Antonio Zaidan apoia festejo de São Raimundo Nonato que começa dia 22

Arte: Osmar Jr

A festa do padroeiro São Raimundo Nonato, que acontece de 22 a 31 de agosto, reunindo o povo da cidade pela fé e devoção no santo, este ano esta sendo resgatada pelos moradores e pelo parlamentar Antônio Zaidan e família Buzar.

Segundo o parlamentar, a festa contará com salvas, missas, novenários, caminhadas, show com bandas da região e com a realização de uma apresentação de imagem do Santo no Telão. O vereador disse que está recebendo apoio de toda a comunidade codoense que tem demonstrado neste ano vontade de participar do resgate do festejo a São Raimundo e espera que a festa transcorra com tranqüilidade.

No dia 22 de agosto, abertura da festa será com uma grande procissão nas ruas por onde deve passar a multidão até a praça da igreja matriz.

Programação:

22/08 – procissão, novenas e missas. Show com Chapeuzinho e seus teclados apoio (Antônio Zaidan)

23/08 – Novena e som mecânico apoio (Antônio Zaidan)

24/08 – novena e som mecânico apoio (Antônio Zaidan)

25/08 – novena e Banda Relykia Musical apoio (Antônio Zaidan)

26/08 – Novena e show de Alex Brasil apoio (Antônio Zaidan)

27/08 – Novena e Forrozão Balanço de Menina apoio (Antônio Zaidan)

28/08 – Novena e Banda Toque de Amor apoio (Antônio Zaidan)

29/08 – Novena e Chapeuzinho e seus Teclados apoio (Antônio Zaidan)

30/08 – NOVENA e grande festa com Pizeirão do Forró e Estoradões do Forró . Torneiro de Futebol com premiação de dez grades de cerveja. Apoio (Antônio Zaidan,Francisco Nagib e Biné Figueiredo)

31/08 – Missa campal, batizados e casamentos. Às 17h, procissão e Chapeuzinho e seus Teclados apoio (Antônio Zaidan)

A festa é um dos maiores referenciais religiosa da Região, Ele cita como exemplo os muitos filhos da terra que moram em outras cidades ou estados e que, neste período do ano, têm como meta virem à Codó para reverenciar a São Raimundo Nonato no povoado Saco, e também rever os familiares e amigos.

São Raimundo Nonato é um santo milagroso. Não só depois da sua morte, mas também quando ainda em vida, mostrou o seu poder milagroso, fruto da sua grande fé e esperança em Deus. São numerosíssimos os milagres que a tradição atribui a Pe. Raimundo. Todos eles têm uma caracteristica: o amor do santo para com os mais pobres e sofredores.

Por Osmar Jr

ASCOM/CÂMARA DE CODÓ

8 comentários sobre “Antonio Zaidan apoia festejo de São Raimundo Nonato que começa dia 22”

  1. Bom eu sou catolica praticante,participo dos festejos tanto da minha comunidade qnto de outras comunidades, mais não sou a favor de se misturar festa mundana, com festejos de santos, axo que esse festejo até teria sucesso espiritual se ele fosse realmente feito com uma só intenção: resgatar vidas pra Cristo. E sei que o que esse festejo terá com toda essa programação de novenas e festas de bandas será o fracasso espiritual de muitas pessoas. Então povo de Deus, vamos fazer as coisas pra Deus, pra alegrar a Deus, e não pra alegrar a carne.

    Deus não se alegra nem um pouco com essas iniciativas de ajuda de pessoas que nem se quer sabe que o DIVINO NÃO SE MISTURA COM O PROFANO.

  2. LAMENTAMOS QUE O EMPRESÁRIO FRANCISCO NAGIB E FAMÍLIA ESTEJAM MISTURANDO O FESTEJO DO GLÓRIOSO SÃO RAIMUNDO COM ESSA POLÍTICA SUJA DE CODÓ , NA ÉPOCA EM QUE SEUS FAMÍLIARES (AVÔ NAGIB BUZAR E O TIO NAGIBINHO) PROMOVIAM ESTE EVENTO NÃO ELVOLVIAM ESSES POLÍTICOS OPORTUNISTAS E PARASITAS . SERIA BOM CONVIDAR O ZITO , OS RICARDOS , ANTÔNIO JOAQUIM , ARAÚJO NETO , ZÉ INÁCIO , ZÉ FRANCISCO E OS DEMAIS VEREADORES PARA PARTICIPAREM DESSE EVENTO RELIGIOSO COM INTERESSES POLÍTICO , VOCÊ ESTÁ PISANDO NA BOLA FRANCISCO , REFLITA E UM GRANDE ABRAÇO !

  3. Qual é mesmo o interesse do Antônio Zaidan e do Biné Figueredo apoiarem o festejo de São Raimundo no Povoado Saco , evento este patrocinado pelos empresários Chiquinho e Francisco Nagib , será as eleições de 2012 ?

  4. Infelizmente, em Codó, parece que nada vai pra frente sem a bendita política.

    Por mais religioso e sagrado que seja o festejo de São Raimundo, o profano ‘din-din’ é necessário. E sejamos sinceros, não há empresário que coloque o seu dinheiro em alguma coisa sem esperar nada em troca ( pelo menos eu, não conheço ) ainda mais em época de eleição. Os Prefeitos e vereadores apoiam alguém – Deputados, Presidente etc. – Os empresários apoiam futuros candidatos que hoje apoiam alguém etc. E não tem jeito, sem ajuda política( é suja, eu sei ) o ‘evento morreria’ o que as comunidade religiosas devem fazer é se reunir e de alguma forma bancar todo o custo desses eventos, excluindo assim toda e qualquer participação política.

Deixe um comentário