VÍDEO – Escola de Lagoinha tem energia elétrica cortada e atinge até o abastecimento dos lavradores via poço artesiano

A Escola Municipal Elvídio Delgado, do povoado Lagoinha, região de Cajazeiras, está sem energia elétrica desde ontem, 12, à tarde quando, segundo um morador que filmou a situação e enviou ao blogdoacelio, a Cemar fez a suspensão do fornecimento, possivelmente, por falta de pagamento da conta que é de responsabilidade da Prefeitura de Codó.

“Não tem água, não tem energia na escola, nessa escola funciona, tem aula todos os dias, tem bebedouro. A zeladora depende da água porque tem a zeladora que faz a merenda e vai depender da água, como que as crianças vão ter a merenda se não tem água”

Além de deixar uma escola sem energia elétrica, prejudicando todos os alunos e o funcionamento de secretaria da Elvídio Delgado, há um fato ainda mais preocupante.

Como a bomba do poço artesiano que abastece toda a comunidade de Lagoinha dependia da energia elétrica da escola agora falta energia na Elvídio Delgado e, por consequência, os lavradores estão sem água potável porque o poço também perdeu sua fonte de energia.

“Só que independente disso o poço artesiano daqui é ligado junto com a luz dessa escola como foi cortada a luz da escola não tá tendo água, como é que as crianças vão beber, o bebedouro tái, mas não tem água. O poço artesiano é ligado aqui”, diz o denunciante no vídeo.

PALAVRAS DO PREFEITO

O blog fez contato com o prefeito Francisco Nagib a respeito. Ele garantiu que o problema já foi resolvido.

“João de Deus fez esta reclamação, pois não tivemos identidade (identificação) a unidade consumidora. A CEMAR cortou a energia e depois já foi restabelecida”, escreveu-nos o prefeito às 23h52 da noite de ontem.

Deixe uma resposta