TRABALHO – Governo de Zito Rolim já substituiu 31 escolas de taipa por alvenaria na zona rural

Zito trabalha pela educação
Zito trabalha pela educação

Em cinco anos, governo municipal construiu e equipou 80 novas salas de aula no campo, tornado-se o governo que mais contribuiu para reduzir a deficiência de infraestrutura da educação na zona rural

A Prefeitura Municipal de Codó emitiu nota oficial na última semana ao jornalismo do programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão. O conteúdo foi uma resposta sobre reportagem em que mostrava a realidade de escolas em três diferentes estados do nordeste do Brasil.

Uma das unidades de ensino mostrada na reportagem foi a Escola Divina Providência, no povoado Santa Rita do Deusdet, zona rural de Codó. De acordo com o governo municipal, a escola já consta em convênio com o governo do estado para substituição de sua estrutura de taipa por alvenaria.

Das 234 escolas da rede municipal de ensino de Codó, 64 estão em seu perímetro urbano e 170 estão localizadas em sua zona rural. Em 2009, no início da gestão do prefeito Zito Rolim, existiam 111 escolas de taipa na zona rural. Em cinco anos, o governo conseguiu reduzir esse número para 80 escolas. No mesmo período foram construídas 150 novas salas de aula em todo município, sendo 70 na zona urbana e 80 salas na zona rural, o que revela a prioridade do governo dada à educação no campo.

O povo reconhece o trabalho de Zito
O povo reconhece o trabalho de Zito

Municípios brasileiros precisam de apoio para substituir escolas de taipa

De acordo com o Secretário de Governo de Codó, Ricardo Torres, o déficit de escolas de alvenaria no campo é atribuído a uma histórica demanda reprimida e ao volume de despesas para manter toda a educação funcionando.

Que a matéria feita pelo Fantástico sirva de alerta para o Brasil. Pois o problema das escolas de Taipa na zona rural constitui-se em um dos grandes desafios a serem enfrentados e resolvidos conjuntamente pelos governos municipais, estaduais e federal”. Alertou.

81,6% dos recursos do FUNDEB vão para os trabalhadores da educação

O Secretário ainda explicou que o Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB) não contempla solução rápida para substituir, em curto espaço de tempo, todas as escolas precárias por unidades de ensino feitas em alvenaria e com maior estrutura. Em Codó, por exemplo, 81,6 % de todo o recurso do FUNDEB em 2013 foram para a conta dos funcionários da educação, incluindo professores, supervisores escolares, zeladoras, vigias, entre outros servidores, na forma de salários e encargos.

Somando-se ainda as despesas de manutenção das escolas, não há como reformar e construir 80 novas escolas no tempo em que todos desejamos. Daí a necessidade de esforço conjunto para mudar mais rapidamente essa realidade.” Concluiu.

Raphael Fernandes – Ascom/Prefeitura Municipal de Codó

9 comentários sobre “TRABALHO – Governo de Zito Rolim já substituiu 31 escolas de taipa por alvenaria na zona rural”

  1. ZITO JÁ RECEBEU QUASE O DOBRO

    Quanto referiu-se ao governo Cuidando de Nossa Gente reforçou que sozinho Zito, entre 2009 e os primeiros meses de 2014, já recebeu quase o dobro de dois ex-prefeitos, exatamente R$ 263.375.279,36

    “Somando-se tudo, outros repasses, convênios estaduais, convênios federais, merenda escolar, somando-se tudo no Governo do prefeito Zito Codó já recebeu 300 milhões de reais, esse argumento de dizer que isso é herança de governos passados não cabe, é um argumento frágil, o prefeito já está aí há 5 anos, isso é querer se eximir da responsabilidade, querer fugir da responsabilidade, população de Codó não aceita isso, isso é um pretexto infantil, descabido”, revelou

    13 MILHÕES SÓ PARA A MERENDA

    Na opinião do líder da oposição na era para está faltando merenda nas escolas como denunciou o Fantástico no último domingo porque só para esta atividade já são quase 13 milhões de reais destinados á Prefeitura de Codó entre 2009 e o fim de 2013.

    “Só pra merenda escolar Codó recebeu neste período quase 13 milhões de reais, somente pra merenda escolar. Denunciamos aqui, ano passado a falta da merenda. Na reportagem a própria professora, salvo engano dona Rosa o nome dela, disse bem claro que a merenda quando chega, chega de maio à junho. E ante de maio? E depois de junho?”, questionou o neto do ex-prefeito Biné Figueiredo.

    CONTRIBUIÇÃO DE UM LEITOR

    Sobre este assunto um leitor do blogdoacelio postou valores exatos, confira abaixo quanto de Fundeb já entrou na Prefeitura de Codó entre 1997 e 2014:

    CODO:
    1998 – FUNDEF: 7.014.035,58
    1999 – FUNDEF: 8.586.129,56
    2000 – FUNDEF: 9.104.965,53
    2001 – FUNDEF: 10.470.665,22
    2002 – FUNDEF: 11.305.150,80
    2003 – FUNDEF: 11.209.191,64
    2004 – FUNDEF: 13.771.302,26
    2005 – FUNDEF: 14.283.359,87
    2006 – FUNDEF: 15.148.010,35
    2007 – FUNDEF: 625.764,04
    2007 – FUNDEB: 22.995,028,58
    2008 – FUNDEB: 30.573.230,45

    TOTAL GOVERNO ANTERIORES: 155.086.833,88

    2009 – FUNDEB: 36.172.418,08
    2010 – FUNDEB: 38.390.911,89
    2011 – FUNDEB: 54.772.846,92
    2012 – FUNDEB: 57.762.697,00
    2013 – FUNDEB: 60.511.992,79
    2014 – FUNDEB: 15.764.412,68

    GOVERNO ATUAL: 263.375.279,36

  2. ESSAS INFORMAÇÕES NÃO SÃO VERDADEIRAS. MAS, QUERENDO MOSTRAR E DEMONSTRAR O INEXISTENTE, AS COISAS FICARIAM MAIS CONVINCENTES SE O MOÇO, INTITULADO DE “”HOMEM DA EDUCAÇÃO””, COM OS PRÊMIOS, SELOS ETC, FIZESSE AS PRESTAÇÕES DE CONTAS, OBEDECENDO AS LEIS VIGENTES. MAS, O MOÇO, “QUE CUIDA EXCLUSIVAMENTE DA SUA GENTE”, (não é pouca gente)SEMPRE BUSCANDO A PROTEÇÃO DO GOVERNO DO ESTADO, ACIONANDO ADVOGADOS PARA CASSAR AS LIMINARES QUE O OBRIGAVAM FAZER
    AS PRESTAÇÕES DE CONTAS, EXPÔS O SEU MEDO QUE A POPULAÇÃO CONHECESSE ……………. PRATICADAS E CONSTATASSE…………… DOS RECURSOS PÚBLICOS.

    USAREI UMA FRASE DO JORNALISTA ARNALDO JABOR: “”A VERDADE ESTÁ NA CARA, MAS A VERDADE NÃO SE IMPÕE, TAIS SÃO AS MANOBRAS DE PROCRASTINAÇÃO, MOVIDAS POR UM SEM NÚMERO DE AGENTES QUE SE ENFIOU NO GOVERNO, DE CABO A RABO DA MÁQUINA PÚBLICA””.

    E A MERENDA ESCOLAR, PORQUE, COM TANTO DINHEIRO RECEBIDO, NÃO FOI E NÃO É SERVIDA ÀS CRIANÇAS, PRINCIPALMENTE DA ZONA RURAL?? É CULPA DOS GOVERNOS ANTERIORES??

    DEIXANDO O ASSUNTO EM PAUTA, AMANHÃ, DIA 12, ESTAREI ENTRANDO COM MAIS UM REQUERIMENTO, JUNTO À MPE, PARA TER O DIREITO DE CONHECER A PRESTAÇÃO DE CONTAS REFERENTE AO ANO 2013. VAMOS VER SE O PREFEITO VAI RECORRER AO TJ.

  3. Com os recursos que ele já recebeu e ainda recebe, dava pra colocar ar condicionado em todas as salas de aula, fazer uma sala para jogos de raciocínio, comprar material para a prática de esporte, fazer piscinas (qual a escola pública que tem uma aqui?), ter água mineral, lanche de qualidade com frutas, sucos, cereais. Ele tem que ser excelente, perfeito. Tá lá somente para trabalhar pra melhoria de vida, em todos os aspectos, do povo.
    13 milhoões de merenda! Que é isso?! É muito, gente. Acorda Codó. Milhões mal investidos ou sei lá o que.
    Ah, e vai ver a qualidade das escolas que ele construiu na Zona Rural, é o básico do básico do básico do básico. O mais simples possível. O mínimo do mínimo, só pra dizer que não fez nada mesmo. Duvido que tenha conforto, espaço, lanche todo dia, banheiros limpos, quadra…duvido muitíssimo. Sem falar que constroi mas não repara…fica lá até cair os pedaços de novo. Observem.

  4. MATRACA, NÃO ACIONO LINK DE NINGUÉM. UMA SIMPLES OBSERVAÇÃO, NÃO TENHO O INTERESSE DE FAZER COMPARAÇÕES ENTRE BINÉ E ZITO. PORQUE, O QUE INTERESSA SÃO OS MILHÕES DE REAIS QUE ESTÃO ……………….. PELO GRUPO “”QUE CUIDA EXCLUSIVAMENTE DA SUA GENTE””.
    VEJA MATRACA, EU NÃO ESCREVO ANONIMAMENTE E ISSO FAVORECE O PREFEITO PARA INTERPELAR-ME NA JUSTIÇA. PORQUE NÃO FAZ?? SIMPLES, ELE SABE QUE OS MEUS DIZERES SÃO BASEADOS EM DOCUMENTOS EM MEU PODER.
    AGORA, SENHOR MATRACA, QUEM ESTÁ MATRACANDO É O TEU …………. APROVEITE.

Deixe um comentário