“Eu acho que tá, praticamente, esquecida a zona rural”, diz lavrador que veio à cidade em busca de vacina covid-19 para idoso de 102 anos de idade

As filas estão cada vez mais cheias de quem viajou  vários quilômetros da zona rural pra cidade em busca de vacina contra o Coronavírus.

Seu Antonio Mendes Lima, de 75 anos,  veio de Boa Esperança, região da grande Trizidela,  saindo por volta das 4h da madrugada. Às 10h30min,  de ontem, segunda, quando o entrevistamos,  ainda estava esperando.

 “e é R$ 20 pra vir, R$ 20 pra voltar (…)POR QUE O SENHOR RESOLVEU NÃO ESPERAR LÁ NO POVOADO? Todo dia fala, todo dia fala, vamos logo lá, viemos…SE ESPERAR NÃO VAI? Vai não”, respondeu firme

Até este momento a vacinação só foi a 3 povoados – São Benedito dos Colocados, Santo Antonio dos Pretos e  Cajazeiras, ocorre que toda área territorial tem mais de 530 povoados e vendo a vacina avançar aqui na área urbana muitos lavradores começam a se preocupar.

Foi por esta razão que seu Benedito Barbosa, de 83 anos, pagou R$ 50 para o dono de uma moto lá da região do povoado Rumo  para vir enfrentar a fila na cidade. Ele acredita que pra zona rural a vacina não irá.

 “Vai não, é mais difícil ir…POR QUE O SENHOR ACHA DIFÍCIL? Porque eu não sei, só promessa mas não vai”, frisou

O líder comunitário de Corujão, Manoel Francisco Alves,  esteve na manhã de ontem, segunda-feira, 5,  no local de vacinação para saber quando dois idosos já acamados, um deles com 102 anos de idade, poderão ser vacinados. A resposta não o agradou.

“Falei com o coordenador aqui ele me deu quase nada de explicação (…) “Eu acho  que tá, praticamente, esquecida a zona rural onde tá a maioria dos velhos dos trabalhadores que vivem cansados de trabalhar, a idade avançada, onde necessita de um olhar mais preocupante das autoridades onde eles estão esquecendo, inclusive na minha comunidade tem estes dois velhos que tão precisando demais, um de 102 anos e um de 84 anos, não pode vir, tá precisando”

Enquanto isso, tem  carro como Sebastião Abreu, já transformou a situação dos idosos rurais em fonte de renda. Ele agora passa a semana trazendo pessoa para a vacinação na cidade.

 “Passa pelo Riacho Seco, pelo 17, de lá pra cá, até chega Codó…QUANTO CUSTA PRA CADA PESSOA? R$ 20…VIROU FONTE DE RENDA? Com certeza, com certeza to trazendo o pessoal”, respondeu

Morre aos 70 anos de idade o ex-prefeito de Codó José Inácio vítima de COVID-19

O secretário de saúde de Codó, Dr. Mário Braga, acaba de confirmar ao blogdoacelio, às 9h28min, que morreu, aos 70 anos de idade (data de nascimento 15/07/1950) o ex-prefeito José Inácio Guimarães Rodrigues em decorrência de complicações da COVID-19, no  hospital São Domingos, na capital do Estado.

A morte foi constatada pela equipe médica do hospital, às 6h40min, deste Sábado de Aleluia, 03/04/2021.

Nascido em São Luís, engenheiro de formação, José Inácio, ou o Zé dos Pobres como ficou conhecido a partir de sua campanha política vitoriosa, governou Codó entre 1989 e  1992.

O SEGUNDO

Zé Inácio é o segundo ex-prefeito de Codó a morrer vítima de COVID-19, o primeiro foi Ricardo Archer, no dia 29 de julho de 2020.

NOSSA ENTREVISTA COM DR. MÁRIO BRAGA

Fiscalização decide fechar praças, quadras esportivas e campos para conter contágio do Coronavírus em Codó

Numa reunião realizada na manhã desta terça-feira, 16, liderada pelo Secretário de Governo, Pedro Belo, com representantes dos órgãos de segurança foi discutido sobre como fazer pra acabar com aglomerações em praças esportivas como Praça São Sebastião, Centro Olímpico e PARQUE AMBIENTAL.


As autoridades também preocuparam-se com quadras poliesportivas ainda com atividades E CAMPOS como o do Tiro de Guerra e Parque Eldorado nos fins de tarde.

Levantou-se a ideia de entrar em contato com o Ministério Público para ver uma forma de coibir de maneira mais segura, juridicamente, som automotivo em ambientes residenciais (demanda que ocorre muito em fim de semana,  segundo a PM).

TAVA ESCONDIDO – Prefeito revela que CODÓ notificou mais de 400 casos novos de Coronavírus e em dois meses 15 pessoas morreram

No dia 06 de março de 2021, início da noite, numa reunião do Comitê de Enfrentamento da Crise do Coronavírus, o prefeito da cidade, Dr .Zé Francisco, lendo anotações que lhe foram repassadas pela Secretaria de Saúde que em dois meses, janeiro e fevereiro, o governo CIDADE DE TODOS  notificou 419 novos casos de CORONAVÍRIS e mais 15 mortes.

Perguntei depois ao secretário Mario Braga sobre como o município havia chegado a tais números uma vez que desde que entrou divulgou apenas 2 boletins que repetiram dados divulgados no boletim de 30/12/2020 (o último da era Nagib).


O médico respondeu que foi juntando testes feitos em clínicas particulares e no Hospital Geral Municipal que vinha utilizando testes, doados, em casos suspeitos.

O secretário prometeu entregar ao blogdoacelio entregar o resumo completo dos dois meses alegando que na sexta-feira, 6, ainda passariam por reajustes e atualizações. Também garantiu que fará uma coletiva de imprensa, ainda sem data, para  divulgar tais dados completos e, só a partir, daí reiniciar boletins diários.

ESCONDER FOI ERRADO

LAMENTÁVEL QUE OS DOIS MÉDICOS ESPERARAM O NÚMERO DE CASOS DE MORTES explodir de novo (7 só entre 20 2 25 de fevereiro) PARA REVELAR quão grave já vinha sendo a situação do CORONAVÍRUS EM CODÓ.

Tenho batido na tecla de que é preciso clareza nestes dados para que haja conscientização dos mais afobados, ainda que da maneira mais trágica, ou seja, pelo medo da morte.

Foto deste sábado mostra que governo de Zé Francisco não cumpriu prazo do Centro de Referência COVID-19

Esta foto foi feita às  11h deste sábado.

Prova que o governo CIDADE DE TODOS não cumpriu com a promessa de abrir o centro de referência que prometeu para ontem, sexta-feira, 5.

Ontem, na reunião do Comitê Gestor da Crise do Coronavírus,  anunciou que vai abrir segunda, dia 8.

Quando estiver aberto, o governo garantiu 2 médicos e salas com leitos para observação de pacientes com Covid-19.

Mas atenção, os pacientes primeiro irão procurar o posto de seu bairro, neste o médico  vai envia-lo para o Centro de Referência na rua César Brandão .

Do Centro de Referência, o segundo médico de avaliação vai manda-lo pra casa ou para a Ala Covid-19 do HGM, vai depender do seu estado clínico.

FALTA COMPROMISSO – Mário Braga e Zé Francisco estão transferindo codoenses com Coronavírus e continuam com medidas ‘meia-boca’ dentro de Codó

Dois pacientes  foram transferidos do Hospital Geral Municipal de Codó nesta sexta-feira, 05/03,  em estado grave da COVID-19. Uma para Teresina, de ambulância, e outro, mais grave ainda, para São Luís, segundo o médico para hospital Carlos Macieira.

“O município solicitou um leito por se tratar de uma paciente grave, o caso suspeito de covid-19, a transferência terrestre era uma transferência que envolvia risco para o paciente e foi solicitado o serviço aeromédico”, diz Dr. Daniel que veio no helicóptero.

Aconteceria tudo na surdina se não fosse a curiosidade do repórter Jair Ribeiro que  correu para o estádio ao ver o helicóptero sobrevoando a cidade pela manhã,  pensando ele que cobriria a chegada de mais um lote de vacinas.

Que bom que ele correu pra lá, do contrário provavelmente a população codoense jamais saberia o que está ocorrendo nesta cidade dado à falta de clareza, à falta de informação, graças  à escuridão em que este governo parece querer tratar a segunda onda da COVID-19.

Como a imprensa estava em cima naquela data, sobretudo o blogdoacelio, soubemos que entre 20 e 25 de fevereiro, 7 vidas foram perdidas para o Coronavírus. Somando-se às 93 registradas até 31/12/2020, podemos dizer que já temos 100 mortes causadas por esta terrível doença.

Mas e do dia 25 de fevereiro até 05 de março, o que ocorreu, quantos mais já morreram, quantos já foram transferidos?

É falta de leitos em Codó, dado ao grande número de infectados, competência ou medicamentos na UTI? O que falta?

O governo CIDADE DE TODOS precisa aprender a encarar a nova situação com coragem, sem covardia administrativa se quiser salvar vidas como vem propagando nestes vídeos que solta em rede social.

VEJA  VÍDEO.

CODÓ passou a ter 90 Mortos por CORONAVÍRUS – Veja outros dados atualizados da COVID-19

11 dias depois do anterior, saiu hoje o Boletim Covid-19 de Codó

Em relação ao publicado no último dia 19/10, o de hoje (30/10) tem:

19 INFECTADOS a mais (hoje são 4.274)

32 Recuperados a mais (hoje são 3.817)

14 menos pessoas ainda com o CORONAVÍRUS ativo no corpo (hoje ainda temos 367 codoenses doentes)

1 MORTE A MAIS (agora somam-se 90 mortos por CORONAVÍRUS em CODÓ)

AUMENTOU O NÚMERO DE MORTOS e Veja quantos codoenses ainda estão com CORONAVÍRUS

A secretaria Municipal de Saúde tem divulgado apenas 1 Boletim por semana.  O anterior ao de hoje foi divulgado dia 13 de outubro.

Na semana  passada eram 4.219 INFECTADOS por CORONAVÍRUS. Do dia 13/10 até hoje 19/10, aumentou só em 36 novos infectados.

Na semana passada eram 3.630 recuperados. No Boletim de hoje (19/10) apareceram 155 recuperados a mais.

Na semana passada, ainda existiam 502 codoenses com o vírus no corpo. Hoje são 121 a menos, ou seja, o boletim de hoje (19/10) revela que só  existem 381 pessoas com COVID-19 em Codó.

O número de mortos aumentou de 87 para 89 casos.