Conselho Tutelar realiza palestra para comunidade estudantil no Polo de Educação de Cajazeiras

Conselheiros em Cajazeiras
Conselheiros em Cajazeiras

Aproximadamente 500 pessoas estiveram presentes no ultimo fim de semana no Distrito de Cajazeiras – zona rural de Codó, para palestra realizada pelo Conselho Tutelar. O convite foi feito pelo Polo de Educação do Distrito Cajazeiras à instituição, que estava representada pelos conselheiros Manoel Júnior e Francisca Iracy.

A palestra tratou sobre os temas: Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes; Direitos e Deveres de Crianças/Adolescentes; Responsabilidades da família; Eleição Unificada do Conselho Tutelar entre outros assuntos.

O evento foi realizado pelo Polo de Educação do Distrito de Cajazeiras na Escola Deputado Cesar Pires, que contou com a presença de pais e responsáveis de alunos das diversas localidades, sob a coordenação dos professores Genivaldo e Dilean, e com o apoio de todos os professores das escolas que compõem o polo.

Conselheiros em Cajazeiras
Conselheiros em Cajazeiras

A conselheira tutelar Francisca Iracy, falou da importância de sensibilizar a sociedade no que se referem os tipos de violações dos direitos das crianças e dos adolescentes contido no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), e mobilizar esse público para sua responsabilidade de garantir esses direitos.

“A família é o fundamento e sustentação dos filhos no relacionamento, respeito, afeto e acima de tudo da compreensão e equilíbrio, psíquico e emocional do ser em desenvolvimento”.

De acordo com o Conselheiro Tutelar Manoel Júnior, a mensagem e o esclarecimento de todas as questões abordadas sobre a garantia dos direitos das crianças e adolescentes precisam chegar ao maior numero possível de cidadãos.

“Diante da temática desenvolvida com a comunidade local, foram feitos vários questionamentos e esclarecimentos no que se refere à violência sexual, direitos e deveres dos filhos, como também dos responsáveis para um relacionamento saudável na vida familiar, escolar, comunitária e social,” finalizou Manoel Júnior.
Ascom

Deixe uma resposta