Assista ao documentário especial ‘TERREIROS CIGANOS’

Pouquíssimo se sabe sobre a prática da Umbanda e do Candomblé pelas comunidades ciganas no Brasil.

A maioria absoluta dos estudos que se fez e se faz sobre esta manifestação religiosa dão conta do sincretismo da cultura africana com a religiosidade católica e das raízes africanas: na língua, no gestual, na música e na culinária.

O elemento cigano fica restrito a algumas características de certas entidades que são incorporadas durante alguns ritos.

Mas aqueles que já tiveram a oportunidade de acompanhar uma cerimônia em um terreiro cigano percebem claramente um conjunto de elementos diferenciadores, que acrescentam um vigor e um interesse culturais que apontam para uma riqueza insuspeitada surgida justamente da interação entre diferentes visões de mundo que é, ao mesmo tempo mística e estética.

Por Lyara Apostólico

Deixe uma resposta