Fale com Acélio

Começa a vigorar hoje (1º) a vigorar a proibição de fabricação e comercialização de álcool líquido em todo o Brasil.

Em 2002 a Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA – proibiu a mesma coisa. Os fabricantes entraram na Justiça e conseguiram suspender a determinação. Ano passado a Justiça Federal voltou a discutir o caso e derrubou a suspensão. A nova decisão diz que a partir de 1º de fevereiro a fabricação e a comercialização do álcool líquido está proibida.

É MAIS PERIGOSO

Para proibir e depois enfrentar a briga na Justiça a Anvisa chegou à mesma conclusão que a consumidora codoense Antonia Fernandes Soares – o líquido é mais perigoso.

“Porque esse álcool aqui qualquer chama de fogo ele pode se alastrar, é mais perigoso e esse outro não se a gente virar ele assim ele não derrama, entendeu? Pra criança também, porque tem um monte de mãe que é descuidada, né, deixa tudo jogado”, justificou a recepcionista

Caso a decisão não seja respeitada, o produto deverá ser recolhido pela vigilância sanitária de cada município nos supermercados.

CODOENSES GOSTARAM

Em Codó, a notícia agrada. Jair Ribeiro pensa que as crianças, principalmente, ficarão mais protegidas de acidentes domésticos.

“De certa forma fica até melhor para que os pais tenham mais cuidado, dificulta mais até a criança, num descuido dos pais ingerir essa substância inflamável”, asseverou o radialista

Já a enfermeira Élida Cardoso,  apresentou outras razões para querer encontrar apenas o gel nas prateleiras a partir de 1º de fevereiro.

 “O álcool em gel transmite mais pureza, elimina mais as bactérias da mão e não evapora tão rápido quanto o álcool comum, fixa melhor”, disse

3 comentários sobre “Álcool líquido está proibido e codoenses aprovam medida da Anvisa”

  1. Isso tudo por causa de pessoas inresponsaveis que não sabem utilizar o alcool domestico. Deixam em lugares faceis crianças pega e vão brinca acaba acontecendo acidentes tudo isso por culpa de pessoas burras.

    O governo ta proibindo isso é o mesmo que chama a população de burra que não sabe nem usar alcool e os burros ainda apoiam essa medida.

  2. Quero ver é como é que vai ficar as escolas publicas de codó, que ainda usam o antigo mimiografo á álcool,(aquela antiga manivela da era do atraso) prejudicando as professoras e as crianças e correndo risco de incêndio por que as escolas possuem botijão de gás na cozinha, o que é proibido pela legislação de segurança( corpo de bombeiros)e que muitas escolas ainda são em forma de deposito, só uma porta, pra entrar e para sair.VAMOS COBRAR DAS AUTORIDADES MAIS SEGURANÇA DENTRO DAS ESCOLAS…

Deixe um comentário

PUBLICIDADES

A CONVERSA É COM ACÉLIO TRINDADE

EDITAL

APP RAD MAIS

Dra. Nábia, PEDIATRA

REGIONAL TELECOM

Marque Consulta

FC MOTOS

PREPARATÓRIO PARA CONCURSO

FARMÁCIA DO TRABALHADOR

PANIFICADORA ALFA

OPTICA AGAPE

SUPERLAR

PHARMAJOY

BRILHO DO SOL

 

CAWEB FIBRA

MUNDO DOS PARAFUSOS

Av. SANTOS DUMONT
CONTATO: (99)98161-3612

PARAÍBA A MODA DA SUA VIDA

Venda de Imóveis Codó-MA

HOSPITAL SÃO PEDRO (HSP)

Óticas HP

CARTÃO NOROESTE

 

 

SEMANA RAD+

 

 

GABRIELA CONSTRUÇÕES

Imprima

Lojas Tropical

Mundo do Real

Cacau Show – Codó-MA

 

Reginaldo

Baronesa Janaína

SÔNIA VARIEDADES

RÁDIOS NET

EAD – Grátis

Categorias