TIMBIRAS – Moradores pedem agilidade em ação contra prefeito

A população do município de Timbiras (a 280 quilômetros de São Luís) se diz impaciente com a lentidão no julgamento da ação de improbidade administrativa, ajuizada pelo Ministério Público, por meio do promotor de Justiça Edílson Santana, que tramita na comarca local, faz mais de 17 meses, contra o atual prefeito e outros réus. A informação é do vereador Lázaro dos Santos (PRP), contando ainda que o MP ingressou com a ação em 4 de julho, do ano de 2010.

Segundo o vereador, a ação foi motivada por várias denúncias feitas por membros do Conselho do Fundeb, de representantes da sociedade civil e de vereadores. Todos teriam relatado ao Ministério Público a impossibilidade de acessarem as prestações de conta dos gastos dos recursos recebidos pela Prefeitura, para a gestão da Educação. ‘Requerimentos e depoimentos são utilizados pelo promotor Edílson de Sousa, a fim de embasar a acusão’, revelou Lázaro dos Santos.

O desejo da população de Timbiras, de acordo com Lázaro, é que a Justiça local se manifeste e dê a sentença sobre o pedido do MP daquele município. O vereador afirmou que esse processo é de grande relevância social, pois trata de uma denúncia grave de improbidade contra o prefeito. ‘Queremos fazer um apelo, em nome do povo timbirense, à Justiça local que dê prioridade ao julgamento deste pedido, pois só assim vamos poder acalmar esta ansiedade que nos aflige tanto, até porque num município como o nosso, no qual a população não acredita mais no gestor público, devido ao mesmo ser alvo de várias denúncias, só nos resta mesmo acreditar no braço forte da Justiça’, ressaltou Lázaro.

Fonte: Jornal Pequeno ON LINE

Deixe um comentário