119 ANOS DE CODÓ – Eliude Oliveira lembra Dr. José Arias

“Aquela terra com palmeiras que o vento.

Balançava as palhas onde o sabiá.

Cantava triste parecendo um lamento.

De um sofrimento que no peito sempre está.

 

Tenho saudade daquele lugar fagueiro.

Onde vivi muitos anos de alegria e emoção.

Lembrei bastante, pois nunca esqueci

Que este lugar é Codó no Maranhão”.  

Trecho de um poema de autoria do saudoso Dr. José Arias da Silva (advogado) escrito em 1978, lembrado pelo Dr. Eliude Oliveira, para homenagear a nossa cidade pelos seus 119 anos).

Um comentário sobre “119 ANOS DE CODÓ – Eliude Oliveira lembra Dr. José Arias”

Deixe um comentário