IPEA garante que CODÓ tem uma das menores taxas de assassinatos do NORDESTE

Itapipoca, norte do Ceará, e Codó, leste do Maranhão, são as cidades que possuem as menores taxas de homicídios da região Nordeste, entre os municípios com mais de 100 mil habitantes. Os dados são do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e foram divulgados nesta segunda-feira (5), como parte de um novo levantamento do Atlas da Violência.

O estudo foi feito para medir o nível de violência nas cidades médias e grandes do país. Ao todo, foram 310 municípios analisados. De acordo com o Ipea, Codó registrou 23,2 homicídios para cada 100 mil habitantes. Foram 28 assassinatos em 2017 na cidade maranhense de 120 mil moradores.

14 mortes foram registradas em Itapipoca em 2017, a média foi de 11,1 para cada 100 mil habitantes.

Violência no Brasil

A cidade mais violenta do Brasil em 2017 foi Maracanaú, no Ceará, com 145,7 homicídios para cada 100 mil habitantes. No ano do estudo, 308 pessoas foram assassinadas na cidade, que fica na região metropolitana de Fortaleza e tem 224 mil habitantes.

A capital cearense foi a cidade que teve o maior número absoluto de homicídios em 2017, com 2.145 casos, superando até mesmo as cidades populosas do país. O Rio de Janeiro, que tem mais que o dobro de habitantes de Fortaleza, teve 1.850 assassinatos, e São Paulo, que tem uma população quatro vezes maior, teve 1.011 – menos que a metade.

Deixe um comentário