TVTRIN: Dr. Tomé fala sobre ato do delegado e diz que vai à Justiça até contra o Ministério Público

Entrevistamos o advogado Tomé Mota sobre as duas mais recentes decisões da Justiça de Codó em relação aos antigos horários de funcionamento de bares e festas vigentes sob orientação do delegado Regional Alcides Martins Nunes Neto.

  • De domingo à quinta-feira, até a meia noite;
  • De sexta à sábado e véspera de feriados até 1h da manhã

O advogado que defendeu os donos de bares falou sobre o que determinou o juiz Rogério Pelegrinni Tognon Rondon, sobre o fato do delegado alegar que está obedecendo agora só a recomendação do Ministério Público e sobre futuras ações ainda sobre este mesmo problema. CONFIRA o vídeo.

14 comentários sobre “TVTRIN: Dr. Tomé fala sobre ato do delegado e diz que vai à Justiça até contra o Ministério Público”

  1. Gostaria mesmo que o advogado, tivesse o mesmo empenho, para o aumento abusivo dos combustíveis em nossa cidade, já que se não me engano, o mesmo está a frente de ações do Procon.

  2. Dr. Tomé Mota, em relação a Gasolina e o Gás de Cozinha, o Senhor não que os preços estão abusivos ? Não existe logística de preços, o MP E PROCON TEM QUE INVESTIGAR O COMÉRCIO EM CODÓ SOBRE A PRÁTICA DE CARTEL.

  3. NOBRE ADVOGADO VOCÊ DEVERIA ERA VER ESSAS LICITAÇÕES DA PREFEITURA DA CÂMARA E DO SAAE POIS AI SIM VOCÊ ESTARIA FAZENDO ALGO BOM POIS SÃO MILHÕES QUE ESTÃO SENDO GASTOS DO BOLSO DOS CODOENSES.E LARGUE O DELEGADO DE MÃO POIS ELE SÓ ESTÁ FAZENDO O BEM PARA NOS TODOS.

  4. Tomé não foi o cara que não acreditava em nada? Continue não acreditando filho, estão te usando para uma causa maior. Pense bem, aqui não é a cidade Tiradentes, no morro disso. Relaxa aqui é Codó.

  5. Existe algum advogado aqui em Codo que trabalhe de graça? !?! Acho que não, é pelo que sei ele não trabalha no Procon para fazer esse tipo de trabalho. ..ele trabalha na OAB e não no ministério público.

  6. Nossa gente…o homem já disse que está contra os horários e sim contra o delegado que quer dar um de coronel e fazer o que quer…Se esse delegado estivesse realmente preocupado com a criminalidade aqui na nossa cidade ele trabalharia como o delegado Rômulo

  7. Essas cobranças deveriam ser feitas aos vereadores, prefeito, Procon, ministério Público e não ao advogado. Ele tá defendendo o trabalho dele…só isso! Se querem que ele faça, contrata ele um.

  8. Advogado Tomé quer realmente fazer algo em favor do cidadão de bem? Aperte os bancos porque não suportamos mais tanto descaso, tanto sofrimento e transtornos.

Deixe um comentário