BREJO SECO – Família de lavrador é expulsa por jagunços na base da violência e do terror

Brejo Seco CurióO agricultor, Manoel Luz da Silva, de 52 anos (foto ao lado), é um homem hoje traumatizado, temeroso e indignado com tudo que passou a sofrer nos últimos dois meses.

Curió, como é chamado, vivia tranquilo há 27 anos no povoado Brejo Seco (região do Roncador). No local, nasceram 7 de seus 9 filhos e todos foram criados na localidade. Carrega consigo a prova de seu primeiro pagamento pelo uso da terra datado de 1985 (parte que o lavrador paga ao proprietário por cultivar sua terra).

“Quem deu permissão para eu morar na terra, naquela e época foi um senhor chamado Raimundo Nonato Silva (já falecido)”, lembrou o lavrador

PLANTOU DE TUDO

Cuidou de  valorizar o terreno e tirar dele o sustento. Era um cantinho esquecido onde vivia em paz com seus entes, não há energia elétrica e a  estrada vicinal trafegável para carros, por exemplo, só chegou há dois meses levada pela prefeitura. Foi quando começaram todos os seus problemas porque, até então, o local não despertava interesse em ninguém.

Fogo em casas, galpões destruídos, cadeiras quebradas
Fogo em casas, galpões destruídos, cadeiras quebradas

O atual proprietário, um grande político de Codó, segundo seu Curió, cujo nome preservaremos aqui porque não ainda obtivemos prova documental de que a terra lhe pertença, colocou um de seus capangas e mais 11 homens para forçar-lhe a abandonar a terra sem que nada lhe fosse indenizado, na base do terror pelo que contou quase aos prantos ao blogdoacelio.

A PERSEGUIÇÃO

São quatro edificações na área. Dois galpões e duas casas. A primeira coisa que os jagunços fizeram foi derrubar a parede de uma delas usando uma caçamba. Sobre este fato existe um Boletim de Ocorrência registrado na 4ª Delegacia Regional de Codó no dia 04/ de abril/2013 SOB O NÚMERO 794/2013.

Plantação destruída
Plantação destruída

Uma audiência foi marcada para 8 dias depois, como o proprietário não compareceu a Polícia Civil não fez a menor questão pelo caso e abandonou o lavrador.

Ainda mais irritados com a denúncia na delegacia, dias depois os jagunços voltaram a agir. Desta vez derrubaram todo um galpão que a família de seu Curió, que é evangélica, usava para recepcionar os irmãos na fé e amigos.

TERROR PSICOLÓGICO

Debaixo de um terror psicológico constante, enquanto tentava resistir não saindo da terra, o lavrador passou por momentos humilhantes. Em um deles, colocava lenha num caminhão para vender na cidade quando os capangas chegaram e ordenaram que ele jogasse tudo no chão novamente, pois ali, diziam os sujeitos armados, nada lhe pertencia, e assim foi feito.

Abacaxis morrendo/bicicleta queimada
Abacaxis morrendo/bicicleta queimada

Noutra situação, encontrando material (estacas) perto da casa o chefe dos jagunços distribuiu armas de fogo aos demais que passaram a aponta-las para a casa de morada  onde estavam a esposa do lavrador e as crianças. Enquanto recolhiam o que não lhes pertencia, os capangas diziam “ SAI CURIÓ, QUE EU QUERO DE DEPENAR”. Neste dia, felizmente, ele não estava em casa.

TUDO DESTRUÍDO

Hoje ele não tem nada. Os homens atearam fogo numa das casas, derrubaram todas as outras e ainda estão destruindo tudo que ele plantou na área. Na menos que, catalogados com muito carinho pelo agricultor:

  • Mais 100 pés de Bacurí
  • 100 pés de manga
  • 500 pés de abacaxi
  • Cerca de 5 mil pés de caju

Temendo pela própria vida, o lavrador pediu um caminhão na cidade e foi buscar o que restou, pouca coisa porque os jagunços quebraram cadeiras e até tocaram fogo numa bicicleta, por pura crueldade.

Há 12 dias (completados nesta quinta-feira, 25) seu Curió, que suspeita que foi expulso de forma violenta para que o proprietário venda a terra para plantadores de eucalipto,  está vivendo de favores na casa de um parente na rua Francisco Bernardino, bairro Santa Teresinha. O blog quis saber que perspectiva de vida ele tem já que o forçaram, violentamente, a deixar as terras em que vivia há 27 anos e tudo que lá produziu.

Com lágrimas nos olhos, seu Curió foi bem sucinto. “Não sei, mestre, não sei o que eu vou fazer da minha vida não”, respondeu

30 comentários sobre “BREJO SECO – Família de lavrador é expulsa por jagunços na base da violência e do terror”

  1. MEU POVO PODE TER CERTESA QUE TUDO ISSO Q ACONTECEU E A MANDADO DO SR …… ESSE HOMEM PESSA Q ELE E DONO DE CODO.TA VIRANDO BRINCADEIRA OQ ESSE MOÇO ESTA FAZENDO COM NOSSO POVO.
    CADE O JUDICIARIO QUE NÃO FAZ NADA SOBRE ESSE CASO.

  2. BEM FEITO CAGÃO. ESTÁ COM MEDO DO QUE? DENUCIE, MESMO ESTE CANALHA NÃO SENDO DONO OU SENDO, VC TEM QUE DENUCIAR E FALAR QUE MANDOU FAZER ISSO COM SR. estes capangas devem ter falado o nome deste monstro. e ai a policia vai atrás dele.

    1. Jonas acho que vc nao sabe ler pelo quê eu entendir, a denuncia foi feita a policia civil que nao deu atenção. Queria ver vc no lugar dessa pessoa.

  3. PODE TER CERTEZA QUE DEUS PESARÁ A MAO NESSES VAGABUNDOS, É MAIS FÁCIL UM CAMELO ENTRA NO FUNDO DE UMA AGULHA DO QUE UM RICO ENTRA NO REINO DO CÉU, A JUSTIÇA DO HOMEM FALHA A DE DEUS NAO. O QUE É DELES ESTÁ GRARDADO, POIS AQUI NAO TEM JUSTIÇA POIS SÃO TODOS COMPRADOSPOR ESSE CORRUPTOS. TRISTEZA

  4. Cadê o Ministério Público que não se manifesta?. Diga o nome deste monstro, será que é besouro é rolinha ou o q ?. Diga o nome desse “grande politico” como você citou meu amigo Acélio, para que a população condoense conheça e nunca mais vote nem nele, nem em nenhum membro da familia desse cidadão de coração tão ruim.

  5. No que diz respeito as questões que envolve políticos com ações criminosas nas disputas com moradores de terras, a delegacia de codó sob o comando do delegado regional tem se mostrado omissa na investigação e punição dos ingratores e o amigo blogueiro que acredito ser conhecedor do proprietario ou que tenha meios de identifica-lo nao o cita por medo de represalhas. Fazer o que ne meu amigo

  6. ESTE GOVERNO ….. FAZ MILAGRE………

    QUEM SABE EXPLICAR?

    PRINCIPALMENTE COMO UMA PESSOA TIPO COR BRANCA, OLHOS AZUIS, ALGO PARECIDO CM SALVE JORGE, QUE CHEGOU AKI DE GOLZINHO SIMPLES ATÉ MESMO SEM AR.. E AGORA ANDA TIRANDO ONDE DE PLEYBOY COM RETROSCAVADEIRA, CAÇAMBA, PATROL, HILLUX E SITIO NO RONCADOR.. E AGORA COMPRANDO MAIS UM SITIO NO BAIRRO SÃO FRANCISCO ..
    TUDO ISSO EM 4 ANOS DE SALARIO.. OU SERÁ Q ELE GANHOU NA MEGA.. ENQUANTO ISSO O POVO DE CODÓ MORRENDO D NECESSIDADES.. BEM FEITO QUEM MANDOU VOTAR NO HOMEM…

  7. Esse “Zé Matraca” acima é falso, se apoderou do nickname do meu amigo que morreu em São Luís. Deveria pelo menos respeitar a memória do falecido, e como originalidade não é pra todo mundo, deveria pelo menos fazer um curso de redação.

  8. Conheço este lugar, era um paraíso, digo era,porque depois destas cenas horríveis, lá ficou acabado, perecia um paraíso, um lago de águas cristalinas, sombras dos cajueiros, pessoas simples, seu Curió se sustentava vendendo, carvão, pequí, coisas da terra. Vem um cara dizer que é o todo poderoso se dizendo que é dono de tudo, já está na hora do MP, começar a procurar documentos pra saber se essas terras realmente tem dono.

  9. Bando de irracionais isso sim, nem um ser humano merece o que vocês fizeram com este homem. Mas o que mais me irrita é o fato da covardia e faltar de caráter de vocês mesmo que o homem seja ou não o dono das terras isso não deveria ser feito em minha opinião os únicos a seres punidos aqui são vocês

  10. PARA ISTO EXISTE O CÓDIGO CIVIL LEI 10.406 DE 2002 SEÇÃO I DA USUCAPIÃO ARTIGO 1238 AO ARTIGO 1244. VOCÊ E CONHECEDOR DESTA LEI MEU CARO COLEGA ACELIO TRINDADE.

  11. fica velhaco la no gela, os amigos arruaceira vão embora, bebado. cuidado, caldo e canja de galinha não faz mal a ninguém, a h tua vai xegar, teu já foi.

  12. Pingback: Político de Codó usa capangas para expulsar família de lavradores de povoado

  13. Percebi vários comentários que Deus vai castigar, que Deus tem um propósito, que Deus isso que Deus aquilo, PESSOAL IDIOTA ESTE POVO DE CODÓ, TALVEZ A JUSTIÇA DE DEUS NÃO É A JUSTIÇA DO SR. CURIO, sR. CURIU VOU DAR UM CONSELHO AO SR. O sR. CONHECE A PESSOA? É SÓ ESPERA-LO EM UM CANTO E ………. NESTE FDP E SUMIR PARA O PARA COM SUA FAMILIA, SIMPLES ASSIM. espero te-lo ajudado. Forte abraço. Se quiser posso emprestar …………… pro Sr. não tem como rastrear o projetíl.

  14. TODOS NÓS SABEMOS QUE ESTAS TERRAS ETÉ ENTÃO NÃO TINHA DONO E SE TINHA NÃO HOUVE INTERESSE EM APOSSA-LA, MAS AGORA COM O PROGRESSO O SR. ….JUNTO COM SUS CAPANGAS …..E …. QUE ALIAS SÃO REVEL DE PROCESSO FIZERAM ISSO AO POBRE LAVRADOR. E O ACELIO SABE QUEM É E NÃO QUIS SE COMPROMETER. COISA FEIA EM ACELIO. DIGA O NOME DO CARA RAPAZ, LOCALIDADE RIACHO SECO É DA FAMILIA ……

  15. Pelo que sei as Terras era da Dona MR e hoje pertence a um grande empresário de Codó que comprou. é muito triste e lamentavél ele agir dessa forma muito brusca em torturar as pessoas que a muitos anos moravam nela e que fez muito pela terra, Acelio como vc colocou a materia eu acredito que o Sr Manoel pronuciou o nome do empresário vc que não quiz mencionar.

  16. O SENHOR MANEL TEM QUE IR NO MINISTERIO PUBLICO,PORQUE PA POUCOS TEMPO O CAPANGA DE ….. SAIU DA CADEIA E TÁ NA CONDICIONAL ,ELE NÃO MATOR SEU MANEL PORQUE ELE NÃO SE ENCONTRAVA NO LOCAL,TÁ A HORA DE DR.ROMULO PRENDER ESSE BANDIDO NOVAMENTE,,,,,,,,,,,,

  17. Infelizmente o Sr. Acelio está proporcionando um grande desserviço a população de Codó se omitindo na hora que mais precisamos de informação, jogar o problema no BLOG e ficar a ver as pessoas se degradiando na net. ACELIO VAI TRABALHAR, como vi em outro comentário postado no seu blog.

  18. ninguem ai comentou que as estacas tiradas iriam para o mega industrial né? nem que o proprio mega industrial mandou o Santinho do Sr. Curió com varios capangas e 2 policiais, isso registrado em BO baterem nas pessoas que estavam vigiando a terra pois o Seu Curio nao morava lá a 20 anos, essas terras ja tinham dono e viviam sendo cercados e seu curió roubando o arame, quanto a isso vc nao fala nao é acelio? nem que essa raiva toda é pq seu curió invadia essas terras para cortar a mata e vender lenha para o Sr. seu patrao, nem que o sr curió por diversas vezes tentou invadir essa mata e foi tirado até pelo finado Deda, e que ele nunca morou lá nao é? se seu curió sofreu com essa invasao, cade as fotos dele? essas fotos que estao aí sao de matas e casas recem feitas. Nao tente enganar o povo com suas materias super protetoras Acélio.

    1. É incrível como algumas pessoas tentam explicar o inexplicável, tentando desviar o foco, incluindo pessoas que não tem nada haver com a destruição que fizeram na casa do senhor lá, o Observador passou o dia inteiro pensando no que ia dizer em defesa dessa atrocidade cometida, segundo o blog, por um ex-prefeito, que ninguém aqui imagina quem é… ele manda fazer a m… e depois manda a quem ele paga fazer algo pra tentar limpar… kkkkk. se tem alguém querendo enganar o povo aqui é vc observador, tanto é que já começa a enganação omitindo o seu nome.

  19. Acelio, o nome da localidade é Santa Luzia e o mais agravante nisso tudo ainda está por vim, você postou ai na reportagem que as terras serão vendidas para a plantação de eucalipto, pois bem; próximo da casa do seu Curió, fica uma lagoa que por sinal é uma nascente e lá nasce o riacho roncador e com certeza vai desaparecer. Agora imagina como ficará toda aquela região que é banhada pelo riacho, e os balneários que se localizam ali, quantas famílias irão ficar sem água, por causa do riacho. Fica aqui minha indignação e meu repudio a esses empresários de Codó que só pensam neles e suas riquezas, e o povo, há povo a gente engana nas eleições e pronto, o resto que se f…………………………

  20. o observador é o babão do ….. am porque tú tem tanta raiva do DR. ACELIO,UM CARA PURO HOMEM DE BEM NA SOCIEDADE CODOENSE,INVEJA NÃO MATA MAS DEIXA JENTE COMO AYALA MUITO ZANGADO ,O DR. ACELIO É UM ADVOGADO DE QUALIDADE AMIGO DO POVO DE CODÓ,É TÚ A….. QUAL TUA PROFISSÃO????

  21. Pela “inconstituição” brasileira, é vedado que se exponha o nome ou a foto de menores infratores, latifundiários políticos e,ou de mega-empresários que de alguma forma tenham cunho político. Mas o seu Curió, apezar de ter o codinome de um pássaro de grande valia pelo seu cantar ou por ter tido o desprazer de trocar seu nome pelo de um pássaro, a Justiça está lhe virando as costas, talvez por achar ter ferido a Constituição Brasileira, não por aprisionar o pássaro Curió, mas por ter usado seu nome. Aqui fica minha dúvida por seu Curió em questão, não ter seus direitos diante da Justiça. Tô confuso e sem entender bulufa!!!

  22. EU, ANTONIO CARLOS DA SILVA, SOU SOBRINHO DO SR MANUEL, E ESTOU EM GOIANIA MAS ELE NÃO ESTA SOZINHO NESSA, JÁ QUE O MINISTERIO PUBLICO DO MARANHÃO NÃO TEM CAPACIDADE PARA AGIR, EU RESOLVI PRONUNCIAR AO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL EM GOIANIA, E JA RELATEI NA DENUNCIA O NOME DO SUPOSTO DONO, QUE TODOS TEM MEDO DE FALAR NOS COMENTARIOS. O EX PREFEITO, DIZ QUE NÃO TEM NADA A VER COM O ACONTECIDO. MAS, PORQUE ELE NÃO TOMA NENHUMA ATITUDE??? O () TEM QUE TER ALGUMA REAÇÃO,JÁ QUE ELE NÃO É O MANDANTE DA EXPULÇÃO.A DENUNCIA FOI FEITA EM NOME DELE . POIS O JAGUNÇO É FUNCIONARIO DELE, E SEMPRE QUE ABORDAVA ALGUEM PRONUNCIAVA O NOME DO ( ) ALIAS SR VC MARCOU UMA REUNIÃO COM O SR MANUEL E NÃO CUMPRIU. SUMIU PORQUE?

  23. Manuel esse Raimundo que quer tomar essa terra de volta sua
    Meu vo já se foi em 2013 minha mãe falor que ele tinha muitas terra e tinha por esses lado queria saber como era esse Raimundo pôs os nomes deles são iguais Goiás 62 91114002

Deixe uma resposta