UNICEF premia Zito Rolim por promover avanços nos indicadores sociais de Codó

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) realizou no dia 2 de dezembro, em São Luís, a cerimônia de premiação de 42 municípios reconhecidos por promover avanços em indicadores sociais no Estado.

Nagib, Zito e Ricardo Torres em São Luís

Nagib, Zito e Ricardo Torres em São Luís

O prefeito Zito Rolim, de Codó, foi um dos agraciados com a premiação e esteve acompanhado do novo prefeito da cidade, Francisco Nagib, e do vice-prefeito, Ricardo Torres.

A premiação foi a  última das nove cerimônias estaduais de certificação dos municípios que chegaram até a etapa final na 2ª edição do Selo UNICEF Município Aprovado na Amazônia.

Em 2013, 611 cidades da Amazônia Legal aceitaram o convite para participar da segunda edição. 

O evento contou também  com as presenças do governador Flávio Dino; do representante do UNICEF no Brasil, Gary Stahl e da coordenadora do UNICEF em São Luis, Eliana Almeida; da coordenadora do escritório do UNICEF em São Luís, Eliana Almeida; prefeitos, secretários estaduais e municipais, conselheiros de direitos e adolescentes.

4 Responses to UNICEF premia Zito Rolim por promover avanços nos indicadores sociais de Codó

  1. CDU disse:

    DEMOSTRAÇÃO ATRAVÉS DE DOCUMENTOS É MUITO FÁCIL A REALIDADE E OUTRA

  2. LUZ disse:

    Tenho muita vontade de saber como é realizado o selo UNICEF… pq nao veja nada de tão importante para a primeira infantil que nao seja obrigação e direito da criança. Ainda falta muito para ser melhorado.

  3. Paulo Rocha disse:

    vish!, pensei que o UNICEF levasse em em consideração, pelo menos a garantia de direitos básicos às crianças para conceder tal certificação, como merenda na escola, transporte escolar digno, escolas de alvenaria, enfim, vejo que é mais um prêmio auto patrocinado. E o que é pior, com o nosso dinheiro. Dinheiro que falta pra construção de um hospital materno infantil…..

  4. CODOENSE DANADO disse:

    SIMPLEMENTE RIDICULA UMA PREMIAÇÃO DESSA;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *