Caxias elege dois delegados para Conferência Nacional de Juventude

Pela primeira vez, o município de Caxias vai ter dois representantes na Conferência Nacional, que será realizada em Brasília/DF, entre os próximos dias 16 a 19 de dezembro.

Juntos por Caxias
Juntos por Caxias

As eleições para a escolha dos delegados eleitos foram realizadas por ocasião da 3ª Conferência Estadual de Juventude do Maranhão, coordenada pela Secretaria de Estado Extraordinária de Juventude (Seejuv), que aconteceu no ultimo final de semana, de 28 a 30 de novembro, no Centro Pedagógico Paulo Freire, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luis, onde reuniram cerca de 700 delegados.

Participaram do evento diversos segmentos juvenis do estado do Maranhão, como povos indígenas, quilombolas, pessoas com deficiência, LGBT, bem como movimentos rurais, partidários, estudantis, culturais, religiosos, esportivos e mulheres.

Temática

Com o tema “As várias formas de mudar o Maranhão e o Brasil”, os participantes debateram a respeito de 11 eixos temáticos relacionados ao estatuto da juventude: Direito a Cidadania, à Participação Social e Política e à Representação Juvenil; Educação; Profissionalização, ao Trabalho e à Renda; Diversidade e à Igualdade; Saúde; Cultura; Comunicação e à Liberdade de Expressão; Desporto e ao Lazer; Sustentabilidade e ao Meio Ambiente; Território e à Mobilidade; Segurança Pública e ao Acesso à Justiça.

Para Samille Ozório, coordenadora do Programa Estação Juventude e delegada eleita durante a conferênci.

“é de suma importância para o município de Caxias e para a Região Leste terem representações e direito de voz e voto na Conferência Nacional de Juventude. Pela primeira vez, vamos ter a oportunidade de contribuir para o aprimoramento da Política Nacional de Juventude. Levando os anseios da juventude maranhense ajudaremos a direcionar às políticas públicas nacionais e a garantir os direitos desses jovens como consta no Estatuto da Juventude”.

Participando de uma conferência pela primeira vez, o jovem Jeisson Fernando foi eleito delegado representando a pastoral da juventude.

“A juventude precisa estar atenta às políticas públicas voltadas para ela. No estado democrático de direito, no qual vivemos, precisamos ser valorizados por meio dessas políticas, e as conferências municipais, estaduais e nacionais propiciam essa construção. Representarei a Pastoral da Juventude sim, mas representarei também todos os jovens do nosso querido Maranhão, tendo em vista que a construção dessas políticas está voltada para todos os jovens de modo geral”.

Ascom

Deixe uma resposta