Ideia de projeto de lei sugere multa de até R$ 600 pra quem queimar lixo na porta em Codó

Em Codó, é hábito queimar lixo  na rua, perto de casa. As vezes até dentro do lixeiro como flagramos na avenida 1º de Maio, próximo ao Carvalho Mercadão.

 Quem faz isso justifica-se dizendo que é uma forma de diminuir  o acúmulo de maneira mais rápida, mesmo tendo coleta da prefeitura passando com regularidade.

O Corpo de Bombeiros, recém-chegado ao município (1 ano apenas), já notou que esta prática causa alguns transtornos.

A fumaça está entre as reclamações que chegam a 15ª Companhia Independente. Por iniciativa contra isso, o Corpo de Bombeiros resolveu provocar os vereadores da cidade para criarem uma lei.

O comandante, capitão Wilson Belo,  explicou-nos que a ideia, antes de tudo, é implantar a chamada REDE PREVENTIVA DE QUEIMADAS que vai unir membros da sociedade civil organizada e autoridades, entre as quais, membros do Ministério Público, especificamente da Promotoria do Meio Ambiente.

Mas existe um ponto polêmico na ideia que já foi entregue à Câmara por meio de um exemplar de lei, a multa para quem fizer alguma queimada em casa.

 “São afetadas, sãos pessoas em estado de vulnerabilidade em saúde, e o impacto é muito grave por exemplo mulheres grávidas, idosos, bebezinhos (…) a Câmara vereadores vai estudar uma forma e esta é a sugestão tentar que os vereadores estudem uma forma de como é que se pode multar e responsabilizar essas pessoas que fazem queimadas tanto na zona urbana quanto na zona rural”, justificou o capitão.

O TEXTO EXEMPLO E AS MULTAS

O texto que poderá servir de exemplo para que os vereadores elaborem a nova lei diz que a multa para quem queima lixo no quintal é de R$ 100, já na rua, na porta da casa é R$ 150 e a multa se torna mais pesada para quem é empresário, por exemplo e faz isso no seu estabelecimento comercial.

Nós ouvimos o presidente da Câmara, Expedito Carneiro,  a respeito.

Disse que recebeu a sugestão, ouviu o representante do Corpo de Bombeiros, mas já nos deixou claro uma rejeição inicial da ideia por causa das multas, é que entre os políticos mexer no bolso do cidadão nunca é uma proposta viável de maneira imediata, sobretudo quando as eleições se aproximam.

 “R$ 150 já aumentar porque é via publica, tá lá no projeto, e pro empresário já aumenta R$ 300 e R$ 600 na via pública, então nós temos que analisar bastante esse projeto, a gente ver que é um projeto importante mas também que irá causa prejuízo para o bolso dos codoenses, então nós temos que analisar, por isso  que a gente propôs reunir com todos os vereadores e também com o capitão Belo e também chamar a sociedade de Codó para que também possa participar dessa discussão”, disse

O Corpo de Bombeiros terá como principal entrave para fazer a ideia virar lei municipal o próprio medo de cada vereador de se queimar com os eleitores.

10 comentários sobre “Ideia de projeto de lei sugere multa de até R$ 600 pra quem queimar lixo na porta em Codó”

  1. Este problema de lixo na rua, sou testemunha da coleta diária dos caminhões pelas ruas.
    Acontece , que a população e mal educada e obedece os horários da passagem dos veículos.
    A QUI LANÇO UM DESAFIO AOS RESPONSÁVEIS PELA COLETA DE LIXO E PELOS FISCAIS DO SETOR.
    SEI QUE EXISTEM VÁRIOS LIXÕES ESPALHADOS PELA CIDADE, MASZ EXISTE UM DE DÉCADAS QUE NENHUM GESTOR CONSEGUIU ACABAR. TRATRA-SE DO LOCALIZADO NO CANTO DO CEMITÉFRIO ONDE LÁ É JOGADO TODO TIPO DE LIXO.
    É UM LIXEITO CONTAMINANTE E EXISTE DÉCADAS.
    VAMOS VER SE APARECE UM HERÓI PARA EXTERMINAR DE VEZ COM AQUELA IMUNDICE.
    O RICARDO, QUANDO DEIXOU A PREFEITURA, NÃO SEI PORQUE RAZÃO , DEIXOU AQUELAS PASSGEM PELO LADO KNTRANSPONÍVEL. DIGO ISTO PORQUE FUI A PÉ FAZER UMA VISITA E TIVE QUE DAR A VOLTA LÁ PELA ANTIGA USINA DO J.MEDEIROS.
    VAMOS AGUARDAR.

  2. Observando essa matéria, vieram a mim uns pensamentos vamos lá:

    multa pra quem queimar lixo:
    alguém vai ser beneficiado, quem? Uma empresa de sacos de lixo que faz questão de centavos para aumentarem ainda mais seus lucros!!

    prefeitura encheu a cidade de quebra-molas:
    Quem vai ser beneficiado, quem? Uma empresa que vende combustível, que faz questão de centavos para aumentarem ainda mais seus lucros
    Industria de cloro em Codó:
    alguém vai ser beneficiado, quem? Uma empresa que fabrica produtos de limpeza, que faz questão de centavos para aumentarem ainda mais seus lucros!

    Acho que eu estou louco deve ser se coincidência!!!

  3. É interessante. O Corpo de Bombeiros vai ficar com menos trabalho. O cidadão humilde que mora na cidade( a maioria é agricultor e sobrevive do campo) e o da zona rural serão penalizados.
    É uma boa punição senhores vereadores, que vai cair sobre os mais pobres e fracos e que em sua maioria queimam por costumes vindos dos seus ancestrais.

    Deveria o nobre comandante do Corpo de Bombeiros buscar os vereadores e prefeitura para uma campanha de educação e não punição.

  4. Vejo isso com avanço, espero muito que os vereadores não venham pensar no bolso da população, pois esse ato de atear fogo, é algo prejudicial ao meio ambiente e para nós seres humanos, fumaça causa incomodo, é muita das vezes uma falta de educação de muitos moradores, precisa urgente ser aprovado uma lei dessa em Codó.

  5. Gostei muito desse projeto, agora, vereadores querer não aprovar esta ideia…ai sim que vão se sujar com a população que são maioria na defesa desta lei…tem sim que aprovar,pois aqui no residencial Sta Rita oque mais tem havido nos últimos termpos são várias queimadas inclusive em horário inadequado como por exemplo : a noite , quando não tem ventilação adequada para dissipar a fumaça fazendo com a mesma fique acumulando por horas e muitos idosos e crianças tem sua saúde prejudicada…
    Peço aos vereadores que reeleiam esta lei e aprovem por favor. …

  6. Eu concordo que a queima de lixo prejudica a saúde do cidadão, no entanto o poder público tem que fazer sua parte. Na cidade de Coroatá existe dois tipos de coleta: sendo a coleta do lixo doméstico e coleta do lixo produzido pelo mato, pelas folhas das árvores, etc., ou seja o cidadão limpa o seu quintal, coloca o lixo na porta de casa, então vem o caminhão e a máquina pra fazer a coleta , os moradores já sabem o dia de colocar o lixo do quintal na rua. O município de Codó deveria seguir o bom exemplo da cidade de Coroatá.

  7. Eu concordo que a queima de lixo prejudica a saúde do cidadão, no entanto o poder público tem que fazer sua parte. Na cidade de Coroatá existe dois tipos de coleta: sendo a coleta do lixo doméstico e coleta do lixo produzido pelo mato, pelas folhas das árvores, etc., ou seja, o cidadão limpa o seu quintal, coloca o lixo na porta de casa, então vem o caminhão e a máquina pra fazer a coleta , os moradores já sabem o dia de colocar o lixo do quintal na rua. O município de Codó deveria seguir o bom exemplo da cidade de Coroatá.

  8. Parabéns aos autores do projeto. Fica impossível respirar na parte da tarde com o ar parado a fumaça não se dispersa e prejudica muita gente.

  9. O projeto é interessante, mas, antes de uma penalidade desse nível, faz se necessário um trabalho de conscientização direcionado à população.
    É importante também deixar claro para o cidadão onde o dinheiro da sua multa será aplicado, porque em Codó isso não é uma prática comum dos gestores.
    Aproveitando o espaço peço aos legisladores de nossa cidade, que criem projetos que visem o bem está dos cidadãos de modo geral.
    O trânsito em CODÓ, não está projetado para os pedestres. Ex: a passagem da lotérica do Seu Riba na direção da Afonso Pena, e vários outros pontos da cidade.
    O incômodo provocado pelos fogos de artifícios (foguete) explodindo nas madrugadas.
    Livre expressão cultural, não é isso.

Deixe uma resposta