“Eu sei que as escolas estão acabadas, conforme um professor lá disse, estão ruim, agora, será que foi eu que acabei isso em um ano e meio? Ou porque eles não reivindicaram tudo isso antes?”, questionou

‘VAMOS RESOLVER AGORA”

Sobre o exato momento de seu encontro com os educadores, disse que se dispôs a se encontrar naquele momento com todos os professores  e até começou a acompanhar a manifestação até o prédio da prefeitura, mas os manifestantes,  que chegaram a concordar, voltaram atrás e disseram que não queriam a reunião.

“Eu disse – eu quero diálogo com vocês agora. Todos, de primeiro momento aprovaram e quando eu disse que ia até acompanhando a caminhada até a prefeitura eles decidiram em não aceitar a reunião naquele momento, então eu provoquei e disse – eu quero a reunião agora, se é pra resolver esse problema nós vamos resolver agora e não foi aprovado por eles, o momento que eles tanto esperava  e eu disse – gente, nós esperamos isso aqui por tanto tempo por que que a gente não resolve logo isso? Então foi marcado para outra data”, disse ao blog

Por conta da recusa dos educadores, uma nova data para este encontro foi marcada. Prefeito Nagib e manifestantes se reunirão dia 6 de junho, às 16h, para resolverem a questão dos precatórios.

Nagib, também em tom de desabafo na entrevista, pediu que parem com as paralisações que estão prejudicando os alunos.

Frisou que os professores de Codó não possuem razões para causarem tantos  transtornos à educação.

“Professor ganhava menos de R$  500 em Codó, hoje salário de professor é um dos maiores do Maranhão, infelizmente eu não posso dizer também  que o IDEB de Codó é um dos maiores do Maranhão (…) então o que eu peço pra eles é isso, é união, que a gente pare com esta questão de deixar de dá aula, poxa o salário tá em dia, no início do ano nós aumentamos o salário dos professores”, disse

OUÇA os 28 minutos do embate entre prefeito e professores de Codó na porta do VIVA Cidadão

Nós tivemos acesso a um vídeo de 28 minutos, sem cortes, que mostra, com todos os detalhes, o grande embate que houve na sexta-feira, 25, entre os professores e o prefeito Francisco Nagib na porta do VIVA CIDADÃO.

São momentos de argumentos fortes dos dois lados. O prefeito defende que os educadores apresentem uma lei que o obriga a pagar uma vez que a rede de fiscalização recomenda o uso dos R$ 26,5 milhões dos precatórios em estrutura da Educação.

E os professores mostram que tudo, até agora, não passa de orientação técnica, alegando que, se quisesse, poderia repassar o abono salarial da ordem de 60% dos recursos.

Não foi possível exibir o vídeo até agora, mas gravei o áudio (partes boas de ouvir outras bem barulhentas atrapalhando o entendimento do que foi gravado). Mas dá pra se ter a exata noção do que foi o encontro entre as duas partes.

Vereadores de oposição emitem nota depois de terem sido criticados por votarem contra usina no lixão

Nonato Sampaio

Nós, representantes do povo, em respeito a população codoense, queremos esclarecer alguns pontos que de maneira irresponsável e leviana, foram veiculados sobre a nossa posição ao votar contra o Projeto de Lei n° 009, de 09 de maio de 2018 que:

“Autoriza o Poder Executivo Municipal a conceder à iniciativa privada o serviço púbico de tratamento e destinação final de resíduos sólidos urbanos no âmbito do Município de Codó.

O projeto de lei assim dispõe no art. 5°: O poder Executivo Municipal poderá alocar/doar à concessão bens próprios municipais existentes ou que venham a ser adquiridos ou desapropriados, para serem utilizados pela Concessionária.(…).

Pedro Santos

O NOSSO POSICIONAMENTO É QUE O PROJETO NÃO TEM CLAREZA! Isso porque, não está explicito o tamanho total da área a ser doada ou desapropriada para ser entregue a um particular (concessionaria). Tal atitude fere inclusive a legislação nacional, haja vista que a Lei Federal n° 8.666/93, que discorre sobre doação de bens públicos a particulares diz o seguinte:

 Art. 17.  A alienação de bens da Administração Pública, subordinada à existência de interesse público devidamente justificado, será precedida de avaliação e obedecerá às seguintes normas: I – quando imóveis, dependerá de autorização legislativa para órgãos da administração direta e entidades autárquicas e fundacionais, e, para todos, inclusive as entidades paraestatais, dependerá de avaliação prévia e de licitação na modalidade de concorrência, dispensada está nos seguintes casos:

Rodrigo Figueiredo

Além disso, para a doação de bens públicos de forma gratuita, precisa-se ser precedida de avaliação, que deverá ser feita por comissão especialmente nomeada para a tarefa, a qual procederá à perfeita identificação do bem e estabelecerá o valor do mesmo, com base em pesquisas de mercado.

No projeto também não consta a avaliação do preço do imóvel para certificar que o Município estará fazendo um bom negócio. Afinal, trata-se de um bem público, portanto não é do Sr. Prefeito ou de sua família, mas  da população codoense.

É preciso ressaltar ainda que mesmo com a fala do Secretário Municipal de Finanças, Planejamento e Meio Ambiente, Sr. Ivaldo, de que “o Executivo já tem em mente o local para ser doado, mas não poderia mencionar no projeto para evitar uma supervalorização imobiliária”, não é motivo para a omissão dessa informação no Projeto de lei, afinal, se o projeto é de interesse público, porque não divulgar e cumprir as exigências legais?

Expedito Carneiro

Desta forma e para que não restem duvidas, queremos reafirmar que não votamos contra as possíveis 57 (cinquenta e sete) famílias que podem vim a ser beneficiadas, com o saneamento da conta de energia elétrica.

Não votamos contra a população que quer ver o problema do lixão ser solucionado. O que não podemos é votar em um projeto obscuro, de interesses duvidosos e que visa desfazer bem do patrimônio público, sem a certeza que a finalidade de atingir a coletividade será alcançada.

Por fim, reiteramos nosso compromisso de lutar e votar em projetos que de fato beneficie a população codoense, com a certeza de que nossos ideais continuarão a nos nortear e que nosso voto não é mercadoria, portanto, não está a veda.

Expedito Carneiro

Nonato Sampaio

Pedro Santos

Rodrigo Figueiredo