Resultados de ações do planejamento estratégico do TJMA são apresentados em reunião

Os resultados do segundo trimestre de 2016 para cumprimento das metas do Planejamento Estratégico 2016-2020 do Tribunal de Justiça do Maranhão foram apresentados na sexta-feira (12), na segunda Reunião de Avaliação da Estratégia (RAE).

A abertura da reunião – realizada no auditório da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA) – foi feita pelo presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Cleones Cunha, que agradeceu a presença da equipe de diretores, assessores e magistrados. O presidente da AMMA, juiz Gervásio Santos, também elogiou a iniciativa, lembrando que magistrados indicados pela associação estão acompanhando as ações, com o objetivo de contribuir para a construção de mecanismos para alcançar as metas com sucesso.

A Reunião de Avaliação da Estratégia faz parte dos procedimentos de desenvolvimento do Planejamento Estratégico do TJMA, comandado pela juíza Sônia Amaral. Sua realização está determinada na Resolução nº 70/2009 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

“Planejar o Judiciário nós já fizemos. Mas só isso não é suficiente. Precisamos executar o que planejamos. É nesse momento que se acompanha se o que foi pensado está sendo executado e reavaliamos o que deve ser alterado”, comentou a juíza Sônia Amaral, lembrando que assim como a instituição e a sociedade são dinâmicas, o planejamento também é.

“Trabalhamos com uma perspectiva de cinco anos, mas lá na frente se o cenário for outro e precisar de alteração no planejamento, isso deve ser feito. A identificação dessas possíveis mudanças é na RAE”, completou.

Ao longo de toda a manhã da sexta-feira, representantes de cada setor apresentaram seus dados alcançados nos últimos três meses de trabalho com base nas metas previstas no planejamento. Foram relatadas as conquistas, as dificuldades e as ações previstas para os próximos meses.

“A realização das reuniões periódicas nos permite evoluir nos programas e metas, sem perder o foco, evitando paralisar em determinado resultado, prejudicando o planejamento como um todo. Com acompanhamento, seguimos com novas ações e identificamos o que é necessário focar”, avalia a diretora-geral do TJMA, juíza Isabella Lago, a primeira a apresentar os dados.

Além da Diretoria Geral, foram apresentados dados da Diretoria Financeira, Administrativa, Recursos Humanos, Judiciária, Controle Interno, Engenharia, Informática, Segurança Institucional, Assessoria de Comunicação, Corregedoria Geral da Justiça, Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Núcleo Socioambiental.

Para o juiz André Bogéa, um dos magistrados que acompanha o desenvolvimento do planejamento estratégico pela AMMA, a participação dos juízes traz um olhar diferenciado. “Trazemos o olhar do juiz para quem está trabalhando nesse planejamento, o que promove uma busca por resultados mais efetivos, pois fazemos uma interlocução bastante proveitosa”, comentou.

Mais duas reuniões de Avaliação da Estratégia estão previstas para ocorrer no ano de 2016, completando as quatro reuniões anuais trimestrais.

Assessoria de Comunicação do TJMA

Deixe um comentário