CASO FRANCKNILTON: Falta de delegado em Coroatá atrapalha investigação de desaparecimento de jovem de 27 anos

Uma família moradora da Vila Vavá, rua do Cajueirinho,  cidade de Coroatá, está vivendo um drama. O filho, Francknilton Ribeiro Mourão Mendes,  de 27 anos, saiu na noite do dia 1º de dezembro, por volta de 8h da noite,  e desapareceu.

O pai, Francisco, entrevistado pelo jornalista Antonio Silva, do programa COROATÁ NA TV, afirmou que pelo comportamento de Francknilton é impossível que ele fique tanto tempo sem comunicação sem que algum motivo grave lhe impeça.

Disse que já iniciou uma investigação por conta própria e que está tendo dificuldades porque Coroatá não tem delegado titular respondendo atualmente na delegacia da cidade.

Qualquer informação ZAP 98112-9995. Veja a matéria com o jornalista Antonio Silva, de Coroatá.

Deixe uma resposta