Servidores da Prefeitura de Codó amanhecem com CRED VIP bloqueado

Desde ontem, 20, quem tinha CRED VIP por meio da Prefeitura de Codó está recebendo a mensagem de bloqueio do programa criado pelo governo do prefeito Francisco Nagib.

Por meio deste cartão servidores contratados e efetivos podiam fazer compras e os valores eram descontados diretamente da conta do funcionário para pagar a empresa responsável.

Ninguém da Prefeitura se manifestou até agora a respeito do bloqueio que parece ser o fim do programa dado à mudança de governo

8 comentários sobre “Servidores da Prefeitura de Codó amanhecem com CRED VIP bloqueado”

  1. Muita fraqueza não sabe perder os efetivos já esperam essa data pra fazer compras, Nagib não dá e nunca deu um centavo pra servidor não desse cartão o dinheiro é nosso do nossos salários é uma tristeza Nagib deixa de ser vingativo desbloquear os cartões do servidor efetivo

  2. A empresa tá temendo levar um calote. A compra feita no cartão credvip a partir do dia 20/11 é faturada na folha de dezembro que é paga em janeiro. Nessa história toda o maior prejudicado são os funcionários que muito dependem desse instrumento de compra para abastecer a dispensa e botar a panela pra ferver.

  3. Acélio, O Nagib errou e tá agindo com vingança aos servidores municipais e principalmente os Efetivos, podia comprar sim dia 21 de novembro os efetivos e ia ser descontado do salário de Dezembro. Mais ele ainda vai voltar um dia p ser candidato ainda ,e os que votavam nele vai dar o troco,.dor de barriga não dar só uma vez. Já estava queimado e agora tá terminando de se acabar de um vez politicamente.

  4. Dúvidas: foi feito contrato com a empresa? A continuidade tem relação com a vontade do gestor?
    Raciocinem o que depender de renovação de contrato, de pagamento pra continuidade de serviços ele tem o dever de cancelar. Em janeiro é outra administração o próximo gestor é quem vai criar sua forma de administrar, de gerir os recursos do município ele tá certo em não deixar dívidas p o outro. Proteção na Caixa Econômica, cred vip, previdencia, trailer. Ele tá certo. Independente de política.

Deixe uma resposta