Comandante-geral da PM anuncia compra de armas, coletes e a transformação de Companhias em Batalhões

Comandante-geral da PM em Codó

O coronel Francklin Pacheco, comandante-geral da PM do Maranhão, esteve em Codó na manhã do último sábado, 10, e discursou para uma platéia de policiais e seus familiares, no auditório Nagib Buzar, da Associação Comercial.

Na ocasião homenageava-se militares por mérito operacional e anunciava-se a entrada em reserva de quatro sargentos (3 de Coroatá, 1 de Codó) que completaram 30 anos de serviço. A família do soldado Buriti, também foi lembrada.

O comandante elogiou o comando da Nona Companhia Independente e seus policiais por não terem aderido à recente greve. “Nós temos uma atenção toda especial pela região e vamos continuar tendo’, disse o coronel

ARMAS E COLETES

O discurso, captado pelo blogdoacelio, foi recheado de boas notícias para o meio. Entre elas está o anúncio de reforma das dependências da PM em todo o Estado.

“Agora mesmo, segunda-feira, 12, nós estamos reunindo com todos os comandantes de CTAs, enviando cada um deles para suas respectivas áreas para desenvolvermos um mega projeto de reequipamento da Polícia Militar. Também já há a sinalização, garantida, para medida de construção e reforma de todas as nossas dependências – destacamentos, companhias, companhias independentes batalhões”, disse

Os policiais também receberão um reforço no número de armas e, para a proteção pessoal de cada um, serão adquiridas mais de 3 mil novos coletes, inclusive femininos.

“Estamos recebendo 4 mil pistolas, isso agora de imediato. Hoje nós estamos efetivando a compra de 3.600 coletes para resolvermos de uma vez por todas a questão de nossos coletes (…) e um colete específico para policial feminino”, garantiu

PROMOÇÃO E SALÁRIO

Sobre promoção e melhoria salarial, o coronel apresentou sua fórmula que fez questão de dizer que ‘não é mágica”. Primeiro citou o exemplo de como elas são possíveis.

“Nesse cenário, nós transformamos algumas unidades em batalhões, companhias independentes o que proporcionou mais de 3.800 promoções só a nível de praças”, exemplificou

Agora também será feito assim, com um esforço que não dependerá apenas dele, alertou. A ideia é transformar Companhias Independentes, como a de Codó que inclui Timbiras, Coroatá e Peritoró, em Batalhões.

“Não existe fórmula mágica, a fórmula é criar unidades para gerar vagas para gerar promoções. Então nós estamos com projeto onde nós vamos tentar transformar a 4ª Companhia de Chapadinha, a 5ª de Açailândia, a 9ª de Codó, a 11ª em Batalhões em vez de Companhias Independentes. São projetos, não vai depender, exclusivamente, do comandante, mas haverá todo o meu empenho nesse sentido”, concluiu

AVANÇO PARA XAVIER

O major Jairo Xavier, em entrevista ao blog, afirmou que a transformação é sinônimo de melhoria, pois implica em mais policiais, mais viaturas, e toda a estrutura que demande desta esperada mudança.

Deixe um comentário