Fraudador da Previdência é preso em Caxias pela Polícia Federal

Bando sacava salários maternidade, de R$ 2.488, irregularmente. Golpes aconteciam há dois anos.

Do G1, em São Paulo

A Polícia Federal prendeu, nesta sexta-feira (30), um homem que atuava em uma quadrilha que promovia fraudes contra a Previdência Social em Caxias, no Maranhão. Ele era responsável por organizar a documentação e realizar agendamentos para o saque de salários-maternidade.

Documentos encontrados com o suspeito indicam que apenas nos meses de fevereiro e março 50 benefícios, de R$ 2.488 cada, foram sacados irregularmente.

As investigações tiveram início em novembro de 2011 e resultaram na prisão de seis pessoas na quarta-feira (27). Três falsas beneficiárias foram detidas logo após o saque dos salários maternidade. Também foram presos três intermediários que reuniam as mulheres que realizavam os saques.

Segundo a Polícia Federal, as investigações mostram que a quadrilha era especializada em fraudar o salário maternidade e que agia há dois anos. Há suspeita de que eles aplicavam outros golpes contra o INSS, fraudando outros tipos de benefícios.

De janeiro a março deste ano a delegacia de Caxias prendeu 18 pessoas envolvidas em fraudes contra a previdência social. Eles serão indiciados nos crimes de formação de quadrilha, estelionato previdenciário, falsificação de documentos públicos e uso de documento público falso

Deixe uma resposta