EDUCAÇÃO ZERO – Escola reformada em junho já está toda ‘lascada’ por pichação

A Escola Neyde Magalhães, praça do Codó Novo,  possui  cerca de 600 alunos, nos três turnos (Ensino Fundamental e EJA).

Entrou em reforma dia 9 de março de 2015, só foi concluída em 9 de junho quando os alunos, que ficaram parados todo este tempo, retornaram à sala de aula. Por conta disso, ficarão sem descanso aos sábados o ano inteiro e também não terão férias  em julho, nem em dezembro.

Todo esse prejuízo não foi o suficiente para que todos da comunidade escolar, envolvida, respeitassem o novo patrimônio.

Passamos ontem, 22, no local e filmamos o estado de pichação da fachada da escola que denuncia, no mínimo,  a falta de zelo  e de respeito com a coisa pública por parte de quem quer que tenha feito, desenhado, escrito palavras de baixo calão e muito mais no muro novo da instituição de ensino municipal. ASSISTA AO VÍDEO.

3 comentários sobre “EDUCAÇÃO ZERO – Escola reformada em junho já está toda ‘lascada’ por pichação”

  1. Então, isto prova, que os mesmos não tem educação de seus familiares. Pois, a escola orineta para os caminhos da vida, vai te direcionar a ser um vencedor; esses falsos alunos terão um fim triste é esperar para ver. A escola reprenta para o filho de pobre e para todos o caminhos das grandes conquistas. Quem bagunça, quem quebra, tem que pagar, e ser preso.

Deixe um comentário