Se todos os brincantes votassem em quem apoiou o bloco – quem já estaria eleito?

Francisco Nagib no Cornofolia

Se fosse possível e todos os seguidores de blocos alternativos de Codó votassem nos políticos que a estes apoiaram – considerando o público que cada um teve, quem você acha que já estava eleito?

Francisco Nagib – do Cornofolia. O empresário deu novo gás ao bloco, ao lado de Acy Brandão, tornando sua estrutura mais avantajada e, como já era de se esperar, mais atrativa. Os investimentos fizeram aumentar o público e este ano o bloco, mais uma vez, firmou-se como o mais tradicional da cidade.

Manteve a tradição de percurso com DJ Laévio, mas também inovou colocando a banda Fruta Nativa tocando ao vivo sobre o Trio Caravela.

Zito Rolim

Zito Rolim – do Tsunami. O prefeito declarou na TV Codó que deu apoio total à ideia de sua secretária de administração e às professoras que ficaram a frente do bloco. Isso ficou claro com a estrutura da Prefeitura (trio elétrico, seguranças) a disposição do mais novo bloco da cidade. O retorno desse apoio foi imediato, o Tsunami foi um sucesso de público e, acredito, de venda também, pois deu para pagar uma das bandas mais caras da Bahia, a Chicabana.

Rodrigo e Camilo

Camilo Figueiredo/Rodrigo – Blocos do Mutirão e Vereda. Camilo Figueiredo e o filho Rodrigo, com Iêdo Barros, apoiaram blocos do bairro São Francisco. Eles foram vistos brincando na união de blocos Ressaka, Multi Folia e Os 100 Vergonha. Na mesma turma foi visto o secretário-adjunto de Meio Ambiente, Ferdinando Junior, comandando o bicho Papão.

Considerando o público presente em cada um, quem já estaria eleito, se todos os brincantes votassem apenas no apoiador?

Deixe uma resposta