Base aliada prepara início da pré-campanha de Lobão Filho ao Governo do Estado

Edinho Lobão
Edinho Lobão

Um dia após a oficialização da retirada da pré-candidatura a governador do ex-secretário de Infraestrutura Luis Fernando Silva (PMDB), a base aliada ao Governo do Estado já trabalha pela oficialização da indicação do suplente de senador Edison Lobão Filho (PMDB).

O novo pré-candidato peemedista ainda está em São Paulo, onde se recupera de duas cirurgias a que se submetera em apenas uma semana. Ele deve chegar hoje a São Luís para finalizar os acertos com aliados que culminarão com a confirmação do seu nome como representante do grupo na eleição deste ano.

Na capital maranhense, o presidente do Diretório Estadual do PMDB, senador João Alberto, fala com otimismo sobre as perspectivas para o pleito de outubro. “Vamos fazer um grande ato para o senador Lobão Filho, mostrando toda a força política do nosso grupo, que está mais unido do que nunca para a eleição deste ano. Não tenho dúvidas de que venceremos as eleições com Lobão Filho, como venceríamos com Luis Fernando”, disse.

A O Estado, Lobão Filho declarou que aceitou o convite do PMDB como um “novo desafio”. Ele ponderou que sua participação na eleição para o Governo do Estado deve “sacrificar” a família, mas ressaltou que não poderia recusar ao chamado dos aliados.

“Minha eleição para o Senado seria mais tranquila. Uma eleição para o governo, além de uma missão mais difícil, sei que vai sacrificar a minha família, mas eu não tenho como fugir de um chamado desse”, reiterou, destacando que espera contar com o apoio de Luis Fernando durante toda a campanha.

“O Luis Fernando é um dos melhores quadros do nosso grupo atualmente, isso é inegável. Portanto, ele será fundamental nessa nossa caminhada, eu vou precisar da ajuda dele, com toda a experiência que ele tem não apenas como gestor competente que é, mas também como político habilidoso”, completou.

Repercussão -Lideranças da base governista na Assembleia Legislativa fizeram avaliação positiva do cenário para o grupo a partir da mudança de nomes . “A escolha de Lobão Filho se deu pela força política que ele demonstrou no momento em que foi lançado e consultado entre as maiores lideranças do nosso grupo. Além disso foi feita uma pesquisa já neste fim de semana, e o nome dele aparece como a opção mais viável que nós temos. Hoje, já não se discute mais nenhum outro nome”, afirmou Roberto Costa.

Para Milhomem, o perfil empreendedor do pré-candidato, aliado à força política do ministro das Minas e Energia, Edison Loibão (PMDB), levarão o grupo à vitória. “O senador Lobão Filho é um empresário forte, que provou que sabe gerir. É filho de um homem que dá sua contribuição ao Maranhão e ao Brasil. Só acredito em vitória”, disse.

Edilázio diz acreditar que a unidade do grupo fará a diferença. “O senador Edison Lobão, o político que já teve a maior votação na história das eleições no Maranhão, apoia essa pré-candidatura. O nosso grupo é muito forte e coeso, trabalhando em prol de uma candidatura, engrossa o caldo”, completou.

Luis Fernando é recebido por Roseana no palácio

O ex-secretário de Estado de Infraestrutura Luis Fernando Silva (PMDB) oficializou ontem, por meio de um comunicado oficial, a desistência da pré-candidatura ao Governo do Estado. Ele foi recebido no Palácio dos Leões pela governadora Roseana Sarney (PMDB).

Na nota, o peemedebista revela que comunicou à governadora que abdicaria da disputa antes da desincompatibilização do cargo que ocupava na Sinfra e antes da confirmação de que ela permaneceria no cargo.

Segundo ele, a decisão foi tomada “após análise da conjuntura política e dos prováveis cenários em que ocorrerá a campanha eleitoral”. “Manifestei a Sua Excelência, antes da data da minha desincompatibilização e do seu anúncio de permanecer ou não à frente do Poder Executivo até 31 de dezembro, a decisão de não concorrer ao pleito, deixando a critério do grupo político o momento adequado para promover a devida substituição”, esclareceu.

Ao agradecer nominalmente à governadora Roseana pelo apoio político e a todo o grupo, ele reafirmou que permanece na base aliada. “Destaco, também, que integro o círculo de amigos pessoais da governadora Roseana Sarney e dos seus familiares. Nesta oportunidade, comunico, também, a decisão de permanecer como integrante do grupo, prestando apoio político ao Governo Roseana Sarney e me mantendo na luta pelo desenvolvimento do Maranhão”, concluiu.

Jornal O ESTADO

2 comentários sobre “Base aliada prepara início da pré-campanha de Lobão Filho ao Governo do Estado”

Deixe uma resposta