REVIRAVOLTA: Tribunal de Justiça do Maranhão permite e prefeito Nagib manda contratar cerca de 600 professores do seletivo de 2020

O prefeito Francisco Nagib anunciou há pouco na FCFM, programa Cidade Notícias, com Alberto Barros, que o TJMA deu ganho de causa ao município de Codó na ação de autoria do vereador Júnior Oliveira que havia conseguido uma liminar suspendendo o seletivo simplificado feito este ano.

Até esta decisão de ontem, 04, o prefeito afirmava na imprensa que já tinha descontratado os seletivados que entraram em 2017 (que receberam 10 dias de pagamento referente ao mês de maio) e não podia chamar os aprovados no seletivo de 2020.

Hoje pela manhã (04/06), mandou, ao vivo, que a secretária de Educação, professora Fátima, formalize a contratação imediata dos aprovados pelo seletivo simplificado (deste ano) e os coloque para trabalhar nas aulas remotas que a prefeitura está tentando implantar.

Alberto Barros indagou se eram em torno de 600 professores, professora Fátima não o contestou, respondeu apenas que ‘sim’ são em torno de 600 a serem chamados imediatamente.

LEIA A ÍNTEGRA DA NOTA DECISÃO DO TJMA NO CASO DOS  PROFESSORES Decisão TJMA professores

4 comentários sobre “REVIRAVOLTA: Tribunal de Justiça do Maranhão permite e prefeito Nagib manda contratar cerca de 600 professores do seletivo de 2020”

  1. Contratar professores agora, se ganhasse as eleições, demitiria todos em janeiro de 2021.
    Nagib já enganou o codoense uma vez e cair nesse golpe de novo é burrice.

  2. Prefeito pague um salário digno a essa classe de profissionais que é fundamental para que Codó possa desenvolver uma educação pública de boa qualidade.

Deixe um comentário