Roberto Rocha prestigia festa de 120 anos de Codó e recebe título de Cidadão Codoense

O senador Roberto Rocha participou, neste sábado,17, de uma vasta programação em comemoração aos 120 anos do município de Codó, ocasião em que recebeu o título de Cidadão Codoense, concedido pela Câmara Municipal de Codó, pelos trabalhos já realizados em favor do município.

Roberto Rocha ao lado dos vereadores de Codó
Roberto Rocha ao lado dos vereadores de Codó

 Na companhia do prefeito municipal de Codó Zito Rolim, do deputado estadual Glaubert Cutrim, do assessor de articulação política Clodomir Paz, assim como de várias autoridades da região, Roberto Rocha participou de uma série de inaugurações na zona rural de Codó, que incluiu a reforma e ampliação de uma escola, duas unidades básicas de saúde e um sistema de abastecimento d’água.

Á tarde, o parlamentar recebeu o Título de Cidadão Codoense na Câmara de Vereadores de Codó, pelos recursos já destinados ao município.

Como senador, Roberto Rocha assegurou R$ 2 milhões para aquisição de equipamentos e ampliação da Maternidade de Codó. Também garantiu R$ 2 milhões para aquisição de equipamentos e ampliação do Hospital Geral. Como deputado federal, Roberto Rocha destinou para o Campus da UFMA de Codó R$ 2 milhões para expansão do ensino superior (campo digital), R$ 990 mil para a construção de estradas vicinais e R$ 675 mil para pavimentação de vias urbanas da cidade.Roberto Rocha participou de várias inaugurações

Em discurso, o parlamentar destacou a consideração e respeito pelo povo codoense e garantiu que, em atenção à população do município, vai se empenhar pelo andamento de uma aquisição de sete UB`s para Codó, pedido feito pelo prefeito Zito Rolim, sobre um processo que se encontra em tramitação no governo federal.

Por Celina Mendes

2 comentários sobre “Roberto Rocha prestigia festa de 120 anos de Codó e recebe título de Cidadão Codoense”

  1. Espero que as emendas parlamentares do Senador se concretizem. As do Sr. Glaubert cutrim, a saber: Construção do Mercado das Merendeiras do km 17 e a ponte da Rua Padre Cicero, até agora não sairam do papel.

Deixe uma resposta