Polícia prende suspeitos de roubo e tráfico em Codó

Armas e drogas apreendidas

Alessandro Santiago da Silva foi preso de posse desta arma de fabricação caseira com a qual, segundo o delegado regional, Rômulo Vasconcelos, cometeu um assalto dia 22 de fevereiro.

A vítima registrou a ocorrência na delegacia, contou que, sob ameaça, foi obrigada a entregar ao suspeito um celular da empresa para a qual trabalha. Após a prisão, a polícia investigou o passado de Alessandro e constatou que se trata de um homem perigoso.

O Alessandro tem dois portes de arma de fogo e tem um homicídio e ele fez um assalto com esta arma, nós tomamos conhecimento, fizemos o cerco da casa dele (…) ele foi autuado por posse ilegal de arma de fogo, nós arbitramos a fiança, mas a fiança não foi paga ainda, mas ele já tinha dois portes ilegais de arma e tinha um homicídio nas costas”, esclareceu o delegado

Outro homem apresentado a imprensa ontem, 27, é João Teixeira Gomes preso com uma pequena quantidade de crack, após novas diligências a polícia civil encontrou mais drogas e este revólver calibre 38 na casa da irmã dele. Rômulo Vasconcelos tem plena certeza que tudo que foi apreendido pertence à João.

“O João foi autuado por tráfico de drogas e em diligência na casa dele a gente conseguiu apreender mais esta quantidade de crack na casa dele e mais uma arma, então ele só foi autuado inicialmente por este crack (ele mostra) no decorrer do inquérito ele vai ser indiciado pelo por ilegal de arma também”, disse

Deixe uma resposta