Governador Flávio Dino homologa concurso para professores

O governador Flávio Dino homologou, nesta terça-feira (23), o concurso público para os professores do quadro permanente da Secretaria de Estado da Educação do Maranhão (Seduc). Ele ressaltou a importância da medida para a redução do déficit atual de profissionais e a consequente melhoria nos índices educacionais do Estado, a partir deste incremento na rede estadual de ensino. “Desejo que os novos professores do Maranhão se somem aos demais na busca de uma educação de qualidade para nossos jovens”, disse.

A secretária de Estado da Educação, Áurea Prazeres, destacou que o concurso público para professores é mais uma ação de valorização dos profissionais da educação, com vistas à qualidade do ensino e da aprendizagem dos estudantes. “Importante ressaltar que o certame também possibilita o ingresso de profissionais da educação especial ao Sistema Estadual de Ensino, melhorando, dessa forma, o atendimento às pessoas com deficiência, matriculadas nas nossas escolas”, realçou.

O edital, lançado em novembro de 2015, abriu 1,5 mil vagas com salário-base mensal de R$ 4.985,44 (vencimento mais 104% de Gratificação de Atividade do Magistério), para jornada de 40 horas semanais, o que representa uma remuneração por hora de R$ 32. A remuneração está entre as maiores para a categoria em todo o país.

Aprovados comemoram homologação nas redes sociais

Logo após o governador Flávio Dino anunciar a homologação do concurso público, uma série de mensagens de reconhecimento e elogios, tanto de aprovados quanto de apoiadores da contratação de professores para a rede estadual de ensino, foram divulgadas nas redes sociais. “Parabéns. Sou aprovada em revisor de braile, estudei e, como os outros, passei por mérito”, tuitou Ana Kelly. Sara Silva também usou uma rede social para parabenizar o Governo pela homologação e destacou: “daremos o nosso melhor, pois estamos prontos para somar com a nossa educação do Maranhão”.

Luta histórica

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estaduais e Municipais do Estado do Maranhão (Sinproesemma), Júlio Pinheiro, sublinhou que a abertura do concurso para professores foi fruto de uma luta histórica dos profissionais da educação do estado atendida pelo governador Flávio Dino, pois atende a uma pauta importante do Sindicato, que vê como fundamental a diminuição da contratação temporária na Rede Estadual de Ensino. “Por outro lado, dá à comunidade em geral a oportunidade de ingresso no serviço público, fortalecendo a educação no nosso estado”, explicou Júlio Pinheiro.

Deixe uma resposta