Vereador que presidirá Comissão de Educação diz que fez Ensino Médio

O vereador Ivaldo Ramos Sousa de Oliveira Junior, o Junior Oliveira, envolveu-se numa polêmica após ter sido eleito presidente da Comissão de Educação da Câmara Municipal de Codó.

Junior Oliveira

O problema é que de acordo com dados do site do Tribunal Superior Eleitoral o parlamentar só tem o ENSINO FUNDAMENTAL COMPLETO.

Em entrevista ao blogdoacelio, Junior disse que sua formação completa é de Ensino Médio, ocorre que ele perdeu o Certificado.

Revelou que o candidato seria um outro membro de sua família, de última hora o indicado não passou no crivo da Justiça Federal e ele foi o escolhido ‘em cima da bucha’ para ir pra luta. Quando foi procurar a documentação, faltava a prova de Ensino Médio.

“Perdi meu certificado (do Ensino Médio) e como já tava tudo em cima eu fiz apenas uma declaração a punho certificando que eu não era analfabeto, mas já tô providenciando a segunda via e eu creio que no máximo de  15 a 20 dias já estou com a segunda via do certificado do Médio em mão….OU SEJA, VOCÊ CONSIDERA QUE TENHA PLENA CAPACIDADE PARA ESTAR À FRENTE DA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO? Com certeza, com certeza eu terei capacidade para conduzir o cargo que me foi dado”, disse

Quando perguntado sobre como fará para conduzir o cargo de presidente da Comissão de EDUCAÇÃO da Câmara, respondeu:

“Rapaz da melhor forma, pra tá renovando e procurado trazer o melhor pra população codoense, melhorar a educação que a gente sabe que não é das melhores, mas eu vou dá o melhor de mim pra proporcionar uma educação de qualidade para todos os codoenses”, concluiu

 

21 comentários sobre “Vereador que presidirá Comissão de Educação diz que fez Ensino Médio”

  1. É lamentável que a pessoa que estará a frente da comissão seja tão despreparada, como o vereador mesmo ressaltou sua candidatura foi um improviso isso revela extremo despreparo para está afrente de um cargo que é tão importante para a melhoria da educação da população codoense.Pelo discurso logo percebe-se que há pouco conhecimento teórico e vou mais além nem conhecimento prático. Desta forma fica bem complicado da educação em Codó melhorar se levarmos em consideração a formação acadêmica do vereador Junior Oliveira, se o mesmo não foi capaz de cuidar nem de seu certificado imagine da educação de inúmeros codoenses.

  2. O povo tem o politico que merece, quem mandou vender o voto. me digam qual o preparo que este rapaz tem para analisar um projeto de lei voltado para a cultura e para a educação. Ele foi eleito para a comissão de educação e cultura é mole ou vocês querem mais? estamos mesmo lascados, aumentou a quantidade de vereadores e perdemos em qualidade tem uma turma ai que é Maria Vai com as outras, verdadeiros vereadores carambolos.Ê Codozao de muro baixo…

  3. BOBAGEM ESSE PELO MENOS É SEMI ANALFABETO. O TIRIRICA TOTALMENTE ANALFABETO FOI FAZER PARTE DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇAO ISTO ESTÁ EM MATÉRIA DE JORNAIS. SERIA ILÓGICO SE OS CODOENSES TIVESSEM ALGUMA CULTURA, MÁS ESTÃO NO MESMO NÍVEL DO VEREADOR.

  4. É realmente o candidato foi eleito, por uma pequena quantidade de votos mais foi isso dar a ele o poder de legislar, no entanto a competência acredito que ta bem longe de JUNIOR OLIVEIRA um incapaz de cuidar de sua própria documentação certamente não será capaz de analisar projeto de lei que venha favorecer a população codoense.

    1. Aquestao de perder documentos não significa q não sobre cuidar acredito q qualquer cidadão pode perder um documento então um médico q perdeu sua carteira do CRM ele não tem capacidade de trabalhar em um hospital

  5. Primeiro tinha apenas ensino fundamental incompleto agora vem com essa que perdeu o certificado?????
    Não entendi a do vereador o que fica claro que ele está no lugar totalmente errado com esse grau de escolaridade ai não dar pra esse garotão nem debater um projeto de lei votar então, a menos que esteja ai apenas para afundar mais a educação em Codó.
    acesse: http://www.gazetadopovo.com.br/vida-publica/eleicoes/2016/guia-candidatos/codo-ma/vereador/junior-oliveira-10888/.

  6. Os comentários acima, poderiam ser proveitosos se realmente a preocupação de quem comentou fosse com CODÓ. Mas pelo conteúdo dos comentários, está bem visível q são pessoas mais despreparadas q o Edil, e querem prejudica-lo por alguma questão pessoal. Vamos aguardar o trabalho do edil e aí sim, saberemos se ele tem ou não capacidade. Acredito q ele não fará pior q os doutores q passaram por lá, titulado de Pastor e dando testada com Exp Carneiro.

  7. Ora bolas, se nos tivemos o saruê como presidente da câmara, porque esse cidadão não pode ser presidente dessa nobre comissão. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. Lamentável é ver Codoenses que não acreditam em seus valores! O rapaz mal foi eleito já é bombardeado por criticas e mais críticas só pelo fato de não exibir o certificado de ensino médio. Então sendo assim vocês concordam que quem tem ensino fundamental não deva ser contratado por qualquer empresa e isso o torna incompetente? Vamos aos fatos: Tiririca foi muito criticado por dizerem que ele era Analfabeto o que foi provado depois que não e ele é considerado um dos melhores deputados federais. Um dos presidentes do Brasil que nem curso superior tinha conseguiu muito mais do que Fernando Henrique Cardoso que tem muitos cursos inclusive superior não conseguiu fazer que foi tirar milhões da linha da pobreza, dando condições de vida e de moradia e tirando do mapa da fome que foi Lula. Então sejamos tolerantes e deixemos o homem trabalhar para só assim dizer se ele tem competência ou não. Se alguém se acha competente o bastante pra essa Comissão candidate-se na próxima eleição. E pra quem não sabe um presidente de comissão vou lhe dar uma dica: Um presidente de comissão apenas dirige os trabalhos ele não decide nada sozinho pra isso existem coisas do Tipo Conselho Municipal de Educação que certamente atuará auxiliando esta comissão direta e indiretamente entre outras áreas e pessoas ligadas á educação.Fica a dica!

Deixe um comentário