Oposição de Roseana inicia caminhada pelo interior em busca de votos para 2014

Flávio Dino em Imperatriz
Flávio Dino em Imperatriz

A primeira edição do Movimento Diálogos pelo Maranhão aconteceu ontem (15), em Imperatriz. Movimentos sociais, populares, sindicais, civis e religiosos marcaram presença no auditório que no lançamento do projeto.

Flávio Dino, que fechou o encontro após as perguntas e intervenções dos presentes, destacou a necessidade de um modelo de reforma agrária que, além da distribuição de terras, o incentivo à agricultura e ao produtor independente.

Este foi um dos elementos de maior destaque no evento, que discutiu, entre outros temas, apoio à pesquisa no Maranhão, à educação em tempo integral e a interiorização da Universidade Estadual do Maranhão.

O acesso à saúde pública de qualidade e a discussão de dados sobre a Saúde Pública no Maranhão também foram pontos ressaltados por Flávio Dino durante o evento. Os temas debatidos surgiram a partir de perguntas e sugestões feitas por participantes do evento e internautas.

“O Maranhão tem o menor percentual de médicos por habitante do país. Infelizmente, muitos municípios neste momento não possuem médico para atender a sua população. Isto quer dizer que o investimento, além de ser feito na estrutura hospitalar precisa ser feito na formação de mais médicos para atuar em nosso estado,” frisou.

No evento, foi lançado o Manifesto Diálogos pelo Maranhão, com detalhamento do projeto de discussão social do Maranhão a partir de debates promovidos em diversas cidades do estado.

Mudança

Deputados federais e estaduais, prefeitos, vereadores da região tocantina e lideranças comunitárias participaram do debate em torno de propostas reais de superação de antigos problemas do Maranhão.

Rubens Pereira Júnior (PCdoB), líder da oposição ao governo do estado na Assembleia Legislativa, ressaltou a singularidade do projeto, que tem por base a construção de propostas para a construção de um programa de governo a ser apresentado em 2014 a partir de discussões com a população.

Para o deputado Bira do Pindaré (PT), o fato de Imperatriz ter sido escolhida para dar o passo inicial ter sido dado em Imperatriz demonstra o protagonismo da segunda maior cidade do Maranhão no processo de mudança dos quadros sociais do Maranhão. O deputado Carlos Amorim (PDT), um dos representantes da região, relembrou o histórico de participação democrática da região.

“Imperatriz sempre se destacou pela sua independência e, hoje, sendo o marco do início desse projeto inovador de fazer política ouvindo a população, é mais um dia histórico para nossa cidade. Demonstra que mais uma vez temos destaque nos processos de mudança pelo Maranhão,” destacou Amorim.

Projeto

O Movimento Diálogos pelo Maranhão acontece em um momento em que o estado discute projetos que superem os dados sociais com baixo desempenho. A preocupação dos mentores do Movimento é elaborar um projeto de governo baseado em três eixos principais: Igualdade, Democracia e Desenvolvimento.

“É uma tentativa nossa de que o Maranhão fique em movimento. É um movimento em favor do Maranhão. Para que ele saia desse marasmo e que nós mesmos comecemos a discutir o nosso estado, a nossa realidade. É importante que a gente fale, mas é mais importante que a gente ouça,” explicou o vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB).

Segundo Marcelo Tavares (PSB), ex-líder da oposição na Assembleia, percorrer o Maranhão e ampliar o debate em torno dos problemas do estado e apontando soluções viáveis para cada um deles é um gesto de inovação na construção de um plano de governo afinado com as necessidades apontadas pela própria população.

A partir de seminários e debates por todo o Maranhão, as lideranças do movimento querem ouvir da população quais os problemas que afligem cada município. Para Flávio Dino, esta é a melhor maneira de promover o desenvolvimento de todas as regiões do estado: conhecendo seus problemas e, a partir de investimento em suas potencialidades, promover o desenvolvimento de cada município.

O deputado federal Simplício Araújo (PPS) acrescentou que as discussões levantadas durante os seminários serão abordadas durante o exercício dos mandatos parlamentares. “O que apendemos aqui, ouvindo com humildade a população, será levado para a Assembleia e pra Câmara dos Deputados como gerador de trabalho em prol da população,” disse.

O modelo de debates, segundo Flávio Dino, foi pensado a partir de conversa entre lideranças políticas e o líder camponês Manoel da Conceição, que esteve presente durante a apresentação do Movimento. “Ouvindo as experiências de nossos companheiros sabemos as muitas realidades que existem no Maranhão. E é ouvindo que vamos construir um modelo novo de governo, que vire a página do passado.”

Todo o debate foi transmitido ao vivo pelas redes sociais, através de videoconferência pela internet e está disponível no blog do Movimento Diálogos pelo Maranhão. No sábado, Açailândia e Itinga foram visitadas pela caravana dos Diálogos pelo Maranhão.

Por Assessoria do evento

9 comentários sobre “Oposição de Roseana inicia caminhada pelo interior em busca de votos para 2014”

  1. Nós maranhense de Codó temos que dá exemplo,pois nossa cidade e nosso Estado necessita de uma RENOVAÇÃO nas estruturas do serviços públicos e com uma política diferente desta de 50 anos. Precisamos recomeçar o que Dr. Jackson Lago iniciou: Respeito ao povo.

    1. Dr.Jackson Lago quando governador mandou fechar a maternidade Mamãe Neyde aqui em codó a pedido do prefeito na época Biné Figueiredo por perseguição politica ao Dr. Antonio Joaquim, governador fechar hospital por perseguição politica, isso é respeito ao povo?

      1. MARCELO NÃO SE DEVE FALAR DE PESSOAS QUE JÁ NÃO CONVIVE NO MEIO DOS VIVOS,ISSO SIM É UMA FALTA DE RESPEITO.PARABENS FLAVIO DINO VOTEI EM VC NA ELEIÇÃO PASSADA E VOTAREI NOVAMENTE!

  2. MARANHÃO VAI SE LIBERTAR DESSA OLIGARQUIA SUJA DE SARNEYS , QUE MANIPULAM O POVO ATRAVÉS DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DA REDE MIRANTE E USAM DE QUALQUER MEIO PARA ELIMINAR SEUS OPOSITORES.SÃO LUÍS VAI MOSTRAR QUE O FIM DELES É AGORA EM 2014

Deixe um comentário