RESPOSTA: Zila Moura fala sobre caso dos Caixões e manda empresário Kemuel se informar direito

Arquivo: Zila, dono da Econômica e Ricardo Torres

O blogdoacelio vai ouvir novamente representantes da Prefeitura Municipal de Codó sobre o caso do contrato Nº 20110391, no valor R$ 582.800,00, com a funerária Econômica, o convite já foi feito pelo procurador-geral do município, advogado Ricardo Torres.

Pelo que informou amanhã (8), será dia de uma reunião com vereadores sobre este tema, mas o governo pretende fazer novos esclarecimentos a respeito neste veículo de comunicação. Vale ressaltar que no dia 17 de novembro do ano passado, o blogdoacelio ouviu o governo a respeito (LEIA AQUI)

Já adiantando a defesa, quem fez uso do blog, via comentários na matéria do empresário Kemuel, foi a a coordenadora do programa de Benefícios Eventuais da Secretaria de Assistência Social, Zila Moura.

“KEMUEL ERROU”, DIZ ZILA

A coordenadora começou explicando que Kemuel passou uma informação errada taxando de verba federal a destinada ao contrato com a funerária. Segundo Zila, o programa foi criado pelo Ministério do Desenvolvimento Social, mas cada município o regulamenta de acordo com sua realidade.

“Caros Codoenses, quero dar uma informação que o Sr. Kemuel deu que foi equivocada,nao existe verba federal pra esse atendimento,o mesmo é feito pelo Programa Beneficios Eventuais que é sim um programa criado pelo MDS,porem cada municipio regulamento-o de acordo com sua realidade,e custeia-o,não tem nenhum recurso federal”, argumentou

“NÃO É SÓ PRA CAIXÃO”

Outro argumento que rebate as afirmações de Kemuel é o de que o dinheiro do programa de Benefícios Eventuais do município não é destinado apenas para auxílios funerários, inclui enxovais e até cestas-básicas para pessoas carentes.

“E nao é so auxilios funerais,a verba municipal destinada ao beneficios eventuais é pra atendimento tambem de enxovais cestas básica, passagens,material didáticos,documentos,casos de enchentes,incendios,tudo isso tem que sair dos Beneficios eventuais,e esse programa foi regulamentado em codo em 18/11/2009,e creio que todos os vereadores sabem dessa realidade afinal foi aprovado pela camara municipal”, disse

O DINHEIRO É DO MUNICÍPIO

Ao final Zila Moura reforça o que escreveu acima e pede para que o empresário Kemuel se informe melhor antes de repassar à imprensa informações equivocadas.

“volto a frizar que: existe um programa regulamento no municipio de Codo-Ma(BENEFICIOS EVENTUAIS)Que atende a todas essas necessidades acima citadas,com recurso do GOVERNO MUNICIPAL, Sr Kemuel entre no site da Prefeitura que a lei esta la publicada,nao é segredo pra ninguem,é transparente,procure se informar direitinho antes de dar informações equivocadas,afinal esse programa tem somente ajudado a população de baixa renda do nosso municipio,e voce sabe bem disso afinal ja atendeu pessoas carentes depois que se instalou aqui,e recebeu pelos seus serviços”, concluiu

Deixe uma resposta