NA ALMIRANTE TAMANDARÉ: Jovem é encontrado agonizando após tiro de garrucha no peito

Um morador de rua identificado pela PM como Adriano Santos, foi atingido hoje (25) por disparo de garrucha, arma de fabricação caseira, na praça Almirante Tamandaré.

Adriano Santos tem chumbo no peito e no braço

A PM relatou ao delegado que o entregou direto ao pronto-socorro  do HGM por Adriano estar com chumbos alojados no peito e no antebraço.

A vítima não identificou o autor do disparo aos policiais.  Ninguém foi preso.

Com informações de Amaral Júnior

PROS de Codó se fortalece com chegada deChiquinho da Casa Raquel, Fernando Construções, Misaias Lima e Dedé do Zé Garimpeiro

Partido Republicano da Ordem Social ( PROS ):

No último dia 18/01/2020 o partido se reuniu com todos(a) os seus pré-candidatos a vereador no município.

Diretrizes importantes sobre as eleições foram o tema do nosso encontro. O Diretório Municipal sabe da importância do partido está fortalecido para o pleito eleitoral.

No ato do encontro houve o ato de filiações das lideranças, Chiquinho da Casa Raquel, Fernando Construções, Misaias Lima e Dedé do Zé Garimpeiro

VIOLÊNCIA – Bandidos pedem “camisinha masculina” e depois assaltam CTA de Codó

Ontem, 24, por volta das 10h da manhã,  dois homens aproximaram-se numa moto da porta do CTA – Centro de Testagem e Aconselhamento, que fica na Av. MIGUEL BAURI, de centro de Codó.

Um deles desceu, entrou e disse que queria preservativos masculinos.

Quando alguém achou de atendê-lo, o homem anunciou o assalto.

Conforme informações obtidas pelo blogdoacelio agora pela manhã,  no local, um celular foi levado. Não nos foi informado se pertencia a algum usuário (pessoa que buscava atendimento no momento) ou a um funcionário do CTA.

Existe a informação de que a mesma dupla tenha assaltado um prédio de Cras (Centro de Referência de Assistência Social ).

Mas ainda não obtivemos confirmação da polícia,  nem o bairro deste CRAS.

VÍDEO: Ex-marido pula muro e mulher pede socorro à PM para retirá-lo da casa

Uma mulher morador da rua COELHO NETO, em Codó, pediu socorro via WhatsApp à Polícia Militar para que retirasse seu ex-marido de dentro da casa dela.

O homem, segundo contou sargento Francisco Medeiros ao jornalista Amaral Júnior, pulou o muro e se recusava a deixar o imóvel.

“A gente foi lá, conversamos com a vítima, ela autorizou que a gente entrasse na casa, retirasse o mesmo e fizesse a condução até a delegacia até mesmo por invasão de domicílio e porque ele vinha ameaçando ela constantemente”, explicou o sargento

Equipe da Boa Esperança é a campeã em torneio de futebol na zona rural de Codó

Foi realizada na última semana mais uma edição do Torneio de Futebol da localidade Boa Esperança, na região da Trizidela. O evento, realizado por Domingos do Angelim, teve o apoio do vereador Pastor Max e contou com diversas equipes de comunidades vizinhas. A equipe da casa se sagrou campeã do torneio e celebrou o título em grande festa de confraternização.

Todos aqui agradecemos muito ao apoio do vereador Pastor Max e todo carinho com nossas comunidades. Ele é um amigo de sempre, que durante todo o período de seus mandatos, ano após ano, sempre apóia os eventos para prática esportiva nas comunidades do campo”, agradeceu o organizador Domingos do Angelim.

O vereador Pastor Max permaneceu até o fim do evento, participou da premiação e aproveitou o grande encontro para se reunir com moradores da Boa Esperança e povoados vizinhos e saber mais sobre as demandas locais, como energia elétrica e abastecimento de água.

É com muita alegria que começamos mais um ano, visitando nossos amigos da zona rural, tendo oportunidade de apoiar os eventos esportivos, como fazemos todos os anos, em diversas comunidades rurais, para incentivar essa prática nas comunidades do campo e saber das demandas de seus moradores. É nossa missão, é nosso papel como representante dessas comunidades no legislativo. A Boa Esperança e comunidades vizinhas precisam dos serviços e ações de melhorias por parte do poder público. Sempre apoiamos e continuaremos apoiando esses eventos por toda a sede e zona rural de Codó, pois sabemos da força do esporte como instrumento de inclusão e transformação social”, concluiu o parlamentar.

Ascom

HGM de Codó realiza primeira etapa do 1º Mutirão de Cirurgias de Hérnias

O Hospital Geral Municipal de Codó realizou entre os dias 22 e 23 de janeiro a primeira etapa do projeto Operação Carnaval HGM/1º Mutirão de Cirurgias de Hérnias. No dia 22, quarta-feira, foi realizada a triagem de pacientes, e no dia 23, quinta-feira, centenas de pessoas passaram pelo procedimento cirúrgico. A iniciativa, realizada pelo prefeito Francisco Nagib e pelo médico Dr. Junior, tem o objetivo de diminuir a fila de espera para esse tipo de procedimento no município.

Cerca de cem pacientes já passaram pela triagem e vinte cirurgias de hérnia já foram realizadas na primeira etapa do mutirão. De acordo com o Diretor do HGM, médico Dr. Junior, além do mutirão de cirurgias de hérnia, outros atendimentos em saúde foram realizados na primeira etapa da Operação Carnaval Mutirão de Cirurgias de Hérnias.

“Dos cem pacientes que passaram pela triagem, vinte já realizaram suas cirurgias. Os outros casos precisamos fazer mais exames. Os casos de hérnias mais complexas ainda passarão por cirurgia na próxima fase. Também foram realizados atendimentos de pré-natal de alto risco, com consultas obstétricas especializadas, ultrassom das gestantes, além das avaliações de risco cirúrgico, com médico cardiologista. Tudo também realizado durante o mutirão”, explicou Dr. Júnior.

Próxima etapa dia 29 e 30 de janeiro

O diretor do HGM ainda informou que na próxima etapa do mutirão não haverá triagem, mas sim a conclusão de atendimentos e cirurgias dos pacientes que já passaram pela triagem na primeira etapa. Para o prefeito Francisco Nagib, que foi ao HGM visitar os pacientes, a ação irá alcança um grande número de pessoas que precisam da cirurgia, com mais celeridade, sem filas e com mais conforto.

Mesmo se aproximando o período de carnaval e os investimentos na área de cultura e lazer, continuamos forte com os investimentos e ações em todas as áreas. A Operação Carnaval HGM/1º Mutirão de Cirurgias de Hérnias é uma dessas ações, que são muito importantes pra nós, pois estamos proporcionando as pessoas que mais precisam as condições realizar seus exames e cirurgias, com mais agilidade, conforto e toda segurança. E novas etapas do mutirão virão, resolvendo esse problema de saúde de mais pessoas, além de outros procedimentos que estão sendo realizado durante o mutirão, como, por exemplo, pré-natal de alto risco e ultrassom das gestantes. Estamos muito felizes com o resultado, pois nossa maior preocupação e missão é cuidar bem das pessoas”, concluiu i prefeito Nagib.

 Ascom – PMC

Moto usada em assalto filmado na porta de casa no Codó Novo já foi entregue à dona – bandidos continuam soltos

No final da tarde do dia 22 de janeiro de 2020, uma mulher olhava o celular na porta de sua casa na rua São Luís, Codó Novo, quando dois bandidos param a moto repentinamente.

O carona saque de um revólver e quando a mulher tenta correr é obrigada a entregar o celular.

A moto foi identificado e levada à delegacia, hoje pela manhã uma senhora, da zona rural, em cujo nome está o veículo, mostrou à delegada Maria Tecla que apenas emprestou a moto aos garotos, que não sabia da intenção deles de praticarem assalto. Convencida da narrativa, a delegada liberou o veículo.

O foco da Polícia Civil agora é ouvir os bandidos que aparecem na imagem roubando a mulher no Codó Novo.

Câmeras filmam bandidos assaltando mercearia na Trizidela

ONTEM, por volta das 16h, dois ladrões assaltaram o COMERCIAL HIAGO, na rua Brasil, Codó. Câmeras de segurança registraram tudo.

Os bandidos levaram o monitor achando que se livrariam da gravação, esqueceram que ois registros ficam num equipamento que armazena informações, mas apesar de aparecerem claramente nas imagens ainda não foram presos.

A reportagem é de Amaral Júnior , da TV Codó/Jornal dos Cocais.

Professores de Codó se preparam para a batalha contra o veto de Nagib à lei que lhes garante 60% de R$ 26 milhões

Os professores de Codó obtiveram uma grande vitória no final do ano passado quando a Câmara de Vereadores votou a favor do repasse no patamar de 60% dos recursos dos chamados PRECATÓRIOS DO FUNDEF que chegaram aos cofres da prefeitura de Codó,da ordem de R$ 26 milhões.

Com a aprovação da lei ela deveria ser enviada ao prefeito Francisco Nagib para que sancione ou se negue a sancionar.

Ontem, 23, em entrevista ao programa COISAS DO POVO, da Eldorado AM, com Francisco Lemos, os professores Antonio Celso Moreira, e Marco Antonio da Silva, ambos da diretoria do SINTSERM, afirmaram que houve a constatação de que a lei nunca saiu da Câmara até agora.

A promessa é de que isso só ocorra, ou seja, só seja encaminhada ao chefe do Executivo, após o retorno do recesso parlamentar, marcado para  fevereiro.

E O VETO?

Como existe a possibilidade do prefeito vetar a lei, o radialista Lemos quis saber o que fará o sindicato neste caso. A resposta foi dada por Antonio Celso:

“Independentemente da assinatura do prefeito ou não nós iremos continuar lutando para que esse recurso, realmente, cai nas mãos de quem é merecido, no caso, os professores que tiveram ao longo de, praticamente, uma década um prejuízo imenso com relação à questão do reajuste do recurso do FUNDEF, mas se caso o prefeito não sancione, ele possa vetar,  nós iremos cobrar os vereadores que têm o poder pra quebrar, derrubar  o veto”, garantiu

Comissão Processante conclui PARECER PRÉVIO sobre a cassação de Expedito Carneiro

A COMISSÃO PROCESSANTE que está à frente do caso de cassação do mantado do presidente afastado, Expedito Carneiro, concluiu dia 16 de janeiro o chamado PARECER PRÉVIO.

O documento assinado pelo presidente da Comissão, vereador Milson Sousa da Silva (O Milson da Gabriela), tem 38 páginas e descreve com riqueza de detalhes todas as acusações que pesam contra Carneiro que ainda não foi intimado, oficialmente, para apresentar sua defesa.

A Comissão Processante e o próprio atual presidente Leonel Filho têm repetido nos meios de comunicação que várias vezes já foram à residência de Exepdito intimá-lo, mas nunca o encontram. Há suspeitas de que esteja na zona rural.

O PARECER PRÉVIO, encerra-se da seguinte maneira, optando pela continuidade do processo de cassação por não achar razão par arquivá-lo.

“Assim como o caso está devidamente fundamentado e provado e não necessita de maiores verificações , ESTA COMISSÃO OPINA PELA VALIDADE DOS ATOS ATÉ ENTÃO PRATICADOS E PELO PROSSEGUIMENTOS DA INSTRUÇÃO , já que não encontrou convencimento para o arquivamento do presente feito. É o parecer”

LEIA AQUI O PARECER COMISSÃO PROCESSANTE

Rolamento de bomba hidráulica quebrado deixa dezenas de moradores sem água em Timbiras

Nós estivemos em várias ruas do bairro Mutirão, em Timbiras. Na irmã Matilde, seu Israel Monteiro, aposentado,  estava chateado.

 “É complicado, eu não chamo de cidade…POR QUÊ? Porque uma cidade que não tem água não é cidade…É DIFÍCIL MORAR NUMA CIDADE SEM ÁGUA? É a coisa mais difícil que tem porque sem água ninguém vive”

O motivo da revolta  está em todas as torneiras do bairro.

 Pelo que já constatamos na reportagem  de ontem, 23, e em tantas outras que a gente já fez  em Timbiras a respeito deste assunto, a falta de água no Mutirão é antiga.

Só que desta vez, de forma mais recente, os moradores estão dizendo que há 3 dias não pinga nada da torneira durante o dia.

Na Rua da Paz dona Zumira Monteiro da Silva só tem este tanque pra armazenar o que chega às torneiras, vez por outra,  de madrugada, quando não  suporta esperar até altas horas precisa deixar a casa na manhã seguinte em busca de um lugar  para cozinhar.

 “Aqui muitas vezes eu não faço de comer aqui, as vezes eu vou lá pra casa do meus irmãos, lá ainda vem mais um pouquinho, lá pra baixo…A SENHORA TEM QUE SAIR DE CASA PRA COZINHAR? Pra cozinhar, porque aqui não tem (…) Tem vez que passa 4 ou 5 dias sem eu pegar nem um pingo de água”

Como não está sendo a primeira vez que dona Maria dos Remédios  Nascimento fica 3 dias sem água no Mutirão ela não se conforma com a obrigação de pagar as contas que a CAEMA lhe manda todos os meses.

 “Eu pago água direto, eu pago R$ 50 e cadê a água, isso é muito triste (…) se as pessoas não tomar providências, daqui uns dias as pessoas tão morrendo de sede, além de ser água do rio e ainda não faz nada pelo povo, as torneiras tão tudo seca, quebrando os canos de seco, o que a gente vai fazer?”

NOTA – O escritório da CAEMA em Timbiras informou à nossa reportagem que o que causou a falta de água, desta vez, no Mutirão foi um rolamento da bomba de abastecimento do bairro que quebrou. Mas já foi trocado, agora, disse o escritório,  a população terá que ter paciência para esperar o retorno gradual do fornecimento.

Governo Federal prevê repassar mais de R$ 27 milhões do FUNDEB para Timbiras em 2020

Governo Federal planeja repassar a Prefeitura de Timbiras mais de R$ 27 milhões em 2020 de recursos do FUNDEB

Dados foram apresentados ontem,  quinta-feira, 23, numa assembleia de professores que começaram a cobrar um reajuste salarial de 12,84%.

O prefeito da cidade não compareceu, nem mandou representante. Ele e o secretário de Educação, segundo o núcleo local do SIMPROESEMMA, foram convidados por ofício.

Cadastro para desconto na conta de energia acontece amanhã, sábado (25) em Codó

Neste sábado, dia 25 de janeiro, a Equatorial Maranhão realiza mutirão de cadastro no programa Tarifa Social Baixa Renda para os moradores do bairro São Sebastião, em Codó. A ação acontecerá das 9h às 11h, na sede do Sindicato dos Empregados do Comércio, localizado na Rua Francisco Bernardinho, 1496.

O programa Tarifa Social de Energia Elétrica, criado pelo Governo Federal para famílias de baixa renda, oferece descontos na conta de energia, que podem chegar até 65% em relação à classe residencial normal, dependendo do seu consumo de energia.

Segundo dados levantados pela Equatorial em 2019, mais de 600 mil famílias do Maranhão, que já possuem cadastros nos programas do Governo Federal e atendem a todos os critérios, têm direito também a uma tarifa de energia mais barata. Porém, elas ainda não recebem o benefício, por não terem realizado cadastro junto à Companhia ou apenas atualizá-lo.

“Em 2020, vamos realizar essa primeira ação para buscar essas pessoas que têm direito ao benefício da tarifa social, mas ainda não possuem. A nossa meta é que façamos um bairro por mês”, destacou Rayssa Matos, Supervisora Comercial da Equatorial Maranhão em Codó.

Para fazer o cadastro e conseguir o desconto na conta é necessário que o cliente esteja com os seguintes documentos:

– Documento Oficial com foto (RG, Carteira de Trabalho, Passaporte) e o CPF do titular da Conta

– Conta de energia

– Cópia da folha resumo do cadastro único (número de inscrição social – NIS)

É importante destacar que os descontos variam de acordo com o consumo de energia elétrica da residência, sendo que os locais com menor consumo têm descontos maiores. Um consumo mais elevado pode tirar o cliente da faixa de descontos do programa, o que significa que é importante para a família ter boas práticas de economia para não gastar demais com a energia elétrica.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Energia Maranhão

Varas e Juizados do Maranhão alcançam Meta 1 com mais de 300 mil processos julgados em 2019

Em 2019, a Justiça de 1º Grau do Maranhão alcançou a Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça – CNJ, que prevê o julgamento de quantidade maior de processos de conhecimento do que os distribuídos no ano corrente. O índice de cumprimento da Justiça Comum estadual (1º Grau) alcançou 100,69%, e dos Juizados Especiais 106,85%. Os dados constam de relatório divulgado pela Coordenadoria de Planejamento e Aprimoramento da Justiça de 1º Grau da Corregedoria Geral da Justiça – CGJ/MA.

Os dados de 2019 demonstram o melhor resultado dos últimos cinco anos, representando uma evolução expressiva, com crescimento de 15,02% (1º Grau) e 8,02% (Juizados Especiais) em relação ao mesmo período de 2018.

A Justiça de 1º Grau recebeu, no passado, 202.981 mil novos processos e julgou 242.125 mil ações. A juíza Kariny Reis, coordenadora do planejamento estratégico da CGJ, explica que o número de processos julgados é maior que o volume recebido no ano, ressaltando que os magistrados conseguiram sentenciar muitos processos distribuídos antes de 2019.

“Analisando a série histórica, foi o melhor resultado desde 2014, o que se deve ao esforço empreendido por magistrados e servidores. Nos últimos dois anos, o corregedor-geral, desembargador Marcelo Carvalho Silva, desenvolveu ações estratégicas, acompanhando resultados e apoiando as unidades para a melhoria dos índices de julgamento no Estado, o que efetivamente foi alcançado”, frisa a magistrada.

Os Juizados Especiais receberam 60.466 processos em 2019, e julgaram 60.171 ações. O chefe da Divisão de Estatística da CGJ, Maycon Silva, lembra que o número de julgados foi menor que o de processos recebidos, em razão de duas variáveis que são utilizadas no cálculo.

O servidor pontua que são considerados os processos suspensos e reativados no período, chamados de entradas e saídas. “As ações de empréstimos consignados, que estavam suspensas pelo IRDR, ocasionaram grande fluxo nas entradas e saídas nos Juizados Especiais, mas no resultado final foi julgado 6,85% a mais do que o necessário para o alcance da meta”, finaliza Maycon Silva.

Acesse o Relatório completo divulgado pelo Planejamento Estratégico da CGJ.

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão