VILA BINÉ – Moradora pede casa para deixar de viver ‘como sapo’

A situação de dona Domingas Ferreira da Silva, moradora da Vila Biné, rua 3, quadra 4, não é das melhores. Ano passado a casa foi alagada duas vezes, este ano já foi mais uma. Neste vídeo ela faz suas lamentações e pede a ajuda da Prefeitura de Codó.

“Que me desse ao menos uma casa pra mim sair aqui da lagoa, porque eu não sou sapo”, diz revoltada

4 comentários sobre “VILA BINÉ – Moradora pede casa para deixar de viver ‘como sapo’”

  1. Amigo Acelio, é triste ver isso em nossa cidade, mas o que me revolta é ver esses residenciais com centenas de casas fechadas, simplesmente parque aqueles que ganham sabe lá como, não tem precisão. Tem relatos não sei se é verídico, de pessoas que ganhou mais de uma casa outros que vendem as casas que ganharam ou seja absurdo total. Enquanto isso somos obrigados a ver famílias humildes sofrendo em virtudes das ações daqueles que agem de má fé, conteúdo, gerando as desigualdades sociais.

  2. Acélio vamos fazer um movimento para a PMC junto a caixa econômica e BB fiscalizem as casas dos residenciais. Ainda teem muitas casas fechadas, na minha rua mesmo no residencial da trizidela tem uma casa que ta murada mais o dono nem aparece lá, e essa é apenas uma de várias que existem num residencial que já tem mais de três anos habitado. Só pra tirar o direito de quem realmente quer.

    ATENÇÃO NAGIB VAMOS FISCALIZAR.
    VOCÊ TEM PODER PARA ISSO.

  3. Um monte de vagabundos ganharam as casas, venderam, outros nem lá pisaram, outros venderam e voltaram a morar juntos com os sapos, e uma esculhambação, o povo tbm tem culpa, não ha punição. o MP pode ajudar????, nos ajude.

  4. Boa tarde a todos aqui ficam a minha indignação em ver varias casa fechadas nestes resindecias e gente como esta família como tantas outras precisando de casas, moro no resindecial são Pedro e la vejo tantas casas fechadas na minha rua tem 8 fechadas no fundo da minha casa 4 que nunca vir os moradores la, ai fica a insegurança e os bandidos morando dentro das casas, sendo que o MP, prefeitura, BB, Caixa Economica juntos podem resolver este problema…

Deixe um comentário