Inaugurada nova Estação Ferroviária Cultural de Codó

Fotos: Nilton Messias
Fotos: Nilton Messias

Na manhã de ontem,  sexta-feira, dia 16 de maio, o município de Codó recebeu mais uma importante obra para sua população. O Complexo Ferroviário do município foi totalmente restaurado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e Ministério da Cultura (MinC) e entregue aos codoenses em inauguração que teve a participação da Governadora Roseana Sarney e do Prefeito de Codó, Zito Rolim.

Também presentes na solenidade estiveram o deputado federal Sétimo Waquim, ex-secretário estadual de Articulação Política  Ricardo Archer Filho, o ex-prefeito de Codó, Ricardo Archer, deputados estaduais Cesar Pires e Carlos Filho e Ricardo Almeida, a Secretária de Estado da Cultura, Olga Simão, o Diretor do PAC Cidades Históricas, Robson de Almeida, Kátia Bogéa, Superintendente do IPHAN-MA, a Presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Jurema Machado, presidentes de Câmaras e vereadores de Codó e cidades circunvizinhas.

Os edifícios da estação ferroviária e do armazém da cidade foram restaurados pelo IPHAN com o objetivo de preservar a memória ferroviária e atender a comunidade da região dos cocais maranhense, com a implantação da sede do Instituto Histórico e Geográfico de Codó na Estação.

De acordo com a Superintendente do IPHAN-MA, Kátia Bogéa, a entrega do complexo restaurado e fruto de uma grande parceria entre o IPHAN, o Governo do Estado do Maranhão e a Prefeitura de Codó.

 “Estamos restaurando este e outros complexos ferroviários em nosso estado e quero agradecer as autoridades, o ministro Gastão Vieira, Diretor do PAC Cidades Históricas e a nossa governadora Roseana Sarney pelo importante resgate da história”.

Presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Jurema Machado, agradeceu a presença e o interesse da população da cidade de Codó, presente na solenidade.

Isso demonstra o quanto a população codoense está interessada em conhecer mais sua história, sua cultura, seu passado em comum. Tivemos a sorte de hoje estar fazendo um dia lindo para presentear essa festa. Agradeçam também o fato de terem uma governadora que ama a cultura de seu estado. Quero aqui agradecer também nossos parceiros da iniciativa privada e a prefeitura de Codó”.

O novo complexo abrigará uma exposição permanente sobre o patrimônio ferroviário, uma biblioteca com acesso a internet, auditório, café e loja de artesanato, onde serão comercializados os produtos artesanais das quebradeiras de cocô babaçu.

No Armazém Ferroviário estará o Memorial do Município, que abrigará exposição sobre o processo histórico de ocupação de Codó, além de espaço para exposições temporárias de artistas locais. A obra de restauração foi realizada com recursos do IPHAN, no valor de R$ 981 mil. A montagem da exposição e compra dos equipamentos tiveram investimentos da ordem de R$ 490 mil, recursos provenientes da compensação ambiental da exploração do gás natural.

A Governadora Roseana Sarney ressaltou a nova vida que a obra trará ao município de Codó.

Estou muito feliz por voltar a Codó tendo a oportunidade de comemorar com a população mais uma obra importante para o município. Gostaria de saudar o prefeito Zito Rolim pela sua contribuição para hoje estarmos entregando essa parte da memória de Codó. A restauração de um prédio é a restauração de história de todos nós”, destacou.

Para o prefeito Zito Rolim, a entrega da obra é um marco para história de Codó e do Maranhão.

Quero agradecer a Deus por ter colocado a frente das instituições responsáveis por essa importante obra pessoas de talento e vontade. Pessoas sensíveis a realidade de nossos municípios e nosso estado, que trabalham para resgatar e preservar nossa história, cultura e memória. Quero agradecer ao total apoio de nossa governadora, Roseana Sarney, para hoje estarmos aqui, junto com o IPHAN e o Instituto Histórico e Geográfico de Codó, para entregar esse espaço tão sonhado por nossa população. Um espaço que guardará a nossa cultura, memória e a nossa história, heranças de valor incalculável para o nosso povo”.

Raphael Fernandes – Ascom/Prefeitura Municipal de Codó    

11 comentários sobre “Inaugurada nova Estação Ferroviária Cultural de Codó”

  1. Que bom ficou muito bonito mesmo , parabéns . só ressalta vendo a maquete de relance ae da antiga fabrica de tecido , que bom se ela tb fosse restaurado .pois pele que sei agora esta nas mãos do governo estatual.vamos correr atras disso ae nê

  2. O trecho abaixo retirado do noticiário sobre a inauguração da nova estação ferroviária cultural de Codó merece correção o seu final, pois ao invés de quebradeiras de cocô deveria está escrito quebradeiras de coco

    O novo complexo abrigará uma exposição permanente sobre o patrimônio ferroviário, uma biblioteca com acesso a internet, auditório, café e loja de artesanato, onde serão comercializados os produtos artesanais das quebradeiras de cocô babaçu.

  3. O Prefeito “cuidando so da gente” não moveu uma única palha sequer por essa obra. A obra de reforma e limpeza e restauração do Prédio foi realizada com Recursos Federais do IPHAN. não entrou um único centavo da Prefeitura.

    O Prefeito “cuidando so da gente” deveria ter coragem para trabalhar e reformar e limpar o Prédio e todas as salas da prefeitura de Codo-MA que estão imundas, sujas e cheias de lixo, pois em 05 anos e 04 meses de mandato, nem isso ele foi capaz de fazer

    1. Você deve ser um frustrado. A obra se deve ao Zito, inclusive marcadas pelas cores do Governo sério e honesto ZITO.

      O que importa é o povo saber e ser conhecedor que ali tem a marca verde e Z de ZITÃO.

      1. JON… tu deixas deixa de ser ….. e ……, você não conhece nada sobre essa administração municipal.

        Vá lá na Prefeitura comandada pelo teu “chefe” e “senhor” e verifique as condições sub-humanas de trabalho de centenas de servidores. Aquilo é sim um absurdo, é um verdadeiro assédio moral no trabalho.

        Se te sentires incomodado com a verdade, mande o teu “chefe” e “senhor, fazer o favor de ter coragem para trabalhar e reformar e limpar o Prédio e todas as salas da prefeitura de Codo-MA que estão imundas, sujas e cheias de lixo, pois em 05 anos e 04 meses de mandato, o msmo não foi capaz de fazer essa pequena obra.

  4. Uma falta de respeito aos responsáveis por concretizar tal empreendimento.
    Não houve participação da Governadora, muito menos do prefeito. Não deixaram os responsáveis (presidente e diretores) usarem o microfone. O que fizeram foi uma usurpação do intenso e dedicado trabalho de outras pessoas.
    Zito, nada na maionese e nada fez e nem contribuiu. É um oportunista, que sempre quer dançar na festa dos outros. XOU PIRIQUAÊ.

  5. Cidadão codoense acho q vc entrou na prefeitura no tempo do Bine pq as salas da prefeituras estao reformadas sim começando da sala de tributos

  6. ORA SE TANTO O PREFEITO COMO A GOVERNADORA NAO MOVERAM UMA PALHA, A COMISSAO PODERIA NAO TE-LOS CONVIDADOS POR QUE A MAIORIA DO POVO QUE LA ESTAVA ERA ELEITORES DE ZITO

  7. FICOU UMA OBRA MUITO BONITA MESMO, CODO MERECIA UM MEMORIAL PRA CONTAR SUA HISTORIA QUE É MUITO BONITA, TEMOS MUITOS CASARÕES PRA SER REFORMANDO E TRANSFORMADO EM ALGO ÚTIL A SOCIEDADE CODOENSE COMO A ANTIGA FABRICA FICAVA MUITO BONITA SE FOSSE TODA RESTAURADA QUEM SABE COM A SEDE DO INSTITUTO HISTÓRICO EM CODO VAI SER MAIS FÁCIL PRA FAZER PROJETOS E CONSEGUIR RECURSOS PRA REFORMA-LA.

  8. Lucas, ainda bem que não é o SALMISTA. Reformar as salas da prefeitura é uma obrigação do prefeito. Começar pela sala de TRIBUTOS é um INTERESSE do prefeito, para não deixar vestígios de nada. O resto nós já sabemos.

Deixe um comentário