Diretoria do SINDSSERM emite nota sobre dinheiro recebido e alfineta governo Zito sobre transparência

Nota publica pelo presidente do SINDSSERM, Rafael Araújo,  em seu blog lutasocialista.blogspot.com:
Prof. Marcos - conselheiro fiscal - apresentando parecer favorável às contas
Prof. Marcos – conselheiro fiscal – apresentando parecer favorável às contas

A respeito da informação repassada pela prefeitura de Codó ao Blog do Acélio publicitando o montante de recursos financeiros dos sócios do SINDSSERM repassados ao sindicato, faz-se necessário tecer as seguintes considerações:

1. O aumento progressivo anual das contribuições dos associados só revela o crescimento da credibilidade do SINDSSERM perante o quadro do funcionalismo público municipal, haja vista que nas duas últimas gestões o número de associados saltou de pouco mais de 50 sócios para mais 600, o que resultou consequentemente no aumento da arrecadação sindical. Desse modo, seria no mínimo estranho a ocorrência desse fenômeno caso não houvesse transparência e retorno da contribuição sindical dos associados;
Após leitura do parecer - assembleia aprova contas
Após leitura do parecer – assembleia aprova contas

2. Ao contrário do governo Zito Rolim que nunca disponibilizou suas contas para consulta popular na Câmara Municipal, conforme manda a Constituição Federal, e que, inclusive chegou a recorrer ao judiciário para ocultá-las, a Direção do SINDSSERM tem feito, no quesito transparência, além do que rege o Estatuto da entidade. As prestações de conta, que segundo o regimento interno, deveriam ser realizadas apenas ao final de cada ano, estão sendo feitas trimestralmente. Os sócios puderam comprovar isso na última assembleia, realizada no dia 30 de agosto, quando foram aprovadas as prestações de conta referentes ao 1º semestre de 2013 e o Parecer do Conselho Fiscal. Também nesta mesma Assembleia foi apresentado documento bancário contendo o atual saldo financeiro da conta bancária do sindicato. Ademais, ao contrário do governo Zito Rolim, os sócios que participam das Assembleias podem atestar que as documentações integrantes das prestações de conta (extratos bancários, pareceres do Conselho Fiscal, notas fiscais e recibos de pagamentos) ficam sempre disponíveis aos associados, dirimindo, desse modo, qualquer possibilidade de malversação dos recursos da entidade;

3. Segundo a informação repassada pela Secretaria de Finanças do governo Zito Rolim ao Blog do Acélio, nos últimos quatro anos e sete meses, a média mensal das contribuições sindicais dos associados aos cofres do SINDSSERM foi de R$ 6.830,43 (R$ 375.673,97 dividido por 55 meses). Ora! para uma entidade que precisa manter a estrutura que o SINDSSERM possui (funcionários, assessoria jurídica e uma sede que sozinha consumiu R$ 160.000,00 das receitas), insinuar que o sindicato está “nadando em dinheiro” soa um disparate desmedido. Ademais, ressalta-se que a constante atividade do sindicato em defesa do funcionalismo público e contra os ataques do governo municipal aos direitos dos trabalhadores também requer a mobilização de recursos financeiros. Prova disso é o ato que está sendo preparado para o dia 27 de setembro, para o qual a Direção do SINDSSERM já disponibilizou cerca de R$ 2.500,00, valor este que agora será elevado para melhor comprovar onde está sendo aplicado os recursos da entidade;

4. Por fim, cabe destacar que o SINDSSERM é uma entidade cuja natureza jurídica é de Direito Privado, o que significa, entre outras, que os recursos da mesma são de interesse única e exclusivamente dos seus associados. Desse modo, o poder público nada tem a ver com os recursos da entidade, pois os mesmos não são oriundos dos cofres públicos, mas sim das contribuições voluntárias dos associados. Tal atitude do governo municipal, que coincidentemente ocorre justamente às vésperas de uma grande mobilização dos servidores públicos, é apenas mais uma parte da campanha sistemática de tentativa de desqualificação da entidade, à qual já estamos acostumados e saberemos adotar as medidas judiciais cabíveis.

Atenciosamente,

A Diretoria

6 comentários sobre “Diretoria do SINDSSERM emite nota sobre dinheiro recebido e alfineta governo Zito sobre transparência”

  1. Aos associados dos SINDSSERM!
    Gostaria de enfatizar que agora, como sócio, quero saber informações detalhadas sobre como o nosso dinheiro está sendo aplicado. A Nota de esclarecimento que foi publicada me deixou com muitas dúvidas:

    1 – Quero saber quantos sócios nós somos, divididos por Secretaria. A nota diz que o número de sócios subiu de 50 para 600;
    2 – Quero que seja publicado a primeira Prestação de Contas que foi aprovada no dia 30 de agosto de 2013;
    3 – Quero saber quem são os funcionários e quanto ganha cada um deles: que seja publicado esses números e quanto custou para construir a sede do Sindicato;
    4 – Como sócio quero saber para onde está indo o dinheiro do associado que contribui mensalmente.

  2. Zito e a secretaria de educação fiquem de olho na professora pois ela é professora mais todos os dias antes das 11 da manhã ela já estra no restaurante dela será se ela esta indo trabalhar na escola cuidado.

  3. Professor Francisco, deixe de ser….. do prefeito. Porque tantas
    perguntas via Internet? Se és sócio e pretendes saber as prestações
    de contas porque não vai até o teu sindicato e verifique pessoalmente?
    Indague tudo e terás as respostas.

  4. FREDERICO,ESTOU QUESTIONANDO VIA INTERNET PORQUE FOI O BLOG DO ACELIO QUEM FEZ A DIVULGAÇÃO . SE O SINDICATO NÃO TEM NADA A TEMER, QUE FAÇA A DIVULGAÇÃO DE FORMA PÚBLICA, AFINAL NÕS SOMOS 600 SÓCIOS E AÍ TODOS FICARIAM INFORMADOS. AH! IA ESQUECENDO, EU NÃO PRECISO PUXAR SACO DE NINGUEM, EU SOU INDEPENDENTE E CONTENTE COM MEU SALÁRIO.NO DIA QUE EU NÃO ESTIVER SATISFEITO COM O MESMO, EU PEÇO PRÁ SAIR.

  5. Olha isto está parecendo aquela estratégia da gravação do Galvão.

    A turma das “verdinhas” não quer derrubar só o prestígio do Sindicato, mas sim desmoralizar e desacreditar e assim tornar a paralisação uma vergonha para os seus dirigentes.

    Pessoal sigam em frente e no dia 27 mostrem que são organizados e Livres.

Deixe um comentário