Fale com Acélio

Apresentadora foi humilhada

A apresentadora, Ieda Martins, do programa Conexão da TV Codó, e seu irmão Diego Martins Costa, universitário federal, registraram na quarta delegacia regional de Codó, dia 18 de junho, às 12h53min, uma queixa de racismo e ameaça de morte contra um cidadão identificado no boletim de ocorrência apenas como Valmir.

O fato, lamentável, segundo narra o boletim, ocorreu numa vaquejada realizada no povoado Morro Branco.

Ela e o irmão vendiam fichas para a corrida (não explica de que), quando o autor do racismo chegou pedindo uma ficha fiado alegando ter feito favores para o organizador do evento, como se em troca merecesse o que pedia.

Diego manifestou-se dizendo que não podia ceder a ficha, pois o organizador nada lhe havia dito a respeito, ou seja, autorizado. Diz o boletim que o homem ‘logo ficou alterado e em seguida jogou sua carteirasobre a mesa dizendo que tinha dinheiro pra comprar aquilo tudo”

O irmão da apresentadora informou então ao homem que a ficha custava apenas R$ 100,00, o que irritou ainda mais o suspeito de prática de racismo. Nesta hora, voltou a jogar a carteira e a bater na mesa por várias vezes. A sequência do relato no boletim traz o momento mais humilhante para Yeda e seu irmão Diego.

“Depois falou para a vítima (Yeda) e seu irmão, em voz alta, que não gostava de fazer negócios com negros, que negro não era para existir na face da terra”, diz o boletim

TENTATIVA DE AGRESSÃO

O homem foi segurado e retirado do lugar por populares, mas retornou segundo denunciou à polícia Yeda e o irmão. Desta vez proferiu palavras dizendo que não iria mata-los ali em consideração ao dono do local.

As vítimas ainda sofreram o que chamaram de deboche por conta do sujeito alterado, pois ele teria perguntado quanto custaria o processo (por racismo e ameaça) para ele pagar logo, pois já tinha cinco processos e que seriam só mais dois.

PROVIDÊNCIAS

A audiência na delegacia já está marcada para a próxima terça-feira. Comparecendo ou não diante do delegado o suspeito, os irmãos já decidiram que vão processá-lo por racismo e ameaça de morte. A dupla já constituiu advogado para o caso.

Eles também vão organizar um protesto de rua para alertar a população sobre a discriminação racial, para isso já comunicaram as Secretarias da Igualdade Racial do município e do Estado do Maranhão das quais poderão ter apoio na caminhada.

A LEI

O crime de ameaça, que está no Código Penal em seu artigo 147, tem pena branda que varia de 1 a seis meses de detenção. Neste caso, o juiz pode substitui-la por qualquer outra sanção que não seja, necessariamente, um tempinho atrás das grades.

Já quanto ao crime de racismo a situação fica um pouco mais complicada. Quando preso em flagrante, o autor NÃO pode sair pagando fiança como em outros crimes, pois é inafiançável. Racismo também não prescreve, o que significa dizer que se daqui a 20 ou 30 anos a vítima quiser processar, processa.

Se o advogado do autor conseguir levar a acusação para o crime de injúria, como ocorre na maioria dos casos, a pena fica leve de novo por causa do artigo 140, parágrafo 3º, isto é, de 1 a seis meses de detenção.

Caso a acusação seja mais cuidadosa, a tipificação vem de outras leis e, se condenado, o autor pode ficar preso até cinco anos, sem prejuízo da indenização pesada por danos morais que tem que pagar para a vítima.

Um comentário sobre “Apresentadora Ieda Martins e seu irmão registram boletim na polícia como vítimas de racismo e ameaça”

Deixe um comentário

PUBLICIDADES

A CONVERSA É COM ACÉLIO TRINDADE

EDITAL

APP RAD MAIS

Dra. Nábia, PEDIATRA

FACULDADE IPEDE

REGIONAL TELECOM

Marque Consulta

FC MOTOS

LOJA PARAISO

PREPARATÓRIO PARA CONCURSO

FARMÁCIA DO TRABALHADOR

PANIFICADORA ALFA

OPTICA AGAPE

SUPERLAR

PHARMAJOY

BRILHO DO SOL

 

CAWEB FIBRA

MUNDO DOS PARAFUSOS

Av. SANTOS DUMONT
CONTATO: (99)98161-3612

PARAÍBA A MODA DA SUA VIDA

Venda de Imóveis Codó-MA

HOSPITAL SÃO PEDRO (HSP)

Óticas HP

CARTÃO NOROESTE

 

 

SEMANA RAD+

 

 

GABRIELA CONSTRUÇÕES

Imprima

Lojas Tropical

Mundo do Real

Cacau Show – Codó-MA

 

Reginaldo

Baronesa Janaína

SÔNIA VARIEDADES

RÁDIOS NET

EAD – Grátis

Categorias