Cordino vence e manda o Santa Quitéria pra 2ª Divisão do Campeonato Maranhense

Foi um jogo onde todos queriam vencer, ontem à tarde em São Mateus, estádio Pinheirão, pra garantir uma vaga no Maranhense ano que vem, mas quem saiu na frente foi o CORDINO com um  gol de TOKIN, camisa 11,  já no final do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Santa Quitéria perdeu dois jogadores, um machucado, outro expulso. Assim viu sua grande área virar local de passeio do adversário. Israel  fez o segundo. Palito o terceiro gol do  CORDINO. PALITO de novo, fez Cordino 4 a zero e Tokin fechou goleada  de 5 a zero.

 “A gente que torna o jogo fácil, do ponto de vista ofensivo se tornou mais fácil porque eles ficaram com dois jogadores a menos, poderia ser um placar mais elástico (…) mas em fim o resultado veio, o importante é que o time tá permanecendo na primeira divisão”, disse o atacante do  Cordino.

SEM APOIO

Sem apoio e até proibido de jogar na própria cidade, o Santa Quitéria que começou mal a temporada e terminou rebaixado.

 “Isso aí vem do longo que a gente vem trabalhando, em meio a tanta dificuldade, campo que a gente treinava não era condição apropriada, e aí a gente vem lutando né, uma equipe guerreira”, avaliou o melhor jogador do Santa Quitéria, o camisa 7 Gleidson, que é de São Luís.

Já o técnico Geisson Mendes achou que faltou qualidade individual pra finalizar as jogadas e autocontrole dos jogadores diante de tantos gols.

 “a equipe se desesperou, no segundo tempo geramos uma expulsão, outro atleta saiu machucado gerou bastante espaço e é o que vocês puderam perceber no segundo tempo”, disse

CORDINO 2020

O Cordino agora vai pensar em reforçar a equipe para o ano que vem, escapou do rebaixamento no último jogo e isso nem a alegria que isso proporcionou apaga.

“Então a gente apostar nesses meninos também e reforçar, contratar mais um cinco ou seis pra poder encaixar nessa equipe que, como diz na gíria do futebol, pegou liga, infelizmente o campeonato maranhense acaba em 7 partidas pra quem fica pra trás”, garantiu o técnico Marlon Cutrim

Deixe uma resposta